Concurso DPE-SP: sai resultado final da segunda e terceira etapas

A Fundação Carlos Chagas, organizadora, divulgou os resultados definitivos das provas escritas do concurso DPE-SP para defensor.

O concurso DPE-SP divulgou o resultado definitivo das provas de segunda e terceira etapa. A Defensoria Pública do Estado de São Paulo também analisou os recursos contra o provisório e publicou a vista das respostas para consulta dos candidatos.

O primeiro resultado dessas provas, em caráter provisório, foi publicado no final de agosto. Os candidatos puderam realizar as contestações até o dia 20, pelo site da Fundação Carlos Chagas, a organizadora.

As provas escritas, ou segunda e terceira etapas, aconteceriam em 8 e 9 de junho, respectivamente. Entretanto, no primeiro dia de aplicação um candidato recebeu por engano o caderno de rascunho da terceira prova, que aconteceria no dia seguinte. 

Após o fato, a FCC decidiu pelo adiamento da avaliação. Dias depois, foi anunciada a nova data, sendo dia 14 de julho, para todos os candidatos já convocados, com caráter eliminatório e classificatório.

(Foto: SEE-SP)
DPE-SP divulga resultado final das provas escritas de defensor
(Foto: SEE-SP)

A prova da segunda etapa foi composta por oito questões dissertativas, sendo duas de cada uma das seguintes disciplinas: Direito Constitucional, Direito Penal, Direitos difusos e coletivos, além do Direito da Criança e do Adolescente.

Na terceira prova os candidatos também tiveram que responder a oito questões. Para essa avaliação, porém, foram cobradas as disciplinas de Direitos Humanos, Direito Civil, Princípios e Atribuições Institucionais da Defensoria Pública do Estado e Filosofia do Direito e Sociologia Jurídica.

+ Quer ser aprovado? Assine a FOLHA DIRIGIDA!

Concurso DPE-SP oferta 40 vagas de defensor

Publicado em fevereiro desse ano, o edital de abertura do concurso DPE-SP trouxe 40 vagas imediatas mais formação de cadastro para a carreira, que exige nível superior. É preciso ser bacharel em Direito e ter experiência de prática jurídica de, pelo menos, três anos comprovadas.

Conforme prevê a lei, o vencimento inicial da carreira é de R$12.720, que pode aumentar com os benefícios. O edital, no entanto, não trouxe o valor exato da remuneração.

Os candidatos já foram avaliados com três provas, mas ainda passarão por outras duas etapas, sendo prova oral e análise de títulos, cujas datas ainda não foram definidas. A banca também confirmou que o concurso DPE-SP atraiu um total de 9.444 candidatos. 

Comentários