Concurso Guarda de BH: sai contratação da banca. Edital em março!

A Fundação Guimarães Rosa foi contratada como banca organizadora do concurso com 500 vagas para Guarda de BH.

O concurso para guarda municipal de Belo Horizonte teve um importante passo rumo ao edital. O extrato de contrato da Fundação Guimarães Rosa (FGR) como banca organizadora da seleção foi publicado nesta sexta-feira, 1º, no Diário Oficial da capital de Minas Gerais.

A assinatura de contrato era a etapa que faltava para a divulgação do edital. Com isso, o documento pode sair nos próximos dias. Em nota, a prefeitura já adiantou que o concurso Guarda de BH será aberto ainda em março.

Reprodução Diário Oficial de Belo Horizonte de 1º de março

 

Em geral, após a contratação da banca, detalhes do concurso são fechados, como cronograma de atividades e conteúdo programático das provas. Conforme consta no projeto básico da seleção, o edital deverá ser redigido em, no máximo, oito dias úteis após a publicação do extrato de contrato no Diário Oficial.

Depois, será dado prazo de dois dias para a corporação avaliar o documento. A Fundação Guimarães Rosa foi definida como organizadora da seleção, em dezembro de 2018, após vencer o pregão eletrônico. 

O concurso terá oferta de 500 vagas para guardas municipais, cujo pré-requisito é o ensino médio completo. A Secretaria de Segurança da cidade, no entanto, espera que sejam chamados até 2 mil aprovados durante o prazo de validade da seleção. As vagas serão para homens e mulheres. O quantitativo por sexo ainda não foi informado. 



Guardas municipais de Belo Horizonte recebem R$2,8 mil

O número de oportunidades para as mulheres tende a crescer. Isso porque o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, aumentou o efetivo feminino da corporação de 5% para 20%. O acréscimo atende às normas da Lei 11.153, de janeiro de 2019.

Atualmente, os guardas municipais em BH têm remuneração de R$2.801,29. O valor corresponde à soma do salário base de R$1.807,29, da Gratificação de Disponibilidade Integral de R$271,09 e do Adicional de Risco de R$722,91.

Concurso Guarda de BH terá 500 vagas para homens e mulheres
(Foto: Prefeitura de Belo Horizonte)

 

Além disso, os servidores também têm direito a outros benefícios, como vale-transporte, auxílio-refeição de R$20, vale-lanche de R$3 e bonificação por cumprimento de metas, resultados e indicadores (BMRI). Sem contar na possibilidade de promoções e progressões previstas no Plano de Cargos e Salários.

A carga de trabalho dos aprovados no concurso será de 40 horas por semana. Os servidores poderão cumprir seus horários em turnos diurnos e noturnos, inclusive em fins de semana, dependendo da necessidade.

Provas objetivas do concurso Guarda de BH terá 50 questões

FOLHA DIRIGIDA teve acesso ao projeto básico do concurso para Guarda de BH. O documento informa o número de vagas, requisitos e também a estrutura de provas. De acordo com o ele, os candidatos serão avaliados em cinco etapas.

A primeira delas será uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Os concorrentes deverão responder a 50 questões, sendo dez de Português, 20 de Legislação, cinco de Noções de Informática, oito de Geografia Urbana e sete de História de Belo Horizonte.

enlightenedTenha acesso a cursos de preparação para concursos

Os aprovados nessa fase serão convocados para a avaliação de títulos e testes de aptidão física. O projeto básico do concurso adianta quais exercícios serão exigidas na prova física. Confira:

  • Flexão abdominal;
  • Corrida de 2.400 metros;
  • Barra horizontal – para homens;
  • Barra horizontal estática para mulheres.

Quem conquistar a classificação nos testes físicos passará ainda pelas etapas de sindicância social e avaliação psicológica. Ambas de caráter somente eliminatório.

Comentários