Anvisa vai encaminhar novo pedido de concurso ao governo

Necessidade de concurso público na Anvisa está na pauta de reivindicações da Fenasps para 2019.

Matéria atualizada em 02/01/2019 às 15h

Com grave déficit de servidores, a Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária – vai encaminhar um novo pedido de concurso público ao Ministério da Economia para 2019. A informação foi transmitida pelo órgão à FOLHA DIRIGIDA nesta quarta-feira, 2. O prazo para enviar a solicitação vai até 31 de maio.

No caso da Anvisa, será encaminhado um ofício ao Ministério da Saúde informando a demanda de vagas. Este, por sua vez, oficia o Ministério da Economia por meio de um aviso ministerial, como explica a Assessoria de Comunicação da agência. O número a ser solicitado não foi divulgado até a última atualização desta matéria. 

Ainda segundo informações da Anvisa, o deficit atual é de 75 cargos. Desses, sete são de analista administrativo, 38 de técnico administrativo, 28 de especialista em regulação e vigilância sanitária e dois de técnico em regulação e vigilância sanitária. No último pedido, protocolado em 2017, foram solicitadas 697 vagas

Esse número incluía cargos já vagos na instituição e também a criação de novos. Por isso, é possível que o novo pedido tenha número maior, considerando o provável aumento no deficit de pessoal desde então. Das vagas solicitadas ao Planejamento, 457 eram para especialistas, 68 para analistas e 172 para técnicos. Os vencimentos básicos chegam a R$15 mil.

Confira a tabela do último pedido encaminhado ao Planejamento:

Cargo Escolaridade* Vencimento Nº de vagas pedidas
Especialista em regulação e vigilância sanitária Nível superior R$15.058,12 457
Analista administrativo Nível superior R$13.807,57 68
Técnico administrativo Nível médio R$7.016,67 124
Técnico em regulação e vigilância sanitária Nível médio R$7.388,37 48

* Nível de escolaridade exigido no último concurso

O pedido de concurso para a Anvisa, encaminhado ao Ministério do Planejamento em 2017, continua em análise. Embora mais de 20 processos tenham sido arquivados em dezembro de 2018, este permanece tramitando.

Anvisa (Foto: Divulgação/ Anvisa)
Anvisa tem 75 cargos vagos nos níveis médio e superior
(Foto: Divulgação/ Anvisa)

Concurso está na pauta de reivindicações da Fenasps para 2019

O concurso da Anvisa também está na pauta de revindicações de 2019 da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps). Sem concurso, a autarquia passa por graves problemas de fiscalização. A menção à necessidade de contratar pessoal foi durante a Plenária Nacional da federação realizada em 16 de dezembro.

O evento reuniu representantes de vários estados, incluindo São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Conforme relatório divulgado, “não há mais inspeção e fiscalização” por causa do baixo número de servidores. Para a Univisa – Associação de Servidores da Anvisa – o as 697 vagas solicitadas em 2017 já não eram o suficiente em setembro daquele ano.

A cada 12 meses os servidores do quadro da Anvisa têm progressões na carreira aumentando os vencimentos. Além disso, o órgão oferece benefícios de auxílio-alimentação, auxílio-creche e participação em planos de saúde. 

O último concurso da Anvisa foi realizado em 2016, com 78 vagas de técnico administrativo. O cargo exigiu formação em nível médio. Em 2013 foi aberta a seleção para todas as carreiras com 314 vagas. 

As oportunidades eram para lotação Brasília, mas houve aplicação de provas em vários estados, entre eles Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco e Maranhão. Os candidatos realizaram exames objetivos e discursivos de caráter eliminatório e classificatório. 





Comentários