Concurso ESA registra mais de 118 mil inscritos para as três áreas

A Escola de Sargentos das Armas divulgou a concorrência do concurso ESA, que terá mais de 118 mil inscritos sendo convocados para as provas.

Foi divulgada a concorrência final do concurso ESA. A Escola de Sargentos das Armas do Exército Brasileiro recebeu 118.615 inscrições para as três áreas. Todos esses candidatos serão convocados para a primeira etapa, que serão as provas objetiva e de redação.

A demanda completa de inscritos foi divulgada pela instituição no site oficial de admissão. Como já era esperado, a maior procura foi para a área Geral/Aviação, confira:

  • Geral/Aviação: 85.587 homens / 22.335 mulheres;
  • Música: 2.654 homens / 535 mulheres;
  • Saúde: 1.748 homens / 7.504 mulheres.

Embora tenha tido o maior número de inscritos, a área Geral/Aviação no sexo masculino não será a de maior concorrência, visto que também é a que oferta mais vagas. A maior concorrência será no sexo feminino com 233,35 candidatos por vaga, enquanto que para os homens serão 95,1.

Concurso da ESA reúne 118 mil inscritos (Foto: Divulgação)
Concurso da ESA reúne 118 mil inscritos (Foto: Divulgação)

A demanda de inscritos do concurso da ESA superou em 24 mil o ano anterior. Em 2018, a Escola de Sargentos das Armas recebeu 94 mil candidaturas na soma de todas as áreas. Com a alta concorrência, os candidatos devem intensificar ainda mais os estudos.

Concurso ESA terá prova objetiva e redação

A primeira etapa do concurso da Escola de Sargentos das Armas do Exército está prevista para acontecer no dia 4 de agosto, domingo. O exame acontecerá em diversas cidades, como Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Uberlândia, Manaus, entre outras Guarnições de Exame e Organizações Militares Sedes de Exames (OMSE), conforme o edital.

O exame será dividido em cinco partes para Área Geral/Aviação e seis partes para Área Música e da Saúde, com valor de zero a dez pontos. As questões serão distribuídas da seguinte maneira:

  • 1ª parte - Prova de Matemática (12 questões para áreas Geral/Aviação e oito para as áreas Música/Saúde);
  • 2ª parte - Prova de Português (12 e oitos questões, respectivamente);
  • 3ª parte - Prova de História e Geografia do Brasil (12 e seis questões de cada disciplina para área Geral/Aviação e oito e quatro questões de cada disciplina para as áreas de Música/Saúde);
  • 4ª parte - Prova de Inglês (quatro questões para área Geral/Aviação e quatro para as áreas de Música/Saúde);
  • 5ª parte - Prova de Conhecimentos Específicos da área técnica de Enfermagem, na área de Saúde (12 questões) e Prova de Teoria Musical para a área de Música (12);
  • 6ª parte - Prova de Português (questão única discursiva/redação).

Será aprovado o candidato que alcançar, no mínimo, 50% de acertos do total das questões de cada uma das partes da prova, exceto a parte de Inglês, em que será preciso alcançar pelo menos 25% de acertos. Será necessário, ainda, obter nota igual ou superior a cinco na redação.

O edital do concurso da ESA foi divulgado em fevereiro. O documento trouxe 1.100 vagas para os cursos de formação e graduação de sargentos, no ano de 2020/2021, nas áreas Geral, Aviação, Música e Saúde.

As oportunidades são para candidatos de ambos os sexos. Para concorrer, é necessário ter o preciso ter nível médio, idade entre 17 e 24 anos para as áreas Geral e Aviação, e entre 17 e 26 anos para as áreas de Música e Saúde.  

CADASTRE-SE

Para ter acesso a este conteúdo

CADASTRE-SE


Comentários