Araçu-GO anuncia primeira retificação do concurso com 192 vagas

Prefeitura de Araçu, em Goiás, altera requisitos de diversos cargos oferecidos no concurso com 192 vagas.

Em cumprimento ao despacho emitido pelo Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM-GO), a Prefeitura de Araçu alterou requisitos de alguns cargos do concurso, que oferta vagas para todos os níveis. A retificação foi publicada na última terça-feira, dia 26.

De acordo com as modificações, os cargos de operador de motoniveladora, operador de pá carregadeira, operador de retroescavadeira pneus e operador de trator esteira pneus passam a exigir CNH, categoria B.

As funções de coveiro, gari, merendeira, jardineiro, pedreiro, porteiro e zelador também contam com um novo requisito. Podem se candidatar a essas vagas concorrentes com nível fundamental incompleto. 

Já a carga de trabalho para o cargo de fisioterapeuta, cargo de nível superior,  foi alterada para 30 horas semanais.

Além dessas oportunidades, o concurso oferece chances para agente de combate às endemias, auxiliar de consultório dentário, auxiliar de farmácia, eletricista, fiscal de vigilância sanitária, fiscal de tributos, guarda e professor de apoio educacional. Todas de nível médio.

Invista na sua preparação para concursos públicos

No nível técnico as vagas são para técnicos em Enfermagem e Radiologia.  No nível superior são oferecidas oportunidades de cirurgião dentista, educador físico, enfermeiro, engenheiro florestal, farmacêutico, gestor de resíduos sólidos, médico clínico geral, nutricionista e psicólogo.

Ao todo, são oferecidas 192 vagas, sendo 48 serão imediatas e 144 para formação de cadastro de reserva. As remunerações podem chegar a R$7.483,28, dependendo da função exercida. A carga de trabalho será de 40 horas semanais.

A jornada não se aplica ao já mencionado cargo de fisioterapeuta e aos técnicos em Radiologia. Nesse último caso, a carga de trabalho será de 24 horas por semana.

Concurso Araçu-GO terá inscrições abertas no próximo dia 29

Os interessados no concurso poderão se candidatar a partir das 8 horas do próximo dia 29, no site da Ganzaroli Assessoria, organizadora. O prazo para inscrições ficará aberto até o dia 22 de dezembro.

Para formalizar a inscrição no concurso será preciso efetuar o pagamento de uma taxa de R$50 para o nível fundamental, R$70 para o nível médio e R$100 para o nível superior. Haverá possibilidade de isenção para inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo (CadÚnico) e membros de famílias de baixa renda.

Se enquadram como membros de famílias de baixa renda os que possuem renda per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.  

Os pedidos de isenção poderão ser feitos durante todo o prazo de inscrição, ou seja, de 29 de novembro a 22 de dezembro. Os que tiverem suas solicitações indeferidas ainda poderão participar do concurso, mediante o pagamento da taxa de inscrição. Nesse caso, o valor deverá ser quitado até o dia 15 de janeiro.

+ Começando a estudar para concurso, e agora? Confira as dicas!

Prova objetiva
Prova objetiva do concurso está marcada para fevereiro (Foto: Divulgação)

Candidatos passarão por mais de uma etapa de seleção, dependendo do cargo

Os candidatos do concurso Araçu-GO serão avaliados por meio de provas objetivas. As avaliações serão aplicadas no dia 9 de fevereiro de 2020.

O exame, de caráter eliminatório e classificatório, será composto por questões de Língua Portuguesa, Matemática, Conhecimentos Gerais e Específicos, variando de acordo com o nível de escolaridade.

Para os cargos de operador de motoniveladora, operador de pá carregadeira, operador de retroescavadeira e operador de trator esteira haverá, ainda, uma prova prática. Já para as funções de gari, merendeira e guarda, será aplicado um teste de aptidão física. 

Seu concurso tem teste físico? Confira as dicas!

Os agentes de combate às endemias passarão por uma etapa de curso de formação inicial e continuada. Por fim, será aplicada uma avaliação de títulos a candidatos de nível superior.

A validade do concurso será de dois anos, contados a partir de sua data de homologação. O período ainda poderá ser prorrogado por mais dois anos. Os aprovados em cadastro de reservas, deverão ser chamados ao longo deste prazo.

Comentários