Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Por que vai fazer esse concurso?

O concurso para os Correios tem estimulado muitos concurseiros a se prepararem com antecedência. Em enquete realizada pela FOLHA DIRIGIDA, no curso Degrau Cultural, os futuros candidatos mostraram-se motivados, principalmente em virtude do quantitativo de vagas e do tão sonhado emprego público. Muitos deles abdicam do tempo livre para se dedicarem mais aos estudos. O próximo concurso dos Correios deverá ser para 6.602 vagas. A intenção da estatal é realizar duas contratações, com 3.301 cada, a partir de 1º de janeiro e 1º de abril de 2013.

O concurso para os Correios tem estimulado muitos concurseiros a se prepararem com antecedência. Em enquete realizada pela FOLHA DIRIGIDA, no curso Degrau Cultural, os futuros candidatos mostraram-se motivados, principalmente em virtude do quantitativo de vagas e do tão sonhado emprego público. Muitos deles abdicam do tempo livre para se dedicarem mais aos estudos. O próximo concurso dos Correios deverá ser para 6.602 vagas. A intenção da estatal é realizar duas contratações, com 3.301 cada, a partir de 1º de janeiro e 1º de abril de 2013.

"Vou participar do concurso dos Correios para o cargo de atendente comercial, porque a oferta de vagas é atraente. Sendo assim, acredito que tenho boas chances de conseguir ingressar no serviço público, e também pela estabilidade profissional. Entrei em um curso, porque preciso me preparar melhor. Transformei todo o meu tempo livre em horas de estudo, e minha meta são seis horas por dia. Eu já cheguei muito perto da aprovação em outros concursos, mas sempre esbarrava na Matemática".
Luciana Campo, 35 anos, coordenadora de marketing.

"O quantitativo de vagas é um dos motivos de estar me preparando para o concurso dos Correios, por ser bem expressivo. Os Correios, a cada concurso que fazem, abrem uma quantidade grande de vagas, e as matérias cobradas são, no meu ponto de vista, fáceis. Além disso, é uma instituição bem requerida, e o salário inicial também é razoável para quem está começando. Nunca prestei concurso, mas quero concorrer ao cargo de operador de triagem e transbordo".
Leonardo Fernandes, 20 anos, desempregado.

"Pretendo ser um empregado dos Correios, por ser uma boa oportunidade de melhorar de vida através da estabilidade profissional, que é o principal atrativo para mim. Ainda não sei a qual cargo vou concorrer, mas será para o nível médio. Se for aprovado, pretendo adquirir a minha tão sonhada casa própria e comprar um carro com o valor do vencimento. Minha namorada me incentivou bastante, pois ela também já fez curso preparatório e, recentemente, a prova da Caixa".
Bruno Souza Pinheiro, 29 anos, técnico de telemarketing.

"Eu resolvi fazer o concurso dos Correios, principalmente, pelo número de vagas, que é bem atrativo. Em outros concursos, a quantidade de vagas é bem menor. Eu nunca participei de nenhum concurso e há muito tempo que não estudo. Então, pretendo estudar no curso preparatório e em casa. A minha intenção é conseguir um emprego com estabilidade, para que não seja demitida a qualquer momento. O salário é razoável. Vou concorrer ao cargo de atendente comercial ou operador de triagem e transbordo".
Juliana Timbó, 29 anos, administradora de empresas.

"Eu vou participar do concurso dos Correios pela estabilidade empregatícia, pelo salário e pelo número de vagas. Além disso, tenho parentes que trabalham nos Correios, e dizem que é uma empresa muito boa. Pretendo concorrer ao cargo de atendente comercial. Para isso, a minha meta é estudar no tempo vago que tiver, no curso e em casa. Se eu for aprovado, o meu sonho é comprar minha casa própria. Com a ajuda do curso preparatório, vou alcançá-lo".
Jeferson Soares da Silva, 28 anos, atendente comercial.

"Eu fiz faculdade de tecnólogo em estética e não tenho estabilidade, o que posso conseguir através do concurso, e isso me deixa motivada. Eu pensei em fazer concursos para tribunais. Como era uma área que não tinha nada a ver comigo, então optei pelos Correios, não porque seja fácil, mas porque está ao meu alcance, pelas matérias que já estudei. O número expressivo de vagas também me chamou bastante atenção. Estou estudando quatro horas por dia, exceto aos domingos. O meu sonho é entrar nos Correios para juntar dinheiro e abrir o meu próprio negócio".
Paula Araújo, 22 anos, esteticista.

"Sou estudante de Geografia e meu objetivo é prestar concurso para atendente de caixa. Eu acredito que trabalhar nos Correios seja uma boa oportunidade, pela estabilidade e pelo salário. Eu também achei muito bom o número expressivo de vagas oferecidas no concurso. Pretendo estudar duas horas por dia, no curso e em casa. O curso vai me dar uma ótima base para fazer a prova. O meu sonho é conseguir estabilidade empregatícia, enquanto termino a faculdade".
Téo Dominguez, 18 anos, estudante de Geografia.

"A estabilidade é um dos motivos por estar me preparando para o concurso dos Correios. E também pelo quantitativo de vagas oferecidas. Estou esperando sair o edital para saber quantas vagas serão destinadas ao Rio de Janeiro. Estudo no curso e também mais duas horas em casa. O meu sonho é conseguir a casa própria e garantir o futuro da minha filha adolescente. Estou desempregada e quem está pagando o meu curso é o meu namorado. É um sacrifício que ele está fazendo para que eu possa melhorar de vida".
Simone Paiva, 38 anos, desempregada.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações