Concurso UFRJ: pró-reitor detalha carreira e promoções

Entre os vários atrativos do concurso UFRJ 2017, que segue com inscrições abertas, destaca-se o plano de cargos. Além da estabilidade empregatícia e benefícios tradicionais, como auxílios-alimentação (R$458), transporte (variável) e creche (R$321 para quem tem dependentes de até 5 anos), há esse plano que prevê promoções a cada 18 meses.

18/08/2017 07:00 | Atualizado: 02/10/2017 02:30

18/08/2017 07:00 | Atualizado: 02/10/2017 02:30
Entre os vários atrativos do concurso UFRJ 2017 , que segue com inscrições abertas , destaca-se o plano de cargos. Além da estabilidade empregatícia e de benefícios tradicionais - como auxílios-alimentação (R$458), transporte (variável) e creche (R$321 para quem tem dependentes de até 5 anos), esse plano prevê promoções a cada 18 meses.
 
O pró-reitor de Pessoal da UFRJ, Agnaldo Fernandes, detalhou como podem acontecer as promoções, destacando que elas são rotineiras na instituição. "As promoções fazem parte do sistema. A lei oportuniza aos servidores da universidade terem essa progressão. Ela ocorre por avaliações de desempenho e capacitação. Além disso há o incentivo à qualificação . Há aumento salarial por escolaridade superior à determinada ao cargo", informou. 

Em recente entrevista à FOLHA DIRIGIDA, Agnaldo já havia adiantado que as convocações serão imediatas e começarão a ser feitas assim que o resultado for homologado. 

Universidade incentiva qualificação de servidores

Pró-reitor de pessoal da UFRJ Agnaldo Fernandes

Pró-reitor Agnaldo Fernandes detalha plano de cargos

"A partir das demandas das unidades e dos servidores, há um plano de capacitação que permite ao servidor, na medida em que ingressa, ir se adequando ao trabalho. O assistente em administração , por exemplo, é um cargo genérico e, por vezes, não tem uma experiência específica naquela área. Oportunizamos ao servidor então se aprimorar nesses processos", explicou.
 
O primeiro curso dos novos servidores será de formação, em fase de elaboração pela UFRJ. "Isso para ele não chegar 'cru' dentro da unidade. Ainda estamos elaborando isso. Mas deverá ser uma ou duas semanas de curso. Não é eliminatório, nem tem reprovação. É um curso de acolhimento e adaptação dos servidores", informou.
 
A possibilidade de chegar a cargos de chefia é outro atrativo da UFRJ. "Temos um funcionamento descentralizado. Cada unidade nossa tem uma estrutura administrativa. E os cargos, na maioria das vezes, são ocupados por técnico-administrativos. Muitos deles são aproveitados", destacou Agnaldo Fernandes. O pró-reitor destacou a importância que o concurso terá para a instituição.
 
"A Universidade Federal do Rio de Janeiro está aberta aos novos candidatos. Para nós é muito importante renovar e revigorar novas mentes que nos ajudem a manter a UFRJ como uma das principais universidades do pais. Somos uma universidade de ponta, com referências na pesquisa, ensino, graduação, extensão, na pós-graduação. Temos o Museu Nacional, a Coppe e o Parque Tecnológico", disse Agnaldo Fernandes, convocando os interessados a buscarem uma vaga na UFRJ.
 
"Abrimos frentes agora em Macaé e Duque de Caxias, que nos aproximam cada vez mais da sociedade. É a Universidade Federal do Rio de Janeiro, que está perto de completar 100 anos. E ela chegou onde chegou graças às pessoas que nela trabalham. Tanto professores, quanto profissionais técnico-administrativos e estudantes. Estamos convidando vocês a virem fazer parte dessa família UFRJ. Será motivo de orgulho você estar trabalhando conosco", concluiu o pró-reitor.
 
O concurso da UFRJ foi aberto no último dia 31. A FOLHA DIRIGIDA dá todos os detalhes dessa seleção!
 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

UFRJ - 2017 - Área de Apoio

RJ
Até R$4638,66
Fund...
168 vagas

Carregando...