Concurso IBGE com 3 mil vagas tem nova previsão: edital até dia 25

Prevista para a próxima sexta, 20, a publicação do edital do concurso IBGE, com mais de 3 mil vagas, ficou para a próxima semana.

Prevista para esta sexta-feira, 20, a publicação do edital do concurso IBGE, com mais de 3 mil vagas temporárias, ocorrerá na próxima semana. De acordo com o coordenador de Recursos Humanos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Bruno Malheiros, o edital deve sair até o dia 25, uma quarta-feira.

Os motivos para a mudança da data de lançamento do edital não foram revelados, mas tudo indica que são ajustes finais no documento. A divulgação do edital é alinhada com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), banca organizadora.

Ao todo, estão previstas mais de 3 mil vagas, que serão distribuídas pelos cargos de agente censitário operacional e coordenador censitário de subárea, ambos de nível médio. Este será o primeiro edital do concurso IBGE, que trará mais de 234 mil vagas temporárias, visando ao Censo Demográfico 2020.

As oportunidades de coordenador censitário de subárea serão para vários municípios e as de agente censitário para todas as capitais. Conforme a portaria autorizativa, estes dois cargos reúnem 3.210 vagas e têm ganhos de R$1.800 (agente) e R$4 mil (coordenador).

IBGE prepara novos concursos em 2019 (Foto: Divulgação)
Divulgação do edital do concurso IBGE é adiada
para a próxima semana (Foto: Divulgação)

 

Além destes dois cargos, o concurso IBGE tem outros editais confirmados. Estão previstas ainda vagas para supervisor (call center), agente censitário municipal, agente censitário supervisor, codificador censitário, supervisor PA e recenseador.

Este último cargo, destinado a quem tem o nível fundamental, é um dos mais esperados, já que contará com 196 mil vagas. O IBGE está autorizado a realizar novo concurso com 234.416 vagas temporárias, que serão distribuídas por todos os municípios do país, e voltadas para o Censo Demográfico 2020.

Conforme retificação do dia 13 de agosto, todos os editais previstos para esta seleção deverão ser publicados até maio de 2020. Com a prorrogação, as contratações, antes previstas para ocorrerem a partir de janeiro de 2020, deverão ser adiadas para os meses seguintes. 

Confira abaixo as vagas previstas para cada cargo:

Coordenador Censitário de Subárea 1 600 vagas Nível médio R$4 mil
Coordenador Censitário de Subárea 2 850 vagas Nível médio R$4 mil
Agente Censitário Operacional 1.760 vagas Nível médio R$1.800
Supervisor (call center) 4 vagas Não informado Não informado
Agente Censitário Municipal 6.100 vagas Nível médio R$2.400
Agente Censitário Supervisor 23.578 vagas Nível médio R$2.000
Codificador Censitário 120 vagas Não informado Não informado
Recenseador 196 mil vagas Nível fundamental R$1.100*
Supervisor PA 1.304 vagas  Não informada  Não informado
Recenseador PA 4.100 vagas Não informada Não informado

*O recenseador recebe por produção. Este valor é uma estimativa 

Concursos IBGE ofereceram mais de 600 vagas

Além do concurso com mais de 234 mil vagas temporárias, o IBGE já realizou este ano outras duas seleções. A primeira, com 209 vagas temporárias para o Censo Experimental, foi homologada no dia 23 de agosto. Já a segunda, com 400 vagas temporárias de analista censitário, teve o resultado final das provas divulgado no dia 16 de setembro.

Das 209 vagas oferecidas, 180 foram para o cargo de recenseador, de nível fundamental, quatro para agente censitário municipal e 25 para agente censitário supervisor, sendo ambos de nível médio.

Os aprovados nos cargos de agentes serão contratados pelo período de até seis meses, com ganhos de R$1.700 (supervisor) e R$2.100 (municipal). Já os recenseadores terão contratos de dois meses, com ganhos por produção. As convocações já foram anunciadas.

Inicie os estudos para concursos

Já os candidatos para as 400 vagas temporárias do Censo Demográfico 2020 realizaram as provas no dia 1º de setembro. Ao todo, mais de 25 mil candidatos se inscreveram.

O resultado final da seleção está previsto para ser divulgado no dia 26 de setembro, com o início das contratações já no dia seguinte, 27, conforme a portaria autorizativa. Os contratos terão duração de 12 meses, cabendo prorrogação. Já a remuneração dos analistas será de R$4.200. 

Comentários