Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Prazo porrogado para 330 vagas de nível médio

O Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente no Distrito Federal (CDCA-DF) prorrogou, até esta sexta-feira, dia 17, o prazo de inscrições em seu processo seletivo para 330 vagas, cinco de conselheiros tutelares titulares e cinco de suplentes para cada um dos 33 Conselhos Tutelares do estado. A remuneração é de R$2.937,71 para atuação entre 2013 e 2015, em regime de dedicação exclusiva, período no qual não poderá ser exercida outra atividade pública ou privada.

O Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente no Distrito Federal (CDCA-DF) prorrogou, até esta sexta-feira, dia 17, o prazo de inscrições em seu processo seletivo para 330 vagas, cinco de conselheiros tutelares titulares e cinco de suplentes para cada um dos 33 Conselhos Tutelares do estado. A remuneração é de R$2.937,71 para atuação entre 2013 e 2015, em regime de dedicação exclusiva, período no qual não poderá ser exercida outra atividade pública ou privada.

É requisito para a seleção, além de ensino médio completo, idade igual ou superior a 21 anos, residência há mais de dois anos na área de atuação do Conselho Tutelar (a ser comprovada na data da apresentação da candidatura), e experiência comprovada, de no mínimo um ano, nas áreas de promoção, proteção e defesa de direitos de crianças e adolescentes.

Os interessados deverão preencher uma ficha de inscrição, no site da Secretaria de Estado da Criança do Distrito Federal. Os Conselheiros serão lotados nas unidades de Águas Claras, Brasília Sul e Brasília Norte, Brazlândia, Candangolândia, Ceilândia Norte e Ceilândia Sul, Cruzeiro, Gama I e II, Guará, Itapoã, Lago Norte, Gago Sul, Núcleo Bandeirante, Paranoá, Planaltina I e II, Emas, Riacho Fundo I e II, Samambaia Sul e Samambaia Norte, Santa Maria Sul e Santa Maria Norte, São Sebastião, da Estrutural, Sobradinho I e II, Taguatinga Norte e Taguatinga Sul, Varjão e Vicente Pires.

Os candidatos serão avaliados por meio de exame de conhecimento específico, de caráter eliminatório, sobre o Sistema de Garantia de Direitos das Crianças e Adolescentes e análise de documentação. Haverá ainda, eleição dos candidatos, por meio de voto direto, secreto e facultativo que será realizada no dia 2 de dezembro. Por fim, os eleitos serão submetidos a um curso de formação, com frequência obrigatória e carga horária mínima de 20h a ser realizado entre os dias 10 e 14 de dezembro.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações