Sai edital do concurso Câmara de Aracaju SE com 50 vagas

A Câmara de Aracaju, em Sergipe, publicou edital de novo concurso com 50 vagas efetivas para profissionais dos nívies médio e superior

O edital do concurso Câmara de Aracaju SE foi publicado nesta segunda-feira, 10. Como adiantando por FOLHA DIRIGIDA, a oferta é de 50 vagas para profissionais dos níveis médio e superior. As remunerações chegam a R$2,3 mil.

Ao todo, o Legislativo da capital de Sergipe oferece 34 oportunidades imediatas para os níveis médio e 16 para nível superior. Haverá ainda formação de cadastro de reserva, a ser usado durante o prazo de validade do concurso. 

Quem tem ensino médio completo poderá se inscrever a assistente administrativo, assistente legislativo, intérprete e tradutor de libras, técnico de Tecnologia da Informação, técnico em Enfermagem, técnico em Segurança do Trabalho, técnico em Taquigrafia.

Para os dois primeiros cargos, o salário inicial é de R$1.600. Já para os demais, de R$1.900. 

No nível superior, as oportunidades do concurso Câmara de Aracaju SE são para analista administrativo, analista legislativo, jornalista, contador, enfermeiro, redator, médico, procurador judicial e relações públicas. Os vencimentos são de R$2.300 em todos os casos. 

Câmara de Aracaju realiza novo concurso após 30 anos
(Foto: Divulgação)

 

Há reserva de vagas para pessoas com deficiência e negros. A jornada de trabalho dos aprovados será de 40 horas por semana. Este é o primeiro concurso aberto pelo Legislativo de Aracaju em mais de 30 anos. 

A forma de contratação dos servidores será em regime efetivo, que assegura a estabilidade empregatícia após o estágio comprobatório.

+ Concurso Câmara de Aracaju-SE é oficialmente autorizado

Concurso Câmara de Aracaju SE: inscrições a partir do dia 17

As inscrições serão abertas no dia 17 de fevereiro. Os interessados deverão se cadastrar até 16 de março, pelo site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), banca organizadora. 

É possível se candidatar a mais de um cargo, desde que os níveis de escolaridade sejam diferentes e o horário de aplicação das provas não coincida. 

O primeiro passo será preencher o formulário com todos os dados necessários. Em seguida, gerar o boleto e pagar a taxa de R$54 para níveis médio/técnico e R$55 para nível superior. O pagamento será aceito até 17 de março. 

Somente membros de famílias de baixa renda, inscritos no programa CadÚnico, poderão solicitar a isenção da taxa. Para isso, será necessário completar requerimento específico de 17 a 19 de fevereiro, pelo portal da FGV.

Assim como encaminhar a documentação comprobatória da condição para análise da banca. O resultado preliminar dos pedidos de isenção está previsto para ser divulgado no dia 4 de março. 

Quem não tiver o pedido aceito poderá entrar com recurso ou pagar a taxa para continuar no concurso. 

+ Concurso Câmara de Aracaju-SE: banca organizadora é definida

Provas do concurso Câmara de Aracaju SE serão em maio

Todos os candidatos do concurso Câmara de Aracaju SE serão avaliados por provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório. A etapa será realizada no dia 17 de maio, na própria capital.

Na parte da manhã, das 8h às 12h, os exames serão aplicados aos inscritos dos níveis médio/ técnico. Já no período da tarde, das 14h às 18h, para os concorrentes de nível superior. 

As avaliações serão compostas por questões de múltipla escolha, distribuídas da seguinte maneira:

Nível médio - 60 questões:

  • Língua Portuguesa - 20 questões;
  • Raciocínio Lógico - 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos - 30 questões.

Nível superior - 70 questões:

  • Língua Portuguesa - 24 questões;
  • Legislação Específica - 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos - 36 questões.

Procurador - 80 questões:

  • Língua Portuguesa - 30 questões;
  • Legislação Específica - 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos - 40 questões.

De acordo com o edital, será aprovado na objetiva aos cargos de nível médio/técnico quem acertar o mínimo de 12 questões de Conhecimentos Básicos, 12 de Conhecimentos Específicos. Já para o nível superior os critérios de aprovação são 13 questões certas em Conhecimentos Básicos e 15 em Conhecimentos Específicos. 

Enquanto no nível superior, os participantes terão que acertar, pelo menos, 16 questões em Conhecimentos Básicos e 16 em Conhecimentos Específicos. Em todos os casos também será preciso não zerar em nenhuma disciplina. 

Apenas os habilitados a técnico em Taquigrafia serão submetidos ainda a prova prática. Já os classificados de nível superior passarão por exame de títulos. 

O prazo de validade do concurso será de dois anos, com possibilidade de prorrogação por igual período. 

Comentários