Concurso Detran-PA: 8 mil candidatos conseguem isenção da taxa

Mais de 8 mil candidatos tiveram a isenção da taxa de inscrição no concurso Detran-PA com 100 vagas.

Com provas marcadas para fevereiro, o concurso do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran-PA) registrou mais de 8 mil isentos. Puderam pedir o benefício membros de famílias de baixa renda e pessoas com deficiência.

Os dados foram disponibilizados pela Fadesp, banca organizadora da seleção com 100 vagas. O alto número de candidatos com a isenção da taxa pode ser um indicativo de que o concurso será concorrido. A estatística total de inscritos ainda não foi divulgada.

Os cartões de inscrição (com os locais de aplicação da prova) estarão disponíveis para impressão de 22 a 25 de janeiro, pelo portal da Fadesp. O concurso para o Departamento de Trânsito do Pará oferece 66 vagas para agente de fiscalização de trânsito e 34 para agente de educação de trânsito.

Detran-PA realiza concurso com 100 vagas para nível
médio (Foto: Seplan-PA)

 

As inscrições foram encerradas no dia 20 de dezembro de 2018. Para se candidatar a ambos os cargos foi preciso ter ensino médio completo. Para agente de fiscalização houve axigência ainda de Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo A e B, efetiva há dois anos.

A remuneração é de R$2.191,52 para as duas carreiras. A carga de trabalho é de 30 horas e o regime de contratação é o estatutário, que assegura a estabilidade ao servidor.

Provas do concurso Detran-PA serão no dia 10 de fevereiro

As primeiras etapas do concurso Detran-PA serão provas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório. A aplicação está marcada para o dia 10 fevereiro em dois turnos: manhã para agente de educação de trânsito e tarde para agente de fiscalização de trânsito.

Durante quatro horas, os candidatos deverão responder a 50 questões de Conhecimentos Básicos (20) e Conhecimentos Específicos (30). Além de elaborar um texto dissertativo e/ou argumentativo de 20 a 30 linhas.

A redação valerá dez pontos. Serão avaliados os itens: adequação ao tema, capacidade de argumentação, coerência argumentativa, elaboração crítica. Já na objetiva, serão exigidas as seguintes disciplinas:

Conhecimentos Básicos:

  • Língua Portuguesa (seis);
  • Matemática e Raciocínio Lógico (quatro);
  • Legislação Aplicável ao DETRAN-PA (quatro);
  • Ética e Qualidade no Serviço Público (três);
  • Noções de Microinformática (três).

Conhecimentos Específicos:

De acordo com o conteúdo programático específico para cada cargo no edital de abertura do concurso.

Para ser aprovado na objetiva, o participante deverá obter 50% ou mais do total de pontos no exame. Os aprovados nas primeiras etapas serão convocados para a fase de avaliação de saúde.

Haverá, ainda, teste de capacidade física, avaliação psicológica, entrega de certidão negativa da vara de execução criminal e, por fim, um curso de formação para os candidatos ao cargo de agente de fiscalização de trânsito.

No vídeo abaixo, saiba como fazer prova difícil para concursos: 



Comentários