Tudo que você precisa saber sobre o concurso Sefaz-RS, que tem salário de mais de R$21 mil

Presidente da comissão do concurso Sefaz-RS contou tudo o que você precisa saber sobre a seleção que contratará 7 auditores de estado. Confira!

São só sete vagas. Mas são as sete vagas que você respeita. Afinal, não é todo dia que você descola um emprego de auditor estado com salário de mais de R$ 21 mil. Esse é o principal pano de fundo do concurso da Secretaria de Fazenda de Santa Catarina, que tem tudo para bombar em 2018. Faltando menos de três semanas para abrirem as inscrições, FOLHA DIRIGIDA entrevistou o presidente da comissão do concurso e auditor-geral Antônio Kehrvald da Cage-RS para descobrir tudo o que você precisa saber sobre esta seleção. Ele falou sobre os benefícios do cargo, o papel de um auditor, como funciona a promoção na carreira e muito mais. Agora não tem mais desculpa! Tire suas dúvidas e descubra se o concurso da Cage-RS é o ideal para você. 
 
Veja todos os detalhes do concurso Sefaz-RS

Prêmio de produtividade e eficiência 

Além daquele "salariozinho" base de auditor do estado, você ainda pode faturar um valor extra, um prêmio de produtividade e eficiência (caso você mereça, claro). O benefício é fruto de um planejamento estratégico dentro da Secretaria de  Fazenda que avalia o cumprimento de metas estabelecidas.
 
"É uma medição conjunta entre a Subsecretaria de Receita, Subsecretaria de Tesouro e Subsecretaria Cage, feita de 3 em 3 meses. Cada um estabelece as suas metas: se cumprem, ganham o prêmio, e se não cumprem, não ganham", explicou o presidente da comissão.
 

Número de vagas do concurso

A seleção, que terá validade de dois anos com possibilidade de prorrogação por mais dois, está oferecendo sete vagas de auditor do estado. Embora pareça pouco, o presidente Kehrvald explica que, quem passar no concurso, tem chance de ser chamado durante toda a validade da seleção. 
 
"O primeiro concurso para auditor foi em 2013 e ofereceu 30 vagas. Quando esses auditores de classe A que entraram, foram promovidos para B, abriram-se novas 30 vagas. Essa lógica se repetiu nos concursos de 2014 e 2015 também. Ou seja, o nosso concurso é para 7 vagas, mas pode ser que até o fim da validade dele, outras pessoas sejam chamadas", acrescentou. 

O que faz um auditor de estado?

A Contadoria e Auditoria-Geral do Rio Grande do Sul é responsável por toda a administração direta e indireta do estado. Além disso, faz auditoria nas empresas públicas.
 
"Nós trabalhamos mais com contabilidade do próprio órgão. A gente faz a contabilidade e a auditoria. O nosso foco é orientar os gestores, como o secretário da saúde, secretário de fazenda, de educação. A nossa atuação também envolve os três poderes: atuamos junto com o poder judiciário, o poder legislativo, e o Ministério Público. Além disso, também atuamos nos órgãos autonômos, como o TCE e a Defensoria Pública", explicou ele. 

Promoção na carreira vai até classe E

Conforme informou o presidente da comissão, todas as vagas iniciais são para classe A. A promoção da classe A para a B acontece após os três anos de estágio probatório, mas não são  automáticas, e sim iniciativa dos gestores. Os funcionários passam por avaliações de rendimento a cada seis meses. A carreira de auditor do estado pode progredir até a classe E. 

Capacitação e treinamento

Os recém-auditores aprovados no concurso passam ainda por um treinamento de 30 dias para entender como o órgão funciona e qual o papel de cada setor. Além disso, também são avaliados durante o treino. 
 
"Pra efetivamente exercer o cargo de auditor, o aprovado precisa de uma imersão, de capacitação e treinamento. A gente faz relatórios, vemos como se comportam. Eles aprendem qual é a função de cada divisão da Cage, o que fazem... Muitas coisas só são aprendidas com a experiência e não só com nossos manuais", explicou o auditor-geral. 

Importância do concurso CAGE-RS

Sobre a importância do concurso CAGE, o subsecretário  Antônio Kehrvald explicou que a carreira de auditor do estado é de 2010 e ainda não conseguiram contratar o número ideal de funcionários que o quadro de vagas do cargo prevê. Das 170 vagas previstas, 105 pessoas atuam no órgão. Sendo que a maior parte desses funcionários entrou antes de 2010 como agente fiscal e apenas 57 pessoas estão no cargo de auditor. Para ajudar a suprir o déficit servidores, Kehrvald espera pessoas dedicadas ao trabalho. 
 
"Tem que ser um profissional dinâmico, comprometido com a missão e visão do trabalho, ter perspectiva de futuro. É uma boa carreira, não vai ficar rico, mas não vai passar fome", brincou ele.
 

Sobre o concurso

A Cage, que é um orgão pertencente à Secreataria de Fazenda (Sefaz), está ofertando sete vagas de auditor do estado de classe A, e salários que podem chegar até R$21.454.81. As inscrições no site doCespe/Cebraspe abrem no dia 18 de dezembro e vão até o dia 16 de janeiro de 2018. Já a taxa de inscrição custa R$ 182,41.

 

E-book: "5 passos para a vaga dos sonhos"

No e-book "5 passos para a vaga dos sonhos", especialistas ensinam como caminhar em cada uma das etapas fundamentais na sua jornada de concurseiro. 



Cadastre-se e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida

Comentários