Governo divulga um novo calendário do auxílio emergencial
Pagamentos serão creditados a partir da próxima quinta-feira, 28
26/08/2020 10:35 | Atualizado: 26/08/2020 20:03
26/08/2020 10:35 | Atualizado: 26/08/2020 20:03

Foram divulgados nesta quarta-feira, 26, os novos calendários de pagamentos do auxílio emergencial para mais de 1,79 milhões de beneficiários. A publicação foi feita no Diário Oficial da União pelo Ministério da Cidadania. 

Dessa vez, o novo cronograma abrange os seguintes públicos:

  • Aqueles que se cadastraram nas Agências dos Correios no período de 8 de junho a 2 de julho;
  • Aqueles que solicitaram a contestação por meio da plataforma digital entre os dias 3 de julho e 16 de agosto; e
  • Aqueles que receberam a 1ª parcela em meses anteriores e tiveram o pagamento reavaliado em agosto de 2020. 

De acordo com o decreto publicado no Diário Oficial, caso o trabalhador tenha indicado uma conta já existente ao fazer o cadastro, nas datas em que forem liberados os saques e transferências, os recursos ainda existentes na poupança digital serão transferidos automaticamente. 

É importante ressaltar que, nesse primeiro momento, os recursos disponibilizados estarão disponíveis apenas para pagamento de contas, de boletos e para a realização de compras por meio do cartão de débito virtual ou QR Code. 

Calendário auxílio emergencial
Governo divulga calendário para mais de 1,79 milhão de beneficiários
(Foto: Divulgação)

Leia também:

Confira o calendário de pagamentos do auxílio emergencial

Como ocorrido nos últimos calendários, as datas de crédito, saque e transferências variam de acordo com o mês de nascimento do beneficiário. Clique aqui para ter acesso ao cronograma completo. 

Beneficiários inscritos nas agências dos Correios entre 8 de junho e 2 de julho receberão nas seguintes datas:

  • Primeira parcela: de 28 de agosto a 30 de setembro, com saques liberados de 19 de setembro a 27 de outubro.
  • Segunda e Terceira parcelas: de 9 de outubro a 13 de novembro, com saques liberados de 29 de outubro a 19 de novembro.
  • Quarta e Quinta parcelas: de 16 de novembro a 30 de novembro, com saques liberados de 26 de novembro a 15 de dezembro.

Beneficiários que fizeram a contestação entre os dias 3 de julho e 16 de agosto receberão nas seguintes datas:

  • Primeira parcela: de 28 de agosto a 30 de setembro, com saques liberados de 19 de setembro a 27 de outubro.
  • Segunda e Terceira parcelas: de 9 de outubro a 13 de novembro, com saques liberados de 29 de outubro a 19 de novembro.
  • Quarta e Quinta parcelas: de 16 de novembro a 30 de novembro, com saques liberados de 26 de novembro a 15 de dezembro.

Beneficiários que receberam a 1ª parcela em meses anteriores e o pagamento foi suspenso em agosto:

  • Todas as parcelas restantes: de 28 de agosto a 30 de setembro, com saques liberados de 19 de setembro a 27 de outubro.
     

E-book Guia do Trabalhador na pandemia

 

Quer receber novidades sobre concursos?
Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!
Newsletter