Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Escolhido organizador para oficiais e praças

Boa notícia para os concurseiros brasilienses. Finalmente o concurso para o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal começa a ganhar forma. Após a publicação do extrato de contrato, divulgado no Diário Oficial da região, a seleção ficará a cargo do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistência Social (Idecan), escolhida para ser responsável pelas provas.

Boa notícia para os concurseiros brasilienses. Finalmente o concurso para o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal começa a ganhar forma. Após a publicação do extrato de contrato, divulgado no Diário Oficial da região, a seleção ficará a cargo do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistência Social (Idecan), escolhida para ser responsável pelas provas.
 
Já se sabe que as vagas serão para cargos de oficiais e praças. Mas, o quantitativo de oportunidades que serão abertas não foi oficialmente divulgado. De acordo com o projeto institucional da Comissão Permanente de Concursos dos Bombeiros, deverão ser oferecidas 779 chances, sendo 448 para soldados, 115 para oficiais combatentes, 112 para soldados condutores e operadores de viaturas, 55 soldados de manutenção de equipamentos e veículos, 20 oficiais complementares, 20 oficiais médicos, cinco soldados para manutenção de equipamentos e aeronaves e quatro oficiais cirurgiões-dentistas.
 
Na última seleção, realizada em 2011, a coporação abriu 333 vagas, além de formação de cadastro reserva, com  56 chances para bombeiro condutor e operador de viatura, 224 para bombeiro militar geral operacional, 23 para o quadro complementar e de saúde e 30 vagas para bombeiro geral músico. As remunerações eram de R$3.413,62 durante o curso de formação, passando para R$4.464,11 com o término do treinamento. Com histórico de muitas convocações, foram chamados 1.373 aprovados, o equivalente a quatro vezes o número total da oferta.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações