69% das empresas têm investido mais em benefícios para o bem-estar

32% das organizações entrevistadas pela Mercer Marsh pretendem avaliar a implantação da modalidade de benefícios flexíveis nos próximos seis ou 12 meses.

25/11/2020 13:00

25/11/2020 13:00

A empresa que você trabalha mudou a relação dos benefícios ofertados aos colaboradores durante a pandemia? Uma pesquisa online realizada em junho pela consultoria Mercer Marsh constatou que, durante a pandemia, os trabalhadores ganharam novos benefícios. 

O levantamento foi feito com 324 empresas de diversos setores da economia e entre as participantes, 95% são companhias instaladas no Sudeste e Sul do país, e 78% delas têm mais de 3 mil empregados. 

Entre os benefícios que foram mais ofertados estão: serviços online de psicologia, terapia, meditação e atividades físicas. De acordo com o levantamento, 69% das empresas brasileiras passaram a conceder mais benefícios para os seus funcionários cuidarem da saúde, do bem-estar físico e mental. E, mais da metade (54%), estão oferecendo telemedicina (serviços de saúde à distância) para os colaboradores. 

A pesquisa aponta que 59% das empresas incluíram serviços online de meditação (mindfulness) para os funcionários. Além desse, 40% delas estão disponibilizando sessões de psicologia e terapia e 61% incluiu aulas de atividades físicas online. 

Outra mudança apontada no levantamento da Mercer Marsh diz respeito à coparticipação, que ocorre quando um trabalhador utiliza o plano de saúde em procedimento simples e paga uma parte da consulta ou do exame realizado. 

Nesse quesito, a pesquisa mostra que das 44% das empresas adotam a coparticipação na assistência médica, 15% isentaram a coparticipação nos procedimentos relacionados à Covid-19. 

 

Novos benefícios nas empresas
Pesquisa constata que funcionários ganharam mais benefícios durante a pandemia
(Foto: Getty Imagens)


O que + você precisa saber:


Implementação de benefícios flexíveis

A pandemia irá reconfigurar também o modelo da oferta de benefícios concedidos aos trabalhadores: 32% das organizações pretendem avaliar a implantação da modalidade de benefícios flexíveis nos próximos seis ou 12 meses.

"As empresas estão saindo daquele modelo tradicional de proposta de valor ao empregado, para uma proposta de valor ao indivíduo. Ou seja, estão planejando benefícios para atender as necessidades individuais. Com isso, o trabalhador passa a ter acesso ao benefício que faz mais sentido para o seu momento na vida", afirma Mariana Dias, Diretora de Produtos e Consultoria da Mercer Marsh Benefícios.

"Por exemplo, em algumas situações o funcionário casado com filhos deseja ter um plano de saúde. Já o colaborador jovem, talvez prefira um subsídio para custear um curso ou um seguro viagem, por exemplo", complementa.

Sobre a Mercer Marsh Benefícios™

A Mercer Marsh Benefícios™, líder em consultoria, corretagem e administração de benefícios, gerencia e assessora empresas na contratação de assistência médica, planos odontológicos, assistência farmácia, seguro de vida, seguro viagem, acidentes pessoais, programas de benefícios flexíveis e benefícios voluntários.

O trabalho consultivo da Mercer Marsh Benefícios™ integra gerenciamento de riscos, redesenho de programas de benefícios e terceiriza de serviços operacionais de Recursos Humanos de empresas nacionais e multinacionais.

 

Newsletter Folha+

 

Quer receber mais conteúdo como este?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, com dicas de Carreiras, vagas de empregose muito mais!

Buscador de empregos

Milhares de oportunidade de emprego grátis