Concurso TRE PI: remoção interna de técnico é passo para edital

Com comissão formada para novo concurso TRE PI, tribunal prepara seleção de remoção para técnicos que ajuda edital. Entenda situação!

27/04/2021 10:35 | Atualizado: 28/04/2021 12:15

27/04/2021 10:35 | Atualizado: 28/04/2021 12:15

Mais um passo para o novo edital de concurso TRE PI 2021 foi dado. Em publicação no Diário da Justiça Eletronico, desta terça-feira, 27, é revelado que o órgão já prepara o concurso de remoção interna para a carreira de técnico judiciário. 

Esta seleção de remoção é destinada aos servidores do tribunal que desejam mudar de região de lotação, sendo uma etapa fundamental para que um novo edital seja publicado.

Isto porque é comum que primeiro os órgão públicos realoquem os seus servidores, para que então possam oferecer os cargos vagos em suas respectivas localidades em novo concurso.

Ou seja, o concurso interno de remoção é um indício de que um novo edital está próximo de ser lançado.

Estude com a Folha cursos para carreira de técnico de tribunais! Botão com link para Folha Cursos

Concurso TRE PI já tem comissão formada

A nova seleção para o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí já tem os tramites em andamento. A comissão que trabalha nos estudos para que o concurso seja lançado foi formada oficialmente na primeira quinzena de abril. 

Em contato recente com a Folha Dirigida, o tribunal informou que "diversos estudos ainda estão sendo realizados para viabilizar a realização do concurso".

Antes mesmo de oficializar a comissão, porém, o órgão já havia publicado que a realização do concurso TRE  PI 2021 estava aprovada pelo presidente do tribunal.

concurso TRE PI (Foto: Divulgação)
Concurso TRE PI avança em preparativos para edital em 2021
(Foto: Divulgação)

A quantidade de vagas e cargos que serão ofertados não foram ainda confirmados pelo TRE, no entanto, o concurso de remoção para técnicos reforça que a carreira deverá ter vagas oferecidas em novo edital.

enlightenedInicie agora os estudos para o concurso TRE PI

Além disso, o número de servidores aptos à aposentadoria atualmente no Tribunal Regional Eleitoral do Piauí também é um importante indício do que poderá ser preenchido no próximo concurso.

No momento há 42 servidores aptos a se aposentarem, sendo: 

  • 28 técnicos judiciários — área Administrativa;
  • Seis analistas judiciários — área Judiciária;
  • Seis analistas judiciários — área Administrativa;
  • Um analista judiciário — apoio especializado em Taquigrafia; e
  • Um analista judiciário — apoio especializado em Biblioteconomia.

Caso as saídas se confirmem, o tribunal não possui concurso válido para a reposição. 

TRE PI oferece remunerações a partir de R$ 8 mil

Prestes a sair do papel, o concurso do TRE do Piauí tem entre seus atrativos a remuneração e benefícios.

Com vagas para níveis médio e superior, o tribunal oferece ganhos a partir de R$8 mil. Confira:

Cargos e salários do concurso TRE PI

Técnico judiciário — área Administrativa - Nível médio e R$8.501,45
Analista judiciário — área Administrativa - Nível superior em qualquer área e R$13.365,38
Analista judiciário — área Judiciária - Nível superior em Direito e R$13.365,38
Analista judiciário — área Taquigrafia - Nível superior em Taquigrafia e R$13.365,38
Analista judiciário — área Biblioteconomia -  Nível superior em Biblioteconomia e R$13.365,38

Os benefícios são assistência médica e odontológica (R$215), adicional de qualificação (por nível de escolaridade superior ao exigido para a carreira), auxílio-creche (R$719,62 por dependente de até 5 anos). O regime de contratação é o estatutário, que garante estabilidade.

Concurso TRE PI 2015 pode ser base de estudos

O último concurso realizado pelo tribunal foi em 2015 e pode servir de base de estudos. Na época, as carreiras oferecidas foram técnico e analista, que exigem os níveis médio e superior, respectivamente. 

As vagas estavam distribuídas pelas seguintes especialidades:

  • Técnico Judiciário: Administrativa, Operação de Computadores e Programação de Sistemas.
  • Analista Judiciário: Administrativa, Análise de Sistemas, Taquigrafia e Judiciária

O Cebraspe foi a banca da seleção e os candidatos passaram por prova objetiva, redação e prova prática de apanhamento taquigráfico (sendo esta última apenas para candidatos às vagas de Taquigrafia). 

Confira as disciplinas cobradas no último concurso

Conhecimentos gerais para todos os cargos

  • Língua Portuguesa
  • Noções de Informática
  • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais
  • Noções de Administração Geral
  • Regimento Interno do TRE PI
  • Código de Ética do TRE PI

Conhecimentos Específicos

Analista Judiciário na área Administrativa

  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Eleitoral
  • Noções de Administração Orçamentária e Financeira e Orçamento Público
  • Noções de Administração Pública

Analista Judiciário na área de Análise de Sistemas

  • Fundamentos em Ti
  • Governança e Gestão de Ti
  • Processos de Negócio
  • Engenharia de Software
  • Arquitetura de Software
  • Desenvolvimento de Software
  • Redes de Computadores
  • Bancos de Dados
  • Segurança da Informação

Analista Judiciário – Área de Taquigrafia

  • Língua Portuguesa

Analista Judiciário – Área Judiciária

  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Direito Eleitoral
  • Direito Civil
  • Direito Processual Civil
  • Direito Penal
  • Direito Processual Penal
  • Noções de Administração Pública

Técnico Judiciário – Área Administrativa

  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Eleitoral
  • Noções de Administração Pública

Técnico Judiciário – Área de Operação de Computadores

  • Operação de Computadores

Técnico Judiciário – Área de Programação de Sistemas

  • Programação de Sistemas

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...