A importância do Excel no mercado de trabalho


O Excel é uma das ferramentas essenciais para o ingresso no mercado de trabalho. Ter o domínio do seu uso chega a ser um dos requisitos principais para algumas carreiras, como contador, auxiliar administrativo e especialista em Marketing de Conteúdo. 

Ele é utilizado como simplificador para a criação planilhas e realiza cálculos modernos, otimizando o trabalho. O Excel também organiza números e transforma seus dados em informações.

Aprender as fórmulas que facilitam sua aplicação parece uma tarefa complicada. O programa apresenta, muitas vezes, funções complexas e que necessitam de um conhecimento específico. 

Pensando nisso, separamos algumas dicas para você, que está começando agora a entender um pouco mais sobre a ferramenta, não se desesperar.

Importância do Excel

Dicas de como usar o Excel com facilidade

De acordo com o blog da Rock Content, grande empresa da América Latina em Marketing de Conteúdo, existem diversas funções que podem ser combinadas entre si para tornar a ferramenta muito mais eficaz. 

O blog destacou as principais categorias disponíveis para o melhor entendimento das fómulas existentes: 

►String/Texto: Essa função serve para separar, combinar ou mexer em textos ou suas letras individualmente.

► Data/Hora: São operações relacionadas à calculo de tempo, intervalo entre datas, dias úteis e a identificação dos dias, semanas e meses.

► Matemática/Trigonometria: Além de realizar operações aritméticas, permite calcular equações complexas, constantes (como Pi), gerar números aleatórios e alterar números com arredondamento, conversão de unidades e operações com ângulos.

► Estatística: Para análise de conjuntos. Identifica automaticamente percentis, médias, medianas, distruibuições, contagens, permutações, variância, entre outras.

► Funções lógicas: Permite que outras funções sejam combinadas e analisadas em função de uma regra descrita pelo usuário. Retorna “TRUE” ou “FALSE” para funções que checam por uma determinada condição e tomam uma ação de acordo com o resultado.

► Funções de informação: São usadas basicamente para avaliar o resultado de outras funções. Podem responder se uma determinada célula está em branco, é um erro, uma data ou um texto, por exemplo. Também identificam e manipulam os identificadores de formato (data, hora, percentual, moeda, etc) que falamos acima.

► Database: Demonstram valores relacionados à um grupo de células (range). Podem ser usadas para contas o número de elementos, apontar o seu maior (ou menor) membro, a variância dentro do grupo, entre outros.

► Financeiras: Simplificam o cálculo de juros, depreciação, períodos de investimento e número de pagamentos, por exemplo.

► Engenharia: Converte números entre suas diversas formas de representação, como binários, hexa, octal e algumas unidades de medida.

► Referência/Lookup: Vasculham um determinado espaço em busca de um valor dado pelo usuários. Ideais para encontrar correspondências entre fontes de dados diferentes, assim como relações entre índices diversos que possuem elementos em comum.

Para que o seu destaque no mercado de trabalho seja garantido, é precisa estar sempre antenado aos principais programas utilizados nas empresas. Todas essas dicas podem ser o pontapé inicial para o seu conhecimento integral da ferramenta.

No entanto, elas não irão garantir o aproveitamento completo do Excel. Além disso, é necessário buscar cursos de especialização, onde você poderá aprender tudo e estar apto a adicionar mais esta habilidade ao seu currículo. 

Leia também:

Comentários