Concurso Aeronáutica de sargentos tem último dia de inscrição

Foi publicado o novo edital com 156 vagas do concurso para a EAGS, cujo objetivo é iniciar a formação de sargentos em áreas técnicas.

Foi publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 19 janeiro, o aviso de edital do novo concurso Aeronáutica para a EAGS, cujo objetivo é a formação de sargentos para o ano de 2021. Para o novo processo, serão providas 156 vagas imediatas. As inscrições são recebidas até esta quarta, 12 de fevereiro. 

Edital EAGS

O concurso é para o Estágio de Adaptação à Graduação de Sargento (EAGS), cujas oportunidades são para candidatos de ambos os sexos, em várias áreas. Este ano, a Aeronáutica distribuiu as vagas da seguinte forma:

  • Eletrônica (BET) - 26 vagas;
  • Administração (SAD) - 40 vagas;
  • Enfermagem (SEF) - 42 vagas;
  • Eletricidade (SEL) - dez vagas;
  • Informática (SIN) - 16 vagas;
  • Laboratório (SLB) - cinco vagas;
  • Obras (SOB) - seis vagas;
  • Pavimentação (SPV) - três vagas;
  • Radiologia (SRD) - cinco vagas; e
  • Topografia (STP) - três vagas.

Para concorrer ao concurso EAGS, é necessário ter o nível médio/técnico na respectiva área de interesse. Além disso, não ter menos de 17 e não completar 25 anos de idade até 31 de dezembro do ano da matrícula no EAGS 2021.

 enlightenedFOLHA DIRIGIDA realiza o primeiro Palestrão Futuro Servidor - Carreiras da Segurança (Edição RJ)
Saiba mais e inscreva-se!

No momento da matrícula no curso, o candidato passa à situação de aluno e receberá soldo aproximadamente de R$1.066 (valor referente a 2019). Após a conclusão do estágio, haverá a promoção à graduação de terceiro-sargento, passando o soldo para R$3.825 (valor também de 2019).

(Foto: Divulgação)
Aeronáutica publica edital do concurso EAGS 2021
(Foto: Divulgação)

Concurso EAGS encerra inscrições nesta quarta, 12

Os cadastros podem ser realizados por meio do site de ingresso da Aeronáutica, até esta quarta, 12 de fevereiro. Inicialmente, os concorrentes devem preencher o formulário com os principais dados para cadastro.

No entanto, a participação somente será confirmada após o pagamento da taxa de inscrição. O valor é de R$60, que poderá ser pago até o dia 20 de fevereiro.

Candidatos serão avaliados por meio de cinco etapas

A Força Aérea Brasileira realiza processo de seleção do concurso EAGS com cinco etapas, como de costume. A primeira avaliação será as provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório. A data escolhida para o exame foi 26 de abril de 2020.

As provas ocorrerão no turno da manhã, com início às 9h40 e portões sendo fechado às 9h. No exame, os candidatos responderão a questões de Língua Portuguesa e Conhecimentos Especializados (relativos à especialidade a que concorre o candidato).

Os exames da Aeronáutica, geralmente, são aplicados nas localidades onde se encontram as Organizações Militares de Apoio, sendo elas: Belém-PA, Recife- PE, Natal- RN, Rio de Janeiro- RJ, Belo Horizonte- MG, São Paulo- SP, São José dos Campos- SP, Campo Grande- MS, Canoas- RS, Santa Maria- RS, Curitiba- PR, Brasília- DF, Manaus- AM, Porto Velho- RO, Boa Vista- RR.

+ Aprovada na EAGS em 5 meses, sargento ajuda concurseiros no YouTube

Além das provas objetivas, haverá inspeção de saúde, exame de aptidão psicológica, teste de avaliação do condicionamento físico e prova prática da especialidade. Por último, passarão pelo procedimento de heteroidentificação complementar e a validação documental.

Após a obtenção de êxito e aprovação em todas as etapas, os habilitados dentro do quantitativo especificado serão selecionados pela Junta Especial de Avaliação (JEA) para se apresentarem na Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), em Guaratinguetá (SP), em 2021, para habilitação à matrícula no curso, que terá duração de aproximadamente um ano.

Confira o material de preparação da FOLHA DIRIGIDA e comece já os estudos para o concurso!

E-books 
Provas para download
Artigos sobre concursos
Editais verticalizados
Vídeos com dicas

Professora dá orientações para prova de Português

Disciplina comum a todos os cargos, Língua Portuguesa merece atenção especial dos candidatos. A professora Cristina Castanheira, do Progressão Educação, deu orientações para os concorrentes na matéria. Confira!

- Qual é a estrutura da prova de português? 

A estrutura da Prova de Português consiste em 40 questões de múltipla escolha com quatro alternativas. A exceção de um cargo apenas, a prova possui um texto (não muito grande), quatro questões de interpretação (as quatro primeiras) e depois todas as outras de gramática tradicional.

- Qual o peso da disciplina de português nessa prova?

Muito grande, um exame muito concorrido em virtude de um número limitado de vagas. Há que se esforçar para quase gabaritar a prova. Acima de 35 acertos. É claro

Professora Cristina Castanheira
(Foto: Progressão Educação)

que a prova com mais peso é a de Conhecimentos Específicos, porém os candidatos demonstram maior desconforto com a parte de Português, afinal a sua parte profissional já conta com uma vocação natural de cada área específica. Além disso, o teste apresenta 40 questões, um verdadeiro desespero para quem não se preparou.

- Geralmente quais são os tópicos de Português mais aparecem na prova? Consegue selecionar os 5 mais importantes?

Interpretação de textos, classes gramaticais e questões de sintaxe, envolvendo, também, concordância, regência, crase, assim como questões que envolvam semântica e discurso.

 - A banca costuma utilizar pegadinhas?

Sim, e cabe lembrar que as “pegadinhas” são feitas para os alunos que estudam, tentando ludibria-los dentro dos conteúdos estudados. A banca da Aeronáutica é sagaz em criar exemplos não usuais, em que o aluno, por exemplo encontre um termo ou regra da norma culta tradicional em uso inusitado como, por exemplo, um pronome possessivo que não tenha caráter de posse. É isso!  

- Qual conselho deixa pra quem está em busca de uma vaga no EAGS?

O conselho é que entre em um curso com histórico de aprovação, organize material, faça um grupo de estudos e abdique de sua vida pessoal, porque, para a prova deste ano, temos uns três meses somente para estudar. Porém, com força, foco e fé, qualquer candidato consegue. Mesmo que tenha pouca base de sua vida escolar, o importante é ter inteligência emocional para estudar que consegue.