Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Concursos DF 2019: confira seleções previstas em diversas áreas

Concursos DF 2019: confira seleções previstas em diversas áreas

O Distrito Federal tem concursos com mais de 2 mil vagas previstos para o segundo semestre. Veja quais são eles!

O Distrito Federal tem mais de 2 mil vagas previstas em concursos, que devem acontecer no segundo semestre. As oportunidades são para diversas áreas desde tribunais a policiais. Ao todo, são 2.057 vagas que contemplam os níveis médio e superior. Confira!

Sefaz-DF

A Secretaria de Fazenda do Distrito Federal (Sefaz-DF) tem concurso previsto para auditor. A oferta será de 120 vagas, sendo 40 imediatas e 80 para formação de cadastro de reserva. No entanto, a expectativa é que após a conclusão dos estudos de viabilidade orçamentária, novas vagas sejam incluídas.

Em resposta à FOLHA DIRIGIDA, a assessoria de comunicação do órgão informou que "o concurso é uma prioridade de governo. A meta é selecionar novos auditores que ajudarão o Distrito Federal no trabalho de melhorar a arrecadação fiscal”.

Acesse cursos de preparação para concursos:

 

As vagas serão destinadas a graduados em qualquer área. A remuneração inicial de carreira para auditores do Sefaz-DF é de R$14.970. Porém, o valor poderá chegar a R$22.196,62, quando somadas as gratificações e adicionais previstos em lei.

PC-DF

Os concursos para Polícia Civil-DF também estão entre os mais aguardados para 2019. A publicação dos editais para agentes e escrivães está prevista para julho.

Ao todo, serão oferecidas 1.800 vagas, sendo 1.500 de agentes e 300 de escrivães. Esse número está abaixo das previstas 2.100 vagas, informadas pela corporação no ano passado.

Os salários são de:

Escrivão de Polícia e Agente por classe  Salário*
Especial R$13.751,51
Primeira Classe R$10.961,45
Segunda Classe R$9.129,01
Terceira Classe R$8.698,78

Adasa

O prazo para a publicação de edital do concurso Adasa-DF (Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal) é até setembro. Serão oferecidas 25 vagas, de acordo com a Assessoria de Imprensa. Desse total, 18 serão destinadas ao cargo de regulador de serviços públicos, que exige nível superior. O salário é de R$10 mil.

Já as outras sete vagas serão para o técnico de regulação de serviços públicos, que tem como exigência o nível médio. O vencimento inicial é de R$4.350. Tais valores são de 2015, conforme a última atualização. Os servidores cumprirão jornada de trabalho de 40 horas semanais.

TC-DF

O concurso para o Tribunal de Contas do Distrito Federal (TC-DF) terá dez vagas para auditor de controle externo (salário de R$18.938,23), uma vaga para procurador (R$27.423,99) e uma vaga para auditor conselheiro substituto (R$11.341,20).

Para finalizar o cronograma e a publicação do edital ainda falta a contratação da banca organizadora. O contrato com o Cebraspe já foi autorizado pela Presidência do tribunal, mas não foi assinado.

PG-DF

A Procuradoria Geral do Distrito Federal (PG-DF) tem concurso autorizado desde julho de 2018. Ao todo, a previsão é que sejam abertas 100 vagas, sendo 43 para o cargo de técnico jurídico e 57 para analistas. Para concorrer, será preciso ter nível médio e superior, respectivamente.

O vencimento inicial para o técnico será de R$4.720, podendo chegar a R$5.873,33 com as progressões na carreira. Já para analistas, os ganhos serão de R$7.320, podendo chegar a R$9.410. Ambas as funções têm jornada de trabalho de 40 horas.

Câmara aprova PL que reserva vagas para negros

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou na quarta-feira, 5, o projeto de lei que reserva 20% das vagas para negros em concursos do DF. Por mais que essa já seja uma regra para órgãos federais, as seleções na capital brasileira ainda não tinham a obrigatoriedade.

O PL 267/2019, de autoria da deputada Arlete Sampaio, foi aprovado pela Câmara em segunda discussão e segue para sanção do governador. Caso tenha aval, será criado o sistema de cotas para negros em concursos do Distrito Federal.

A reserva será aplicada sempre que o número de vagas for igual ou superior a três. As normas valerão no âmbito da administração pública das autarquias, das fundações públicas, das empresas públicas, das sociedades de economia mista controladas pelo Distrito Federal e do Poder Legislativo.

De acordo com o projeto de lei, poderão concorrer às vagas reservadas a negros aqueles que se autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição no concurso. Desde que obedeçam aos quesitos de cor ou raça utilizados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

CLDF aprova projeto de lei que reserva 20% das vagas para negros
em concursos do Distrito Federal (Foto: Bruna Somma)

 

Para verificação da autodeclaração deverá ser indicada uma comissão designada para tal fim, com competência deliberativa. Como justificativa para o PL, a deputada Arlete Sampaio destacou que pretende trazer para o Distrito Federal as regras que já são válidas para nível federal.

“A instituição do sistema de cotas distritais, objeto da presente proposta legislativa, pretende trazer para o Distrito Federal as disposições contidas na Lei federal no 12.990/2014. Constitui-se em ação afirmativa, que se conceitua como a adoção de medidas especiais pelo Estado e por particulares para correção das desigualdades raciais e promoção da igualdade de oportunidades.”

A parlamentar ainda aponta que 57% da população brasiliense se declara negra. “Vivemos numa realidade em que negras, negros e culturas de matriz africana não são respeitados. Segundo o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, nos últimos anos, os casos de racismo aumentaram 1.190%”, constatou Arlete.

A Câmara do DF também aprovou, em segunda discussão, o PL nº 65/2019. Esse projeto de lei inclui, nas normas gerais para realização de concursos públicos, a declaração de desistência da nomeação ou posse, abrindo vaga para o próximo candidato aprovado.

Caso o PL seja aprovado pelo governador, as seleções previstas já deverão ter a obrigatoriedade de reserva de 20% das vagas para negros.

No vídeo abaixo, veja outros concursos que estão previstos para 2019: 




Comentários


NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações