Concurso Guarda de BH com 500 vagas tem inscrições prorrogadas

As inscrições do concurso para Guarda Municipal de Belo Horizonte, em Minas Gerais, foram prorrogadas até quarta-feira, 15.

Previstas para encerrarem nesta terça-feira, 14, as inscrições do concurso para Guarda Municipal de Belo Horizonte foram prorrogadas. O aviso foi publicado no Diário Oficial da capital de Minas Gerais. Quem quiser concorrer as 500 vagas poderá fazer o cadastro até às 23h59 do dia 15 de maio, pelo site da Fundação Guimarães Rosa (FGR), banca organizadora.

O pré-requisito para ser um guarda municipal é ter o ensino médio completo. A remuneração inicial é de R$2.869,16. Os aprovados ainda terão direito a benefícios como vale-transporte; vale-refeição; bonificação por Cumprimento de Metas; resultados e indicadores.

Para fazer a inscrição, o primeiro passo é preencher a ficha com todos os dados no site da banca. Depois, imprimir o boleto e pagar a taxa de R$92,50. O concurso Guarda de BH ainda não teve parcial de inscritos divulgada.

Concurso para Guarda de Belo Horizonte tem vagas reservadas para
mulheres (Foto: Divulgação)

 

Mas, o número de pessoas que conseguiram a isenção da taxa pode ser um indicativo de que a seleção será concorrida. Ao todo, foram mais de 6.900 isentos. O quantitativo consta em listagem publicada pela Fundação Guimarães Rosa.

Puderam solicitar o benefício os membros de famílias de baixa renda, inscritos no programa CadÚnico.  Das oportunidades do concurso, 400 são para homens e 100 para mulheres, com oportunidades para negros.

A jornada de trabalho dos servidores integrantes da carreira da Guarda Municipal de BH é de 40 horas semanais. O tempo de serviço poderá ocorrer em turnos diurnos e noturnos, inclusive em finais de semana e feriados.

• Concurso Guarda de BH: como a banca cobra História e Geografia?

Provas do concurso Guarda de BH terão 50 questões

As provas objetivas serão a primeira etapa do concurso Guarda de BH. A aplicação está marcada para 23 de junho. Os candidatos deverão responder a 50 questões, sendo dez de Língua Portuguesa, 20 de Legislação, cinco de Noções de Informática, oito de Noções de Geografia Urbana e sete sobre a História de Belo Horizonte.

Cada questão da prova terá valor de dois pontos. Para ser aprovado nessa fase, será necessário alcançar o aproveitamento mínimo de 60% dos pontos e não zerar nenhuma disciplina. Os classificados serão convocados para a etapa de títulos.

• Concurso Guarda de BH: especialista traz análise do edital
• Professor orienta estudo de Português para concurso da Guarda BH 

De acordo com o edital, serão julgados os títulos dos primeiros 4 mil habilitados na prova objetiva, sendo atribuído no máximo 15 pontos. Os títulos têm pontuações variadas, de acordo com a tabela disponível.

Para a prova de capacidade física também serão convocados os 4 mil com melhor pontuação. Eles realizarão os seguintes testes:

  • Homens: força muscular (flexão abdominal), resistência aeróbica (corrida de 2.400 metros) e barra horizontal;
  • Mulheres: força muscular (flexão abdominal), resistência aeróbica (corrida de 2.400 metros) e barra horizontal estática.

Os habilitados em todas as etapas serão submetidos ainda ao curso de formação, que tem caráter obrigatório e visa preparar para o exercício das atividades do cargo de Guarda Civil Municipal.

Concurso Guarda de BH terá até 2 mil aprovados

Além das 500 vagas imediatas do concurso para Guarda Municipal de Belo Horizonte, cerca de 1.500 candidatos formarão o cadastro de reserva. Assim, a seleção terá até 2 mil aprovados! Os dados foram transmitidos com exclusividade à FOLHA DIRIGIDA, pela Secretaria de Planejamento da capital de Minas Gerais.

De acordo com a pasta, o concurso foi planejado para 1.500 aprovados em cadastro de reserva. Eles poderão ser nomeados, conforme a necessidade da corporação, no decorrer do prazo de validade da seleção – que será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

“O certame foi planejado para que se tenha aproximadamente 1.500 candidatos aprovados em cadastro de reserva. No entanto, o número pode variar conforme inaptidão dos candidatos durante o processo admissional”, destacou a Secretaria de Planejamento.

As primeiras admissões não devem demorar. Isso porque a prefeitura confirmou que o concurso está previsto para ser homologado em dezembro de 2019. Segundo o setor de Planejamento, os aprovados para as vagas imediatas serão nomeados logo após a homologação. 

Como estudar para o concurso Guarda de BH?

ASSINE

Para ter acesso a este conteúdo, notícias e preparativos

ASSINAR


Comentários