Procurador da Alerj: veja resultado da objetiva e convocação para discursiva do concurso

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) divulgou o resultado final da prova objetiva do concurso Alerj 2016, para procurador, aplicada no dia 12 de fevereiro.

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) divulgou o resultado final da prova objetiva do concurso Alerj 2016, para procurador, aplicada no dia 12 de fevereiro. As notas foram liberadas no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira, dia 31. Foi aprovado quem acertou, pelo menos, 60 questões. A Casa já convocou os aprovados para a primeira prova discursiva, de três previstas, agendada para o dia 9 do próximo mês, das 13h às 19h.
 
Foram chamados os aprovados na objetiva correspondentes a 20 vezes o número de vagas de procurador, respeitando os empatados na última posição (80). No caso de negros e deficientes, como não há vagas imediatas, foram chamados, em cada concorrência, atá a 20ª posição, também considerando os empates. Os locais desses exames serão liberados na próxima segunda, 3, no site da Fundação Getulio Vargas (FGV), organizadora.
 
Essa primeira avaliação será sobre Direito Civil, Empresarial e Relação de Consumo, Direito Processual Civil e Direito Ambiental. As outras duas avaliações discursivas estão agendadas para  21 de maio e 21 de julho. A aplicada em maio versará sobre Direito Constitucional, Direito Administrativo e Direito Eleitoral. Já a programada para junho será sobre Direito Financeiro e Tributário e Direito Previdenciário.
 
Cada grupo é eliminatório e classificatório. Durante os exames será permitida a consultas às legislações. Cada grupo de prova vale 100 pontos, sendo aprovado quem conseguir, pelo menos, 50. Para a discursiva do próximo dia 3, a orientação da Alerj é que os candidatos se apresentem às 11h30. Todos deverão estar munidos de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, fabricada em material transparente, cartão e identidade original. A saída de prova será permitida somente a partir das 16h30.
 
 
O concurso da Alerj visa a preencher quatro vagas de procurador, além de 40 de especialista legislativo. O cargo é destinado a bachareis em Direito, com três anos de atividade jurídica. Os ganhos são R$33.762,00, e o regime de contratação é o estatutário, que assegura a estabilidade empregatícia.

Comentários