Folha Dirigida Entrar Assine

9 passos para fazer sua planilha de estudos para concursos

Você sabe como montar a sua planilha de estudos para concursos? O professor Leonardo Murga reuniu 9 passos para você.

Planejar os estudos é uma tarefa um tanto difícil, acertamos? Afinal, você precisa ter uma análise completa do edital, para saber quais disciplinas valem mais, precisa avaliar seu conhecimento prévio e afinidade com o conteúdo, entre outros pontos que contam na hora de fazer a planilha de estudos para concursos.

Imagine um engenheiro civil que construirá um prédio simplesmente não se planejar? Não verificar os materiais ou se quer formular um desenho. Bem, o resultado você já deve saber: não será possível a construção do prédio. Pois bem, a sua aprovação também depende de um planejamento!

Se você ainda não sabe qual área escolher - o primeiro passo que você precisa dar antes de montar seu planejamento - pode conferir neste e-book.

download guia rápido para escolher sua área

Vamos direto ao ponto? COMO SE PLANEJAR?

A FOLHA DIRIGIDA conversou com o Leonardo Murga e montou nove passos de como você pode fazer o seu planejamento com todas as matérias!

Como montar sua planilha de estudos - Imagem: Pexels

1- ESCOHA SUA ÁREA DE CONCURSO

Escolher a sua área de concurso é fundamental para começar a pensar no seu planejamento, sem isso você não terá um foco definido, o que poderá dificultar bastante a sua chance de aprovação. Não sabe como escolher a sua área? Confira aqui nessa matéria com o professor Leonardo Mrga.

2- ESTUDE OS EDITAIS

Como aproveitar sua formação e conhecimentos específicos. Sabia que pode diminuir a concorrência na hora de aplicar para alguma vaga de concurso público?  Leonardo Murga ensina você como sair na frente de outros candidatos em um grande concurso.

3- SEPARE AS MATÉRIAS QUE VOCÊ PRECISA ESTUDAR

Se você já começou pelo edital anterior e o novo acaba de sair, compare os editais e separe os tópicos que você precisa estudar. Isso vale também para editais da mesma área, mas de concursos diferentes. Verificando assuntos em comum entre editais você poderá otimizar o tempo de seu estudo.

Forme ciclos de conteúdo, agrupe matérias em comum, de preferência até três conteúdos. É importante que você alterne os ciclos também. Você pode separar em uma lista ou usando o Excel para construir uma planilha: o importante é fazer da forma que você melhor achar para conseguir a sua organização.

4- INICIANDO O PLANO DE AÇÃO

Iniciando os estudos: sabia que quantidade não é qualidade? Não se estuda para um concurso em um dia. Você deve traçar metas diárias, semanais e mensais. Monte um horário, defina os horários disponíveis para estudo.

Lembre-se, imprevistos acontecem. Vcê pode adaptar o seu horário ou montar ele por semana! Atenção, encontre fontes confiáveis para montar o seu material de estudo.

Já conferiu os conteúdos exclusivos para assinante da FOLHA DIRIGIDA lá na aba de Preparação e em Vídeos? Lá, você encontra materiais com questões e vídeos repletos de dicas para ajudar você a conquistar a sua aprovação!

5- CRIANDO SUAS METAS

Que metas? Aprenda, quando for iniciar o seu estudo, que você deve ter definido qual tópico estudará naquele dia. Dependendo do seu tempo, dívida um edital e seus conteúdos em tópicos e trabalhe ele aos poucos. Utilize-se os ciclos e trabalhe um por dia.

Importante: Não crie metas impossíveis! Seja realista na hora de separar o conteúdo do seu estudo diário.

6- MONTE O RESUMO E ABSORVA BEM O CONTEÚDO

Teste se você gravou o conteúdo estudado: comente com algum familiar ou colega sobre o assunto, dê uma aula informal até para você mesmo, pode ser um vídeo ou em uma folha em branco. Essa é uma excelente forma de perceber se você entendeu e gravou os conteúdos. Caso note que esqueceu, retome a leitura desse tópico.

7- METAS DE EXERCÍCIOS

Você precisa praticar! Pegue provas antigas e faça metas de exercícios para serem feitos durante a semana e no mês! Não esqueça também de simulados e testes. É com a prática de questões que você conseguirá chegar à prova mais bem preparado e evitará errar coisas que você já errou durante o treino por questões.

8- DIAGNÓSTICO DO ESTUDO

Essa é a principal parte. Avalie quantos exercícios acertou/ errou por semana, verifique se você está conseguindo guardar os conteúdos estudados e monte relatórios do seu desempenho. Não desanime com a quantidade de erros. Lembre-se de que é melhor enquanto você treina e, claro, identificar e corrigir esse erro, para na hora da prova conseguir um bom desempenho.

9- ESTUDAR É TAMBÉM SE CONHECER MELHOR

Não existe uma fórmula do sucesso, esqueça isso! Estudar não é talento, e sim um hábito diário até encontrar a melhor forma de ter mais resultados para você. Pegue o seu diagnóstico de estudo, faça alterações, troque ideias com amigos. 

Gostou das dicas da FOHA DIRIGIDA com o Professor Leonardo Murga? Fique atento para mais novidades em breve!

Comentários