Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso Guarda de BH: sobe para 8 mil o número de isentos da taxa

O número de isentos do concurso Guarda de BH subiu para 8 mil, após a retomada da seleção e reabertura das inscrições.

Após a retomada do concurso para Guarda Municipal de Belo Horizonte, subiu o número de isentos da taxa de inscrição. De acordo com listagem divulgada pela Fundação Guimarães Rosa, banca organizadora, mais de 8 mil candidatos conseguiram a liberação do valor de R$92,50.

Puderam solicitar o benefício apenas os membros de família de baixa renda. Antes da reabertura das inscrições e do prazo para solicitar a isenção, 6 mil pedidos para liberação da taxa já tinham sido concedidos pela organização.

O concurso Guarda de BH foi suspenso, em maio, por não apresentar a reserva de vagas para pessoas com deficiência. Em junho, a seleção foi retomada com a inclusão de 40 oportunidades para essa cota.

Com isso, um novo cronograma foi divulgado e as inscrições ficaram reabertas até o dia 9 de julho, pelo site da banca organizadora. Dessa forma, mais pessoas puderam se candidatar para disputa por uma das 500 vagas de guardas municipais.

Prefeitura de Belo Horizonte realiza concurso com 500 vagas para
Guarda Municipal (Foto: Divulgação)

 

Todas as pessoas que já tinham se candidatado e quitaram a taxa até 17 de maio também foram consideradas inscritos no concurso. O pré-requisito do cargo foi ter o ensino médio completo. A remuneração inicial é de R$2.869,16.

Além de benefícios como vale-transporte; vale-refeição; bonificação por Cumprimento de Metas; resultados e indicadores. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

A organização do concurso Guarda de BH ainda não informou o quantitativo total de inscritos. Mas, pelo alto número de isentos, é possível ter a noção de que a seleção será concorrida.

+ Concurso Guarda de BH: especialista traz análise do edital
Concurso Guarda de BH terá até 2 mil aprovados de nível médio

Provas do concurso Guarda de BH serão em agosto

As provas objetivas do concurso para guardas municipais de BH, de caráter eliminatório e classificatório, estão marcadas para o dia 18 de agosto. A aplicação será feita na capital de Minas Gerais em locais e horário divulgados em 12 de agosto, pela banca organizadora.

Os candidatos deverão responder a 50 questões, das quais dez de Língua Portuguesa, 20 de Legislação, cinco de Noções de Informática, oito de Noções de Geografia Urbana e sete sobre a História de Belo Horizonte.

+ Professor orienta estudo de Português para concurso da Guarda BH 
Concurso Guarda de BH: professores analisam o perfil da banca

Cada questão da prova terá o valor de dois pontos. Para ser aprovado nessa fase, será necessário alcançar o aproveitamento mínimo de 60% dos pontos e não zerar nenhuma disciplina. Os gabaritos preliminares serão divulgados no dia 20 de agosto.

Serão julgados títulos e chamados para o teste físico os 4 mil candidatos com melhores classificações, incluindo as pessoas com deficiência. Eles realizarão os seguintes testes:

  • Homens: força muscular (flexão abdominal), resistência aeróbica (corrida de 2.400 metros) e barra horizontal;
  • Mulheres: força muscular (flexão abdominal), resistência aeróbica (corrida de 2.400 metros) e barra horizontal estática.

Os habilitados em todas as etapas passarão ainda pelo curso de formação, que tem caráter obrigatório. As aulas visam preparar para o exercício das atividades do cargo de Guarda Civil Municipal.

Saiba como estudar para o concurso Guarda de BH: 

ASSINE

Para ter acesso a este conteúdo, notícias e preparativos

ASSINAR


Comentários