Cuiabá-MT prepara concurso com 2 mil vagas. Veja projeto básico!

A Prefeitura de Cuiabá iniciou os preparativos de novo concurso com 2 mil vagas para Secretaria Municipal de Educação.

A Prefeitura de Cuiabá, capital do Mato Grosso, realizará novo concurso para Secretaria de Educação. O projeto básico da seleção, ao qual FOLHA DIRIGIDA teve acesso, confirma oferta superior a 2 mil vagas. Os salários chegarão a R$3.453,29.

Tal documento contém dados importantes sobre o concurso, como número de vagas, cargos e estrutura de provas. O projeto básico é elaborado para escolha da banca organizadora. Dessa forma, a prefeitura já define instituição responsável por receber as inscrições e aplicar as etapas de seleção.

A oferta total do concurso Cuiabá será de 2.062 vagas, sendo 1.450 para ampla concorrência, 410 para índios e negros e 202 para pessoas com deficiência. O cargo em destaque será o técnico em Desenvolvimento Infantil, com 850 oportunidades e salários de R$1.783,23.

Em seguida, a carreira de professor de ensino fundamental: Pedagogia com 400 vagas. Os ganhos, nesse caso, serão de R$2.547,49. As outras chances serão para técnico em nutrição infantil (100), técnico em manutenção e infraestrutura (192).

Além de professor de ensino fundamental nas disciplinas de Artes (100) e Educação Física (70); técnico em administração escolar (60), técnico em multimeios didáticos (50); cuidador de alunos com deficiência (200).

Novo concurso para Educação de Cuiabá-MT está em planejamento
(Foto: Jorge Pinho/ Prefeitura de Cuiabá)

 

O concurso Cuiabá ainda terá vagas para técnico de nível superior nas áreas de Direito (quatro), psicólogo (seis), fonoaudiólogo (quatro), tecnólogo em Gestão Pública (quatro), administrador (duas), assistente social (duas), gastrônomo (uma), Ciência da Computação (uma), nutricionista (uma), contador (duas), engenheiro civil (cinco), engenheiro eletricista (duas), engenheiro sanitarista/ambiental (duas) e arquiteto (quatro).

O projeto básico não informa a distribuição das vagas e cargos por escolaridade. 

Estuda e trabalha? Saiba como superar esse desafio
. Existe a melhor técnica de estudos para concursos?

Concurso Cuiabá-MT terá diferentes etapas

De acordo com o projeto básico, o concurso terá provas objetivas, discursivas, práticas e de títulos. Na primeira fase, os candidatos serão avaliados por provas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório. Serão aplicadas 70 questões, em Cuiabá e, se houver necessidade, no município de Várzea Grande.

Haverá também prova prática, de caráter eliminatório e classificatório, para os cargos de técnico de nível superior (nas funções de engenheiro civil, engenheiro eletricista, engenheiro sanitarista/ambiental e arquiteto) e técnico de nível médio (motorista).

Todos os classificados para as carreiras de nível superior ainda serão submetidos a análise de títulos, de caráter classificatório. O prazo de validade será de dois anos, podendo se prorrogado por igual período.

. Tenha acesso a cursos de preparação para concursos!

Os aprovados serão contratados pelo regime estatutário, que garante a estabilidade ao servidor. As jornadas de trabalho serão variáveis de 20 a 30 horas por semana, a depender do cargo.

Educação de Cuiabá-MT teve seleção em 2018

No ano passado, a Prefeitura de Cuiabá-MT realizou seleção com 2.254 vagas em regime temporário para Secretaria de Educação. As oportunidades para nível médio foram para cuidador de aluno com deficiência, intérprete ou instrutor de libras, técnico em manutenção e infraestrutura (auxiliar de serviços gerais e condutor de veículos).

Além de  técnico em desenvolvimento infantil e técnico em nutrição escolar (merendeira). Os candidatos com nível superior puderam concorrer para a carreira de professor, com chances para diversas áreas, e para os cargos de administrador, arquiteto, bacharel em Direito.

Assim como para contador, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro eletricista, estatístico, nutricionista, psicólogo e fonoaudiólogo. Os salários chegaram a R$3.319,20.

Os profissionais da Secretaria atuaram em jornada de trabalho de 30 horas semanais, exceto para a função de professor, que teve carga horária definida conforme a necessidade da Administração Pública. O processo seletivo foi composto por prova objetiva e avaliação de títulos e experiência.