Facebook lança cursos de Marketing para capacitar comunidade negra

Facebook lança cursos de marketing digital e marketing science para capacitar comunidade negra.

12/11/2020 14:00

12/11/2020 14:00

Já ouviu falar no Rise, programa do Facebook para quem busca oportunidades no mercado publicitário com treinamentos online e gratuitos? Nesta quinta-feira, 12, a empresa está lançando mais uma edição, só que agora com uma novidade.

Em parceria com o Instituto Guetto e Indique uma Preta, está nascendo um novo pilar do Rise: o Potência Preta. O objetivo é capacitar 600 jovens da comunidade negra nas áreas de Marketing Digital e Marketing Science.

Afrohub e CUFA (Central Única das Favelas), que já promovem iniciativas do Facebook para empreendedores negros e em favelas, também apoiam o novo programa.

Ele vai incluir uma série de recursos educacionais, como bolsas de estudos para cursos com certificação profissional e treinamentos, além de palestras e mentoria com especialistas do próprio Facebook.

Newsletter Folha+

Confira mais sobre os cursos disponíveis e inscreva-se

Os candidatos do Potência Preta poderão escolher entre um dos dois cursos oferecidos pelo Facebook. Um será o de Marketing Science, voltado para profissionais negros com mais experiência nas áreas de dados (mensuração, pesquisa de mercado, ciência de dados, estatística, ciências sociais e outras áreas).

Já o outro curso será o de Marketing Digital. Esse tem foco em jovens em busca do primeiro emprego, que querem seguir uma carreira de marketing digital ou aprender sobre esses recursos em um mundo cada vez mais conectado. 

Será totalmente voltado para comunidades negras, com foco em pessoas de baixa renda ou desempregadas e jovens que estão iniciando a carreira e não podem pagar por um diploma tradicional.

O que + você precisa saber:

Saiba como fazer a sua inscrição

As vagas para os cursos do Potência Preta são limitadas! Apesar do número atrativo de 600 oportunidades, elas deverão ser bem procuradas, por isso é recomendável que os interessados se candidatem o quanto antes.

A inscrição deve ser feita pelo link: fb.me/ RiseFB que dá acesso ao grupo no Facebook.

 

Potência Preta, do Facebook
Potência Preta, do Facebook, vai capacitar 600 jovens negros
(Foto: Reprodução)

 

Facebook quer aumentar presença negra no mercado publicitário

Segundo estimativa do Instituto Guetto a partir da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) do primeiro trimestre de 2020, divulgada pelo IBGE, a presença de pessoas pretas no mercado publicitário é de apenas 4,4%.

Em relação às pessoas pardas empregadas nesse setor, o percentual é maior, mas ainda assim pequeno, são apenas 21,5%. Isso, embora a comunidade negra (englobando os dois grupos, pretos e pardos) represente mais da metade da população brasileira. 

Quando o assunto é remuneração, a comunidade negra também está em desvantagem no mercado publicitário: enquanto brancos têm remuneração média de R$4.479, pretos e pardos recebem em média, respectivamente, R$1.783 e R$3.312.

Tendo esse cenário em vista, a  proposta do programa Potência Preta, de acordo com o Facebook, é contribuir para que o mercado de trabalho na publicidade se torne um ambiente mais diverso.

"Todos precisamos nos conscientizar da necessidade urgente de ações concretas para trazer mais diversidade e inclusão ao ambiente de trabalho. A presença da comunidade negra é particularmente muito pequena na indústria da publicidade, e esperamos que iniciativas como a Potência Preta ajudem a mudar essa realidade."

A declaração é da diretora de Global Customer Marketing do Facebook para América Latina, Débora Nitta.

Quer receber mais conteúdo como este?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, com dicas de Carreiras, vagas de empregose muito mais!

Buscador de empregos

Milhares de oportunidade de emprego grátis