Concurso IBGE: inscrições para 2.658 vagas até esta terça, 15

Saiu o concurso IBGE 2019. O edital IBGE traz 2.658 vagas temporárias para cargos de nível médio e com ganhos de até R$3,5 mil.

Saiu o concurso IBGE 2019, com mais de 2 mil vagas temporárias de nível médio. Como FOLHA DIRIGIDA antecipou, o edital IBGE foi publicado nesta quarta-feira, 25, visando ao Censo Demográfico e com ganhos de até R$3.558. Os selecionados serão contratados por um ano, cabendo prorrogação do contrato por mais um.

Diferente das 3.210 oportunidades previstas na portaria autorizativa do concurso para os cargos contemplados, a seleção conta com 2.658 vagas. Deste total, 1.315 são para agente censitário operacional e 1.343 para coordenador censitário de subárea. 

As oportunidades de coordenador são para vários municípios brasileiros, enquanto as de agente estão divididas por todas as capitais do país - acesse o quadro de vagas com as respectivas lotações no anexo I do edital (página 26 do documento)

Para concorrer ao cargo de coordenador censitário, é preciso ter, além da escolaridade (nível médio)carteira de habilitação na categoria B ou superior. No caso do agente basta ter concluído apenas o nível médio.

enlightenedSaiba como se preparar para concursos em 2019

Os aprovados no concurso IBGE terão remuneração de R$2.158 (agente) e R$3.558 (coordenador), já considerando o auxílio-alimentação de R$458. Além disso, os contratados contarão com auxílios transporte e escolar (para dependentes), assim como férias e 13º salário proporcionais.

Acesse o edital do concurso

Este é o primeiro edital do concurso IBGE, que trará mais de 234 mil vagas temporárias, visando ao Censo Demográfico 2020 - as seleções anteriores visaram ao Censo Experimental.

Edital IBGE, com 2.658 vagas

Agente Censitário Operacional 1.315 vagas Nível médio R$2.158
Coordenador Censitário de Subárea 1.343 vagas Nível médio R$3.558

Inscrições já estão abertas!

As inscrições para o concurso de temporários do IBGE foram abertas às 10h desta quarta-feira, 25, por meio do site da Fundação Getulio Vargas (FGV), banca organizadora. Os interessados têm até as 16h do dia 15 de outubro para se cadastrarem

Para concorrer, será preciso pagar uma taxa de R$42,50 (agente) ou R$58 (coordenador). Os valores deverão ser pagos em agências do Banco do Brasil, até o dia 1º de novembro.

Candidatos inscritos no Cadastro Único dos Programas Sociais (Cadúnico) do Governo Federal e doadores de medula óssea poderão realizar a solicitação da isenção, durante todo o prazo de inscrições.

Sai edital do concurso IBGE com mais de 3 mil vagas (Foto: Divulgação)
Edital IBGE oferece mais de 2 mil vagas temporárias
(Foto: Divulgação)

Concurso IBGE terá provas em dezembro

Os candidatos do concurso IBGE 2019 serão avaliados por meio de provas objetivas, que ocorrerão nas capitais dos 26 estados, além do Distrito Federal, e nos municípios com vagas previstas. De acordo com o edital, o exame será realizado no dia 8 de dezembro, no turno da tarde, das 13h às 17h.

prova objetiva contará com 60 questões. Para agente, as disciplinas serão Língua Portuguesa (15); Raciocínio Lógico e Quantitativo (dez); Ética no Serviço Público (cinco); Noções de Administração (15) e de Informática (15).

Para coordenador censitário, as matérias serão Língua Portuguesa (15); Raciocínio Lógico e Quantitativo (dez); Ética no Serviço Público (cinco); e Noções de Administração e Situações Gerenciais (30).

Inicie os estudos para concursos

 

Para ser aprovado no concurso IBGE, será preciso alcançar, no mínimo, 30% dos pontos da prova objetiva. Além disso, os candidatos não poderão obter nota igual a zero em nenhuma das disciplinas, acertando pelo menos uma questão de cada módulo. 

O resultado final da seleção está previsto para ser divulgado no dia 10 de janeiro de 2020. O prazo de validade do concurso IBGE 2019 será de um ano, contado a partir da data de homologação do resultado final e podendo ser prorrogado por igual período.

IBGE prepara mais concursos

Além dos cargos de agente e coordenador censitário, o concurso IBGE para temporários, visando ao Censo Demográfico, tem outros editais confirmados.

São esperadas ainda vagas para os postos de supervisor (call center), agente censitário municipal, agente censitário supervisor, codificador censitário, supervisor PA e recenseador.

Este último cargo, destinado a quem tem o nível fundamental, é um dos mais esperados, já que contará com 196 mil vagas. O IBGE está autorizado a realizar concurso com 234.416 vagas temporárias, que serão distribuídas por todos os municípios do país, e voltadas para o Censo Demográfico 2020.

Conforme retificação do dia 13 de agosto, todos os editais previstos para esta seleção deverão ser publicados até maio de 2020. Com a prorrogação, as contratações, antes previstas para ocorrerem a partir de janeiro de 2020, deverão ser adiadas para os meses seguintes. 

Confira abaixo as próximas vagas que serão abertas pelo IBGE para cada cargo:

CARGO VAGAS REQUISITO SALÁRIO
Supervisor (call center) 4 vagas Não informado Não informado
Agente Censitário Municipal 6.100 vagas Nível médio R$2.400
Agente Censitário Supervisor 23.578 vagas Nível médio R$2.000
Codificador Censitário 120 vagas Não informado Não informado
Recenseador 196 mil vagas Nível fundamental R$1.100*
Supervisor PA 1.304 vagas  Não informada  Não informado
Recenseador PA 4.100 vagas Não informada Não informado

*O recenseador recebe por produção. Este valor é uma estimativa 

IBGE inscreveu para mais de 600 vagas

Além do concurso com mais de 234 mil vagas temporárias, o IBGE já realizou este ano outras duas seleções. A primeira, com 209 vagas temporárias para o Censo Experimental, foi homologada no dia 23 de agosto. Já a segunda, com 400 vagas temporárias de analista censitário, teve o resultado final das provas divulgado no dia 16 de setembro.

Das 209 vagas oferecidas, 180 foram para o cargo de recenseador, de nível fundamental, quatro para agente censitário municipal e 25 para agente censitário supervisor, sendo ambos de nível médio.

Os aprovados nos cargos de agentes serão contratados pelo período de até seis meses, com ganhos de R$1.700 (supervisor) e R$2.100 (municipal). Já os recenseadores terão contratos de dois meses, com ganhos por produção. As convocações já foram anunciadas.

Já os candidatos para as 400 vagas temporárias do Censo Demográfico 2020 realizaram as provas no dia 1º de setembro. Ao todo, mais de 25 mil candidatos são esperados para os exames.

O resultado final da seleção está previsto para ser divulgado no dia 27 de setembro, com o início das contratações já nos próximos dias, conforme a portaria autorizativa. Os contratos terão duração de 12 meses, cabendo prorrogação. Já a remuneração dos analistas será de R$4.200. 





Comentários