Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso Ancine: saiba tudo sobre o cargo de técnico administrativo

Confira todos os detalhes sobre o cargo de técnico administrativo da Ancine, que consta no pedido de novo concurso da agência.

O pedido para o novo concurso Ancine, encaminhado ao Ministério da Economia em maio deste ano, inclui duas vagas para o cargo de técnico administrativo. A expectativa é que essa seja uma das vagas mais disputadas, considerando que exigência para a função é o nível médio.

Além disso, a remuneração para o cargo é bem atrativa. Atualmente, o valor é de R$7.474,67. O valor já conta com o auxílio-alimentação, de R$458.

A carga de trabalho para esses profissionais é de 40 horas por semana. O regime de contratação na Agência Nacional do Cinema (Ancine) é o estatutário, que assegura estabilidade empregatícia ao servidor.

Outro ponto importante a ser avaliado para saber se esta vaga se encaixa ou não ao seu perfil, é entender o que faz um técnico administrativo da Ancine. O profissional atua no exercício de todas as atividades administrativas e logísticas relativas às competências legais da agência. Além disso, é de sua atribuição:

  • Implementação e execução de planos, programas e projeto relativos às atividades de regulação; 
  • Subsídio e apoio técnico às atividades de normatização e regulação; 
  • Subsídio à formulação de planos, programas e projetos relativos às atividades inerentes à agência.

+ Concurso Ancine: novo pedido para vários cargos é enviado ao governo

Ancine
Ancine encaminhou um pedido com 15 vagas ao Ministério da Economia este ano
(Foto: Arquivo/Folha Dirigida)

Saiba como foi o último concurso para técnico administrativo da Ancine

O último concurso para a agência foi realizado em 2013. Para a função de técnico administrativo foram ofertadas 57 vagas, sendo 54 para ampla concorrência e três reservadas a pessoas com deficiência.

O Cebraspe (antigo Cespe/UnB) foi o organizador da seleção. Os candidatos às vagas de técnico administrativo foram avaliados por meio de provas objetivas.

A avaliação, composta por 140 questões, teve quatro horas de duração. As questões foram divididas entre as disciplinas de Conhecimentos Básicos (60) e Específicos (80). 

A prova de Conhecimentos Básicos apresentou conteúdos de Língua Portuguesa;  Noções de Informática; Ética no Serviço Público; Noções de Direito Administrativo e Constitucional; Raciocínio Lógico; e Noções de Administração Pública.

Já as questões de Conhecimentos Específicos abordaram conteúdos de Legislação Específica do Cinema e Audiovisual e Noções de Administração. Todas as perguntas eram de múltipla-escolha.

Comece já sua preparação para o concurso

Entenda os critérios de avaliação usados no último concurso

Cada item da avaliação valia um ponto. Em casos de respostas erradas eram atribuídos 0,5 pontos negativos à nota do candidato e zero ponto para questões em branco ou marcação dupla. A nota final foi obtida através do somatório de todos os pontos obtidos.

Foram reprovados os que tiveram nota inferior a 25 pontos na prova de Conhecimentos Básicos; 37 pontos na prova de Conhecimentos Específicos e 64 pontos no total das duas avaliações.

Em casos de empate, foram obedecidos os seguintes critérios:

  1. Idade igual ou superior a sessenta anos, até o último dia de inscrição; 
  2. Maior nota na prova objetiva de Conhecimentos Específicos; 
  3. Maior número de acertos na prova objetiva de Conhecimentos Específicos;
  4. Maior número de acertos na prova objetiva de Conhecimentos Básicos.

Ancine tem pedido de 15 vagas para níveis médio e superior

Ao todo, a Ancine fez um pedido de 15 vagas. Dessas, duas são para técnico administrativo, seis para técnico em regulação, uma para analista administrativo e seis para especialista em regulação da atividade cinematográfica e audiovisual. 

  • Técnico administrativo - Nível médio e R$7.474,67 - 2 vagas
  • Técnico em regulação - Nível médio R$7.846,37 - 6 vagas
  • Analista administrativo - Nível superior e R$14.265,57 - 1 vaga
  • Especialista em regulação da atividade cinematográfica e audiovisual - Nível superior e R$15.516,12 - 6 vagas

Segundo o gerente de Recursos Humanos da Ancine, Daniel de Souza Lucas, a agência segue esperançosa em conseguir a autorização para a abertura do concurso. 

“Apesar do cenário, ainda nos mantemos otimistas e trabalhando para mostrar a importância de um quadro de pessoal forte em setor próspero como o do Audiovisual”, disse o gerente em entrevista à FOLHA DIRIGIDA no início do mês. 

Concurso Ancine: 'Nos mantemos otimistas por aval', diz gerente de RH

Segundo Daniel, a maior demanda da Ancine está no Rio de Janeiro, onde fica localizado seu escritório central. Porém, o gerente disse que as lotações dos aprovados no futuro concurso serão definidas após a autorização.

Quando começar a estudar para concurso? 

CADASTRE-SE

Para ter acesso a este conteúdo

CADASTRE-SE


Comentários