Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Concurso DPE-PE altera data de prova escrita

O concurso DPE-PE modificou a data da próxima etapa. Seleção oferece 50 vagas para o cargo de defensor e tem salário de R$17.400.

O concurso DPE-PE modificou a data de sua próxima etapa: as provas escritas. Agora, a avaliação está marcada para o dia 8 de abril no turno da manhã. A retificação foi publicada no site do organizador, Cespe. Segundo o edital, esta etapa será constituída de duas questões discursivas, valendo dois pontos cada, a serem respondidas em até 15 linhas cada, versando sobre as disciplinas jurídicas relativas à segunda fase. 
 
Os candidatos também passarão por uma peça prática, valendo seis pontos, a ser respondida em até 120 linhas. A duração da prova escrita será de cinco horas. O consurso da Defensoria Pública do Estado de Pernambuco seleciona para 50 vagas, todas no cargo de defensor público. O salário da carreira é de R$17.400, para carga horária de 40 horas semanais. 
 
Fachada da Defensoria Pública do Estado de Pernambuco - DPE
Concurso DPE-PE muda data de prova (Foto: Divulgação)
 
A primeira fase do concurso foi a prova objetiva, aplicada em 28 de janeiro. Os candidatos tiveram que responder a 100 questões divididas em disciplinas da área Jurídica.

Proximas fases do concurso DPE-PE

Depois da prova escrita haverá a fase de inscrição definitiva, em que será convocado o candidato que  for aprovado na prova escrita e classificado conforme o critério: ampla concorrência até a 242ª posição e candidatos que se declararam com deficiência até a 8ª posição.
 
Posteriormente haverá também a prova oral, em que o candidato terá que ler e responder a perguntas sobre as disciplinas jurídicas, divididas em:
 
grupo I – Direito Civil e Direito Processual Civil;
grupo II – Direito Penal e Direito Processual Penal.
 
Será eliminado o candidato que obtiver nota inferior a seis pontos. Essa etapa terá duração de até 20 minutos e somente serão convocados para a realização da prova oral os candidatos habilitados na inscrição definitiva.
 
O concurso possui ainda a etapa de avaliação de títulos que valerá dez pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos apresentados seja superior a esse valor. Somente serão convocados os candidatos aprovados na prova oral. O candidato deverá entregar os documentos referentes à análise de títulos no prazo que será divulgado no edital de convocação para esta fase. 



 

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações