Notícias sobre PM-RJ - 2013 - 6.000 vagas - Soldado

Corporação prevê autorizações dos concursos já em novembro


A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ) pretende realizar cinco concursos, cujo pedido de abertura já está em análise na Secretaria de Estado e Planejamento e Gestão (Seplag), para preenchimento de 6.965 vagas. Haverá oportunidades para soldado (6 mil), cabo auxiliar de saúde (690), sargento músico (135), oficial de saúde (80) e oficial combatente (60). Em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, o chefe do Centro de Recrutamento e Seleções de Praças (CRSP) da PM-RJ, tenente-coronel Roberto Vianna, destacou que o objetivo da corporação é que as autorizações sejam concedidas em novembro, com os editais sendo publicados no início de 2013.

Chefe do CRSP otimista quanto à aprovação das vagas


É grande a expectativa pela autorização dos concursos da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PM-RJ), cujo pedido de abertura está em análise na Secretaria de Estado e Planejamento e Gestão (Seplag), para preenchimento de 6.965 vagas. Somente para o cargo de soldado, cujo edital deverá sair em janeiro, a corporação quer preencher 6 mil vagas. O chefe do Centro de Recrutamento e Seleções de Praças (CRSP) da PM-RJ, tenente-coronel Roberto Vianna, reafirmou na última sexta-feira, dia 31, que está otimista quanto à aprovação na íntegra das 6.965 vagas, a serem oferecidas em concursos. “Temos a esperança de que seremos atendidos, porque essa é uma prioridade não apenas do governo, mas da população”, enfatizou. 

6.885 vagas apenas para o 2º grau


A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) informou, na última segunda-feira, dia 27, que está em análise o pedido de abertura dos concursos da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ), previstos para o início de 2013. A corporação pretende preencher 6.965 vagas nos cargos de soldado (6 mil), cabo auxiliar de saúde (690), sargento músico (135), oficial de saúde (80) e oficial combatente (60). Além do Cespe/UnB, outras instituições estão sendo cogitadas para organizar as seleções.

Em análise possíveis organizadoras dos concursos. Oferta de 6.965 vagas


O chefe do Centro de Recrutamento e Seleção de Praças (CRSP) da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PM-RJ), tenente-coronel Roberto Vianna, afirmou na última terça-feira, dia 21, que o pedido de abertura dos concursos está em análise na Secretaria de Estado e Planejamento e Gestão (Seplag) e que, além do Cespe/UnB, outras instituições estão sendo cogitadas para organizar as seleções. Os concursos visam ao preenchimento de 6.965 vagas nos cargos de soldado (6 mil), cabo auxiliar de saúde (690), sargento músico (135), oficial de saúde (80) e oficial combatente (60). Para soldado, cuja escolaridade exigida é o nível médio, é necessário que os candidatos tenham carteira de habilitação, no mínimo, na categoria "B". O salário atual é de R$1.922,76, mas em fevereiro de 2013, passará para R$2.382,19. Também são pagas gratificações a quem faz curso de qualificação (R$350) ou trabalha em Unidade de Polícia Pacificadora (R$500 para os praças).

Concurso em janeiro também exigirá preparo físico


Os interessados em participar do concurso para soldado da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ), cujo edital deverá sair em janeiro, devem iniciar a preparação, uma vez que a concorrência promete ser grande, já que a corporação quer preencher 6 mil vagas. Ao se preparar para o concurso, os futuros candidatos não devem apenas estudar as disciplinas do exame teórico, mas também realizar muitas atividades físicas, já que há um alto índice de reprovação nessa etapa da seleção. "Hoje, os requisitos exigidos são bem razoáveis e, talvez por isso, a facilidade imaginada pelo candidato faça com que ele não se prepare adequadamente. Estamos revendo os indicadores dos testes passados, e aumentaremos o grau de dificuldade, para que o candidato se prepare melhor e diminua o índice de reprovação", afirmou o chefe do Centro de Recrutamento e Seleção de Praças (CRSP), tenente-coronel Roberto Vianna.

Deputados apoiam realização de concurso


A Polícia Militar do Rio de Janeiro (PM-RJ) quer realizar concurso para 6 mil vagas de soldado (nível médio) e, para isso, aguarda apenas o aval da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão(Seplag) para abrir a seleção. Para os deputados estaduais coronel Jairo (PSC) e Flávio Bolsonaro (PP), é fundamental que o governo amplie os quadros das PM, em especial para que o sistema de segurança funcione de forma satisfatória para eventos de grande porte, entre eles a Copa do Mundo e as Olimpíadas.

Edital de soldado sai em janeiro, com oferta de 6 mil vagas


O comandante-geral da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PM-RJ), coronel Erir Ribeiro da Costa Silva, confirmou a FOLHA DIRIGIDA, na última segunda, dia 13, que o edital do concurso para 6 mil vagas de soldado deverá sair mesmo logo no início do próximo ano. “Esse edital vai sair em janeiro. A verba para a contratação dos aprovados vai entrar no orçamento do ano que vem. Meu conselho para quem quer fazer os concursos da PM é para que estudem e sejam dignos, pois é isso que nossa sociedade precisa”, disse o coronel Erir Ribeiro da Costa Silva. A informação de que o edital para soldado seria liberado em janeiro também já havia sido dita pelo chefe do Centro de Recrutamento e Seleções de Praças (CRSP) da PM-RJ, tenente-coronel Roberto Vianna.

É hora de iniciar estudos para próximo concurso


A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ) deve ter seus próximos concursos, previstos para o início de 2013, organizados pelo Cespe/UnB, diferentemente das últimas seleções, realizadas pelo Centro de Recrutamento e Seleção de Praças (CRSP). A afirmação foi feita pelo próprio chefe do CRSP, tenente-coronel Roberto Vianna, na última segunda, dia 6. Sendo assim, os futuros candidatos devem ficar atentos ao perfil da nova banca organizadora desde já. A corporação pretende oferecer 6.965 vagas, sendo 6 mil somente para soldado, que requer nível médio.

Dicas de Geografia e Legislação


O concurso da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PM-RJ) é um dos mais concorridos do país.  A previsão é que a seleção seja aberta a partir de janeiro de 2013. Para aprimorar os estudos daqueles que irão concorrer, a FOLHA DIRIGIDA traz as orientações dos professores Marcelo Saraiva e Diogo Fontes, do curso Academia do Concurso, sobre Geografia e Legislação do Trânsito, respectivamente, com dicas de estudo e os pontos mais relevantes de cada matéria.