Concurso IBGE terá provas reaplicadas em Barra do Piraí-RJ

Provas do concurso IBGE, com vagas para agente e coordenador censitário, serão reaplicadas em Barra do Piraí, no Estado do Rio de Janeiro.

As provas objetivas do concurso IBGE, que foram aplicadas no dia 8 de dezembro, para os cargos de agente e coordenador censitário, serão reaplicadas, em Barra do Piraí, no Estado do Rio de Janeiro. O comunicado foi feito no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), banca organizadora, no último dia 3.

De acordo com a banca, os candidatos que, por opção, se inscreveram para realizar as provas no município de Barra do Piraí-RJ realizarão os exames novamente, no dia 16 de fevereiro. A FGV afirmou ainda que se compromete a contatar cada um dos inscritos para divulgar o horário e local de realização da avaliação.

O exame será reaplicado porque, segundo a banca, na madrugada do dia 10 de dezembro de 2019, o veículo dos Correios, que continha o malote com os cartões resposta dos candidatos que fizeram prova no município de Barra do Piraí-RJ, foi roubado.

"Os procedimentos necessários foram imediatamente tomados visando esclarecer as condições da ocorrência, informando não apenas a Polícia Federal, como também as demais entidades afetadas por tal incidente", disse a banca.

Com isso, as provas serão reaplicadas para os candidatos que realizaram o exame em Barra do Piraí. Ainda segundo a FGV, tal fato alterou as datas anteriormente definidas de divulgação dos resultados para alguns municípios, por função, sendo:

Função Municípios afetados*
Agente Censitário Operacional (ACO) Rio de Janeiro e São Paulo
Coordenador Censitário Subárea (CCS) Barra do Piraí, Resende e Vassouras

(*) Municípios de concorrência escolhidos, no ato da inscrição, por candidatos que realizaram a prova no município de Barra do Piraí-RJ.

O novo cronograma de eventos para os municípios afetados conta com a divulgação dos locais de prova no dia 10 de fevereiro e a aplicação dos exames no dia 16 do mesmo mês. O resultado final do concurso, com o gabarito final, está previsto para o dia 9 de março.

Para as demais regiões não haverá mudanças no cronograma. Desta forma, o gabarito final e o resultado definitivo da prova objetiva estão previstos para esta segunda-feira, 6, no site da FGV. Já o resultado final do concurso ocorrerá no próximo dia 10. 

Para ser aprovado, é preciso ter alcançado, no mínimo, 30% dos pontos da prova objetiva. Além disso, os candidatos precisam ter acertado, pelo menos, uma questão de cada módulo.

Concurso IBGE oferece 2.658 vagas

Ao todo, o concurso IBGE oferece 2.658 vagas temporárias. Deste total, 1.315 são para agente censitário operacional e 1.343 para coordenador censitário de subárea. 

As vagas de coordenador estão distribuídas por vários municípios, enquanto as de agente são para todas as capitais do país. Para concorrer ao cargo de coordenador era preciso ter, além da escolaridade (nível médio)carteira de habilitação na categoria B ou superior. No caso do agente, a exigência foi apenas o nível médio.

Os aprovados terão ganhos de R$2.158 (agente) e R$3.558 (coordenador), já considerando o auxílio-alimentação de R$458. Além disso, serão oferecidos auxílios transporte e escolar (para dependentes), assim como férias e 13º salário proporcionais.

Após a homologação do resultado final, o concurso IBGE 2019 ficará válido por um ano, podendo ser prorrogado por igual período. Os contratos terão duração de um ano, cabendo prorrogação por igual período. Este é o primeiro concurso IBGE, que terá mais de 225 mil vagas temporárias para o Censo Demográfico 2020.

Saem resultados do concurso IBGE (Foto: Divulgação)
Concurso IBGE teve mais de 161 mil inscritos
(Foto: Divulgação)

 

Novo concurso IBGE já está sendo preparado

Além dos cargos de agente e coordenador censitário, o concurso IBGE para temporários, visando ao Censo Demográfico, tem mais dois editais confirmados. Um deles trará vagas para agente censitário municipal e agente censitário supervisor. 

Ambas as carreiras têm o nível médio como requisito e somam 29.678 vagas, conforme a portaria autorizativa publicada em agosto. Os ganhos para as funções são de R$2.400.

Já o outro edital confirmado é o de recenseador, com 196 mil vagas autorizadas. Neste caso, a carreira tem o nível fundamental completo como requisito e um salário variável, conforme a produção.

Inicie os estudos para concursos

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os dois editais serão publicados em fevereiro. Após a publicação destes documentos, haverá ainda concurso para supervisor (call center) e codificador censitário.

A escolaridade para estas carreiras ainda não foi revelada, assim como seus salários. No entanto, conforme a portaria autorizativa, ambos os cargos têm 124 vagas previstas.

Confira abaixo os cargos e próximos editais previstos:

Cargo Vagas Escolaridade Salário
Supervisor (call center) 4 vagas Não informado Não informado
Agente Censitário Municipal 6.100 vagas Nível médio R$2.400
Agente Censitário Supervisor 23.578 vagas Nível médio R$2.000
Codificador Censitário 120 vagas Não informado Não informado
Recenseador 196 mil vagas Nível fundamental R$1.100*

*O recenseador recebe por produção. Este valor é uma estimativa