Folha Dirigida Entrar Assine

Governador confirma concurso Polícia Civil-BA para este ano

O governador da Bahia já confirmou a realização de um novo concurso público para a Polícia Civil. Edital já deve começar a ser elaborado.

A segurança da Bahia deverá ganhar reforços. O concurso da Polícia Civil-BA foi confirmado pelo governador e deve sair ainda este ano. O edital ainda não tem previsão, mas, ao que tudo indica, já deve começar a ser elaborado.

No "Papo Correria" da última terça-feira, 16, programa semanal feito no Facebook, o governador voltou a falar sobre a seleção.

"Sim, nós teremos concurso este ano da Polícia Militar, teremos concurso da Polícia Civil. Essas duas estão confirmadas."

O concurso foi anunciado em fevereiro pelo próprio governador. Rui Costa disse que o último concurso não foi suficiente para preencher todas as vagas de agente e delegado e que, por isso, já está sendo programado um novo edital.

"Na Polícia Civil, no ano passado, ao concluirmos o concurso, não conseguimos preencher todas as vagas, nem de delegados e nem de agentes. Vamos fazer um novo concurso para que possamos ter um maior número de delegados e atender a um pleito das mulheres da Bahia, um pleito das nossas deputadas que é a ampliação do número de DEAMs em várias regiões do nosso estado."

A declaração de Rui foi dada durante uma sessão solene de início da 19ª Legislatura, na rampa de acesso ao Palácio Deputado Luís Eduardo Magalhães. Ele foi recepcionado pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Nelson Leal (PP).

Rui Costa confirma concurso da PC-BA em 2019 (Foto: Divulgação)
Rui Costa confirma concurso da PC-BA em 2019
(Foto: Divulgação)

Último concurso ofereceu mil vagas

O último concurso da Polícia Civil da Bahia foi divulgado em janeiro de 2018. O edital trouxe mil vagas, sendo 880 para o cargo de investigador, 82 para delegado e 38 para o cargo de escrivão.

A seleção foi marcada por polêmicas. Os candidatos se sentiram prejudicados e se manifestaram após a correção das provas feita pela banca Vunesp, a organizadora.

O MP emitiu um ofício que solicitava a anulação daquela correção, pois o edital do concurso deixou a entender que a prova valeria 100 pontos no total, considerando todas as questões: Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos. Após checar o resultado preliminar da prova, os próprios candidatos notaram que a avaliação totalizou 200 pontos.

As carreiras proporcionam remunerações iniciais que variam de R$1.074 a R$4.374, de acordo com a função. Para todos os candidatos, o processo de seleção é composto por diversas etapas, sendo elas:

 Provas objetivas e discursivas, de caráter classificatório e eliminatório;
 Exames biomédicos, eliminatória;
 Teste de aptidão física, eliminatório;
 Exame psicotécnico, eliminatório;
 Prova de títulos, classificatória;
 Investigação social e de conduta pessoal, eliminatória.

Delegado da PC-BA evidencia novo concurso

Em março, a reportagem de FOLHA DIRIGIDA conversou com um representante da Polícia Civil da Bahia sobre a necessidade da corporação e importância do novo concurso. O delegado-geral da Polícia Civil da Bahia, Bernardino Brito Filho, destacou que um novo edital é de extrema necessidade.

O chefe da corporação disse que recebeu a notícia que o governador autorizou uma nova releção com muito entusiasmo. Segundo ele, quanto maior o efetivo melhor será a qualidade dos serviços prestados, com agilidade e segurança.

"Aumentar e equilibrar o quadro de funcionários, uma vez que muitos policiais já estão em processo de aposentadoria ou foram contemplados com licença prêmio, além de preencher o número de vagas necessário para compor o efetivo imposto por lei", disse ele sobre a importância do concurso.

Questionado sobre a carência atual, o delegado-geral disse que é de aproximadamente 2.500 investigadores. Entretanto, o quantitativo poderá ser ainda maior com as saídas dos demais cargos do quadro da corporação. 



Comentários