Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Analista de finanças: CGU oferece 250 vagas. R$13.264

Serão abertas nesta terça-feira, dia 24, as inscrições do concurso para a Controladoria-Geral da União (CGU), órgão vinculado à Presidência da República. Conforme o edital, a oferta é de 250 vagas de analista de finanças e controle, que exige nível superior em qualquer área de formação. A remuneração é de R$13.264,77, incluindo R$304 do auxílio-alimentação, para carga de trabalho de 40 horas semanais.  

Serão abertas nesta terça-feira, dia 24, as inscrições do concurso para a Controladoria-Geral da União (CGU), órgão vinculado à Presidência da República. Conforme o edital, a oferta é de 250 vagas de analista de finanças e controle, que exige nível superior em qualquer área de formação. A remuneração é de R$13.264,77, incluindo R$304 do auxílio-alimentação, para carga de trabalho de 40 horas semanais.

Os selecionados também terão direito ao ressarcimento do plano de saúde, no valor de R$75 por dependente legal. Embora não haja vagas para o Rio de Janeiro, há muitos candidatos interessados no estado, pois é possível pedir transferência após três anos de exercício. A mudança é concedida desde que haja vagas.

As inscrições serão feitas no site da organizadora, a Escola de Administração Fazendária (Esaf), até as 23h59 do dia 6 de maio. Será necessário preencher o requerimento e pagar a taxa, de R$140, até o dia 7 de maio, em qualquer agência bancária ou casa lotérica. Quem não tem acesso à internet poderá fazer a inscrição nos postos com computadores, nas unidades do Ministério da Fazenda.

Pedidos de isenção da taxa devem ser feitos no site da Esaf, entre os dias 23 e 24 de abril, por meio da ficha de cadastro. Poderá fazer a solicitação o candidato de baixa renda ou desempregado inscrito no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

Apesar de a CGU ter representações em todo o país, as vagas - distribuídas pelas áreas Administrativa, de Correição, Comunicação Social, Auditoria e Fiscalização (infraestrutura e geral), Tecnologia da Informação (sistemas e infraestrutura) e Prevenção e Ouvidoria -, contemplam apenas os estados do Acre (2), Amapá (4), Amazonas (4), Pará (4), Rondônia (4) e Roraima (2), na Região Norte, e o Distrito Federal (230), sede da Controladoria.

O concurso será composto por três etapas: provas objetiva e discursiva - previstas para os dias 16 e 17 de junho -, sindicância de vida pregressa e curso de formação, realizado em Brasília. A seleção tem validade de um ano, podendo dobrar. O regime de contratação é o estatutário, com garantia de estabilidade.

Os novos auditores farão fiscalização e auditorias na CGU e na Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda, com funções ligadas à gestão de finanças da União.
 

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações