Concurso Fundação Saúde-RJ: projeto do edital traz matérias da prova

Em processo de escolha da banca organizadora, projeto básico do edital do concurso Fundação Saúde-RJ revela matérias da prova objetiva.

concurso Fundação Saúde-RJ, com 1.791 vagas, já tem as etapas de seleção definidas. FOLHA DIRIGIDA teve acesso ao projeto básico do edital, que revela as matérias que serão cobradas na prova objetiva. O documento também traz as áreas do cargo de médico, entre outros detalhes.

De acordo com o projeto básico, a prova contará com 40 questões, sendo: cinco de Português, cinco de Conhecimentos sobre SUS e 30 de Conhecimentos Específicos. O exame terá cinco alternativas de múltipla escolha, com uma opção correta. 

Cada questão terá dois pontos. A prova contará com 80 pontos no total, e, para ser aprovado, será preciso acertar 50% (40 pontos), no mínimo. Independentemente do total de pontos alcançado, o candidato que obtiver nota igual a zero em algum dos conteúdos estará eliminado. 

Os aprovados na objetiva, nos cargos de nível superior, serão encaminhados para a avaliação de títulos e experiência profissional. Para esta etapa, no entanto, será preciso se classificar dentro de um número limite já definido no projeto básico.

Inicie seus estudos

Com 1.791 vagas confirmadas, o projeto do edital confirma a distribuição das oportunidades, os requisitos e as etapas da seleção. O concurso será para a contratação de pessoal por prazo determinado e contará com os seguintes cargos:

  • Assistente social (24 vagas); 
  • Biólogo - em especialidades a serem definidas (25);
  • Enfermeiro - em especialidades a serem definidas (251);
  • Engenheiro de segurança do trabalho (uma);
  • Farmacêutico (36);
  • Físico nuclear (uma);
  • Fonoaudiólogo (nove);
  • Médicos - em especialidades a serem definidas (549);
  • Nutricionista (14);
  • Odontólogo (quatro);
  • Psicólogos (dez);
  • Químicos (três);
  • Técnico de enfermagem (747);
  • Técnicos de farmácia (44);
  • Técnicos de laboratório - em especialidades a serem definidas (67); e
  • Técnicos em saúde bucal (seis).

O concurso Fundação Saúde-RJ será destinado a candidatos com nível médio técnico e curso superior, na área de interesse. Os cargos de biólogo, enfermeiro e médico tiveram suas especialidades definidas, no projeto do edital.

De acordo com o documento, o biólogo terá vagas para a área de Análises Clínicas. O posto de enfermeiro, por sua vez, terá oportunidades para CTI, CCIH e Geral. Já o médico contará com as seguintes áreas:

Anatomopatologista; anestesista; arritmologista; broncoscopista; cardiologista; cirurgião (cardíaco, geral, pediatra, torácico, vascular); clínico geral; dermatologista; ecocardiografista; endocrinologista; geriatra; ginecologista/obtetra; hematologia; hemoterapeuta; infectologista; intensivista; neurologista; oftamologia; pediatra; pneumologista; psiquiatra; radiologista; e urologista.

Concurso Fundação Saúde-RJ está confirmado (Foto: Divulgação/Fundação Saúde)
Concurso Fundação Saúde-RJ terá 1.791 vagas para diversos cargos
(Foto: Divulgação/Fundação Saúde)

Escolha da banca terá processo nesta terça, 3

Desde novembro, a Fundação Saúde-RJ realiza o processo de escolha da banca organizadora. Na próxima terça-feira, 3, no entanto, ocorrerá uma audiência pública com os interessados na seleção.

A previsão é que a banca organizadora seja definida em breve, podendo ser anunciada ainda em dezembro. De acordo com o projeto básico do edital, após a escolha da empresa, o cronograma será elaborado. 

O documento prevê inscrições em 30 dias. As provas objetivas poderão ocorrer após sete dias o término das inscrições. No entanto, este prazo deverá ser maior, conforme os últimos concursos.

De acordo com a Fundação Saúde-RJ ainda não há uma data prevista para a divulgação do edital. Porém, com as vagas fechadas e o concurso sendo preparado, a expectativa é que o documento seja publicado ainda este ano. 

concurso Fundação Saúde-RJ terá validade de dois anos, após a homologação. Conforme o projeto básico, os candidatos aprovados, além do número de vagas previsto, irão compor um cadastro de reserva, que poderá ser utilizado durante o prazo de validade da seleção.

♦ Assinante FOLHA DIRIGIDA tem acesso exclusivo 
ao projeto básico do concurso Fundação Saúde-RJ. Confira! 

Confira o projeto básico do edital

Ganhos inicias chegam a R$6 mil

No dia 30 de outubro, o governador Wilson Witzel autorizou o concurso Fundação Saúde-RJ. De acordo com o aval, as contratações serão feitas por prazo determinado de dois anos, podendo prorrogar por mais um ano.

Os contratos temporários serão firmados individualmente e terão eficácia a partir de suas formalizações. As jornadas de trabalho irão variar, conforme a carreira, entre 24 horas, 32 horas e meia e 40 horas. Já as remunerações serão de:

  • Assistente social, biólogo, enfermeiro, farmacêutico, fonoaudiólogo, nutricionista, odontólogo e psicólogo - R$2.546,80;
  • Engenheiro de segurança do trabalho e  físico nuclear- R$4.357,50;
  • Médico - R$6.442,08;
  • Químico - R$2.704,95;
  • Técnico de enfermagem, farmácia, laboratório e em Saúde Bucal - R$1.283,59;

enlightenedConfira provas para download do concurso Fundação Saúde-RJ 2019enlightened

Os aprovados no concurso Fundação Saúde-RJ terão direito à licença maternidade ou paternidade, férias, 13º salário, adicional de periculosidade e adicional de insalubridade. 

Último concurso Fundação Saúde-RJ foi em 2014

Em 2014, a Fundação Saúde publicou dois editais. No mais recente, divulgado em maio, as oportunidades foram destinadas a cargos dos níveis médio técnico e superior. O destaque foi a carreira de técnico de enfermagem, com 70 vagas e ganhos de R$1.210,93.  

Ainda no nível médio técnico, foram oferecidas vagas para os cargos de técnico de farmácia, técnico de laboratório (nas áreas de Hemoterapia e Imagenologia), técnico em saúde bucal e técnico em segurança do trabalho.

Já no nível superior, a Fundação contratou para os cargos de: terapeuta ocupacional, nutricionista, psicólogo, enfermeiro, biólogo, educador físico, assistente social, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo e médico (diversas especialidades).

Os vencimentos, na época, chegaram a R$6.077,43. Já a seleção foi organizada pela Fundação BioRio. Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas e de títulos (somente cargos de nível superior).

Na parte de múltipla escolha, os candidatos tiveram que responder a perguntas de: Português, Sistema Único de Saúde (SUS) e Conhecimentos Específicos. Para quase todas as funções de nível superior (exceto médico) foi cobrado também Raciocínio Lógico.

Comentários