Concurso UFRJ da área de apoio tem provas adiadas para 2020

A UFRJ divulgou comunicado oficial que adia a realização das provas objetivas para 29 de março de 2020.

13/11/2019 08:45 | Atualizado: 13/11/2019 11:42

13/11/2019 08:45 | Atualizado: 13/11/2019 11:42

A Universidade Federal do Rio de Janeiro comunica que as provas objetivas do concurso UFRJ não serão mais realizadas este ano e ficarão para 2020. O anúncio foi feito de maneira oficial, no site da PR4, banca organizadora .

Previsto para acontecer no dia 8 de dezembro, o exame foi remarcado para 29 de março de 2020, com caráter eliminatório e classificatório. Serão divulgados novos cronogramas, por grupo de prova.

De acordo com a organizadora, os candidatos que desejarem, poderão solicitar, em caráter excepcional, a devolução da taxa de inscrição paga. Estes, não poderão realizar o exame na nova data, pois estarão abandonando o concurso. As instruções constam no site .

Essa não é a primeira vez que o concurso UFRJ é retificado e tem mudanças no cronograma, além de ter que restituir as taxas de inscrição. Em agosto deste ano, o edital foi republicado com novas datas.

O novo edital foi publicado para atender às normas sobre reserva para pessoas com deficiência e do procedimento de heteroidentificação - a autodeclaração dos candidatos negros. Os concorrentes que solicitaram a devolução das taxas da primeira retificação já tiveram seus pedidos atendidos.

(Foto: Divulgação)
UFRJ altera novamente cronograma e terá provas em 2020
(Foto: Divulgação)

Além disso, o novo edital também altera alguns requisitos, municípios de lotação e conteúdo programático. Para os cargos de técnico em medicamentos médico-odontológico, técnico em herbário, técnico de anatomia e necropsia, a exigência passou a ser apenas nível médio completo, e não curso técnico na área.

Concurso UFRJ oferece vagas de técnico-administrativos

O edital da Universidade Federal do Rio de Janeiro para a área de apoio foi publicado em maio e trouxe 37 vagas para a carreira de técnico-administrativos. As oportunidades são para funções de níveis médio, médio/técnico e superior.

No nível médio, os cargos são técnico em laboratório de Marcenaria (uma vaga), Física (uma) e Farmácia (uma), além do desenhista técnico especializado (uma) e técnico de tecnologia da informação (quatro).

Para o médio/técnico, as funções são técnico em Laboratório/Biotério (uma), técnico em laboratório/desenho de máquina (uma), técnico em anatomia e necropsia (duas), técnico em enfermagem (duas), técnico em laboratório/patologia clínica (uma), técnico em equipamento médico-odontológico (duas), técnico herbário (uma) e técnico em radiologia (duas).

Já no superior, as oportunidades são tecnólogo/projeto de produto (uma), tecnólogo/biossegurança (uma), médico veterinário (uma), administrador (três), analista de tecnologia da informação (três), biólogo (três), engenheiro de segurança do trabalho (uma), físico (uma) e químico (três).

Estes, proporcionam remunerações de R$2.904,96 para níveis médio e técnico e R$4.638,66 para superior. Já estão somados o vencimento básico mais o auxílio alimentação de R$458. Haverá, ainda, outros benefícios, como auxílio pré-escolar (R$321), auxílio transporte e auxílio saúde, além do incentivo à qualificação. 

As provas objetivas serão aplicadas no Rio de Janeiro e Macaé, com 60 questões. Serão cobradas as disciplinas de Língua Portuguesa, Legislação e Conhecimentos Específicos. Além da objetiva, ainda serão aplicadas prova prática, heteroidentificação, e de títulos. 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...