Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Concurso para agentes socioeducativos da Fundac-PB deve sair em 2019

Concurso para agentes socioeducativos da Fundac-PB deve sair em 2019

O concurso para a Fundação Desenvolvimento da Criança e Adolescente "Alice Almeida" (Fundac-PB) deve ser realizado em 2019.

O concurso para a Fundação Desenvolvimento da Criança e Adolescente "Alice Almeida" (Fundac-PB) deve ficar para 2019, segundo informações da presidência do órgão. A seleção prevê a oferta de 300 vagas para agentes socioeducativos.

A criação do cargo foi sancionada pelo atual governador do estado em outubro de 2017, mas a seleção acabou não acontecendo. Agora, com a troca de governo, o concurso dependerá da autorização do próximo governador, João Azevêdo, para acontecer.

Os interessados nesse concurso deverão ter ensino médio ou médio/técnico. A remuneração inicial é R$937, além da Gratificação de Atividades Especiais e de Risco (Gaer) de R$374,80, o que eleva os ganhos para R$1.311,80. Em alguns casos específicos, será pago um adicional noturno.

A carga horária desses profissionais poderá ser de 40 horas semanais ou em regime de plantão. Neste caso será de 12 x 36 horas e revezamento no período diurno e noturno. A contratação será pelo regime estatutário, que garante estabilidade empregatícia ao servidor.

Agente socioeducativo
Concurso deverá ser realizado em 2019 (Foto: Divulgação)

Concurso será realizado em cinco etapas

O concurso para a seleção desses novos profissionais que atuarão na Fundac-PB será realizado em cinco etapas. Além das provas objetivas, haverá prova física, exame psicotécnico, investigação social e um curso de formação.

 Concursos 2019: um guia completo para você

Dentre as principais funções do cargo de agente socioeducativo estão:

  • Intervir pedagogicamente, de forma direta ou indireta, nos processos socioeducativos, através do diálogo, orientações técnicas e administrativas
  • Participar da elaboração, execução e avaliação do Plano Individual de Atendimento (PIA)
  • Acompanhar as atividades diárias, orientar e dar suporte aos socioeducandos de seu grupo de trabalho
  • Participar das reuniões periódicas para discutir o desenvolvimento dos socioeducandos juntamente com as equipes técnicas
  • Acompanhar os socioeducandos em atividades extras
  • Entre outras

Enquanto aguardam mais definições sobre o concurso, os interessados podem aproveitar esse período para se preparar para essa seleção. Neste vídeo, a coach em concursos públicos, Deborah Cal, dá dicas sobre como o concurseiro pode iniciar sua preparação mesmo sem editais anteriores para se basear. Assista!  




Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações