Aumento do turismo interno aponta perspectiva para geração de vagas

Com a chegada da vacina e flexibilização das regras de isolamento, cresce a demanda por turismo interno e a expectativa por novas contratações.

05/03/2021 14:00

05/03/2021 14:00

Um dos setores que mais sofreram com os efeitos da pandemia do novo Coronavírus foi o de Turismo. O prejuízo gerado pela crise provocada pela Covid-19 no setor estáestimado em R$2 bilhões, só no Brasil.

E mais: cerca de 20% dos hotéis não voltarão a abrir. Porém, com a chegada da vacina e a flexibilização das regras de isolamento, o comportamento dos turistas vêm mudando e muitos estão apostando em um turismo interno, por dentro do próprio Brasil.

De olho nessa tendência, a Gi Horeca, divisão ligada à operação diária de grandes estabelecimentos de hospitalidade do Gi Group, aposta na abertura de vagas no setor hoteleiro em regiões como Bahia, Pernambuco, Ceará, São Paulo e Rio de Janeiro. 

"Com a chegada da vacina, de certa forma, temos esperança de melhora no cenário, mas precisaremos trabalhar muito, ser criativos, valorizar as pessoas e, principalmente, amar o que fazemos para, quem sabe, minimizar um pouco os efeitos negativos para o segmento. Como tem falado o presidente da ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis), 'o turismo sumiu, o turista não'", ressaltou Sergio Ferreira, diretor da Gi Horeca.

Além disso, também há boas expectativas para os setores de Alimentos e Bebidas; e Governança. A melhora deve resultar em futuras contratações de camareira, garçons, maitres, chefes de cozinha e outros cargos para hotéis e restaurantes.

Renda: BNE divulga 10 profissões com os melhores salários em 2021

Turismo
Turismo interno cresce durante a pandemia (Foto: Divulgação)

 

Gi Horeca investe na captação de talentos em comunidades carentes

Para essa captação das vagas, a empresa destaca o projeto Gi Comunidade. Por meio da iniciativa, estão sendo estruturadas ações para oferta do primeiro emprego e recrutamento de pessoas em comunidades carentes em diferentes estados do Nordeste, como Bahia, Pernambuco e Ceará.

"Houve mudanças no turismo interno e local, e as pessoas estão com medo de viajar. Por isso, aproveitam mais o turismo da sua cidade, gerando oportunidades de emprego e negócios", destacou o diretor da Gi Horeca.

Fique por dentro de todas as novidades do mercado

Ferreira ainda chamou atenção para o fato de que o turismo e a hotelaria precisaram se adaptar aos protocolos determinados pelas autoridades de saúde para garantir a segurança dos turistas e colaboradores. Isso engloba, especialmente, a limpeza e desinfecção em quartos, áreas comuns, academias, restaurantes, entre outros cuidados.

"Nesse momento, nós da Gi Horeca, pensamos 'fora da caixa' e notamos uma grande movimentação nos hotéis de lazer, como os resorts. Isso nos levou a canalizar nosso esforço no operacional e comercial para atender este segmento", disse o executivo.

Quer receber mais conteúdo como este?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, com dicas de Carreiras, vagas de empregose muito mais!

Buscador de empregos

Milhares de oportunidade de emprego grátis