Folha Dirigida Entrar Assine

Aumento na receita da prefeitura pode ajudar novo concurso Comlurb

As contas da Prefeitura do Rio de Janeiro fecharam no azul em 2018, o que pode ser favorável ao próximo concurso da Comlurb.

A Prefeitura do Rio de Janeiro teve as contas de 2018 aprovadas pelo TCM. Isso pode ser favorável ao novo concurso para gari da Comlurb. Uma vez que o presidente da Companhia de Limpeza Urbana, Tarquínio Almeida, revelou que o edital só será divulgado após o município sair do limite prudencial de gastos.

“O concurso ainda não foi para rua pelo Limite Prudencial da Prefeitura inteira. Assim que essa questão for resolvida, vamos soltar o edital para contratar mais garis para nossa cidade”, afirmou.

No ano passado, as receitas do Rio estiveram em alta, despesas em queda e arrecadação acima do esperado. Esses dados foram aprovados pelo Tribunal de Contas do Município (TCM) na segunda-feira, 8.

“(...) estamos no caminho certo, começando a virar as contas”, comemorou o Secretário Municipal de Fazenda, Cesar Augusto Barbiero.

O titular da pasta acredita que o déficit nas contas do município seja acertado até o final do próximo ano. Desde 2017, a a prefeitura ultrapassa o limite prudencial de despesas com pessoal, que é estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Por esse motivo, a cidade fica proibida de promover ajustes salariais e novos concursos (com exceção da reposição de servidores na Segurança, Saúde e Educação).

Concurso Comlurb para gari continua em pauta (Foto: Divulgação)

 

Questionada por FOLHA DIRIGIDA, a Assessoria de Imprensa da Comlurb disse que reúne todas as expectativas para abrir o novo concurso para garis. Porém, a questão do Limite Prudencial ainda está em análise.

“A Comlurb está com todas as expectativas para implementar o concurso dos garis, mas ainda em análise quanto ao Limite Prudencial. Assim que a Companhia tiver informações mais consistentes, tornará público”, consta em nota enviada à reportagem.

+ Prepare-se para o concurso Comlurb com simulado exclusivo 

Concurso Comlurb: oferta para nível fundamental

Para se inscrever no concurso Comlurb será necessário ter concluído o ensino fundamental até o 5º ano (antiga 4ª série primária). Com o reajuste de 4,7% anunciado recentemente, a remuneração deverá subir para R$2.795,02.

Esse valor será composto por salário base de R$1.489,30; auxílio-alimentação de R$710 e gratificação de insalubridade de R$595,72. A empresa pública oferecerá ainda aos garis um pacote de benefícios:

  • seguro de vida, plano odontológico; 
  • café da manhã, cesta natalina; 
  • auxílio-creche; 
  • auxílio para filhos com deficiência;
  • plano de saúde; 
  • auxílio-funeral; 
  • parcerias com óticas e convênios com livrarias, papelarias, farmácias e drogarias.

O diretor de Gente e Conectividade da Comlurb, André Magalhães, reforçou à FOLHA DIRIGIDA a importância do novo concurso para gari. 

“A gente tem muita necessidade de fazer esse concurso. Existe uma grande expectativa para isso, porque precisamos desses profissionais”.

Conheça como e onde os garis podem atuar!

Quer passar no concurso da Comlurb?

Até mil vagas para garis poderão ser abertas

Com o novo concurso, a companhia pretende formar um banco de até mil garis. Eles serão chamados para posse conforme a necessidade. 

“O nosso pleito é de formação de um banco de mil garis. A reposição vai sendo feita de acordo com a necessidade de cada área da cidade”, disse o presidente da Comlurb. 

Segundo Tarquínio Almeida, a reposição deve ser maior em algumas áreas, sobretudo Zona Oeste, em bairros como Campo Grande e Sepetiba. “Na Zona Norte, também temos algumas gerências que já têm déficit em função das pessoas que vão se aposentando e saindo da empresa”.

+ Diretor reforça importância do concurso Comlurb 2019
+ No dia do gari, Renato Sorriso conta sua história na Comlurb

O que poderia ser mais um obstáculo para abertura do concurso já foi resolvido. O prefeito Marcelo Crivella autorizou o edital. A prefeitura, porém, ainda não confirmou a informação.

“A seleção já tem autorização do município e o único entrave, no momento, é o Limite Prudencial e que afeta toda prefeitura”, destacou o presidente da Comlurb.

Renato Sorriso fala sobre a carreira de gari:



Comentários