Concurso TRF3 tem comissão formada para edital de juiz substituto

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região formou a banca examinadora e comissão multiprofissional do concurso TRF3 para juiz.

24/09/2020 10:51 | Atualizado: 24/09/2020 13:03

Por: Mateus Carvalho

24/09/2020 10:51 | Atualizado: 24/09/2020 13:03 - Por: Mateus Carvalho

A comissão multiprofissional e banca examinadora do concurso TRF3 para a magistratura finalmente estão formadas e oficializadas. Os nomes dos membros foram divulgados no Diário da Justiça Eletrônico.

A banca examinadora começou a ser formada em julho, quando a sua composição foi aprovada pelo Órgão Especial do Tribunal Regional Federal da 3ª região.

No entanto, a portaria atual foi publicada com alterações e novos formatos, sendo:

Membros Efetivos

  • Desembargador Federal Paulo Gustavo Guedes Fontes, presidente;
  • Desembargador Federal Wilson Zauhy Filho;
  • Juíza Federal Audrey Gasparini;
  • Representante da Ordem dos Advogados do Brasil: Doutora Helena Regina Lobo da Costa;
  • Professor e Representante das Universidades: Doutor André Ramos Tavares.

Membros Suplentes

  • Desembargador Federal David Diniz Dantas;
  • Desembargadora Federal InêsVirginia Prado Soares;
  • Juíza Federal Gisele Bueno da Cruz de Lima;
  • Representante da Ordem dos Advogados do Brasil: Doutor João Dácio de Souza Pereira Rolim;
  • Professor e Representante das Universidades: Doutor Paulo Henrique dos Santos Lucon.

Já a comissão multiprofissional fica composta pelos seguintes membros:

Representantes doTRF3

  • Desembargadora Federal InesVirginia Prado Soares – presidente;
  • Juíza Federal Gisele Bueno da Cruz de Lima – Membro efetivo.

Profissionais Médicos doTRF3

  • Rosely Timoner Glezer (RF 3239);
  • Lorenzo Giuseppe Franzero (RF 1229).

Representantes da OAB

  • Patrícia Helena Massa (OAB SP n.º 104.344) – Membro efetivo;
  • Lucia Benito de Moraes Mesti (OAB SP n.º 272.530 ) – Membro suplente.

A portaria que constitui a comissão e a banca examinadora já entrou em vigor e isso poderá dar ainda mais celeridade aos preparativos. O edital de abertura ainda não tem data prevista para ser divulgado. Mas, isso não deve demorar para acontecer.

Vale destacar que a banca examinadora, nesse caso, não tem referência e se iguala a uma banca organizadora de concurso que organiza e aplica as provas. Esse tipo de banca fica responsável por elaborar e separar as questões, bam como realizar as correções.

(Foto: Divulgação)
TRF3 prepara concurso para juízes e já tem comissão formada
(Foto: Divulgação)

Quanto ganha um juiz do TRF3?

Vale destacar que ainda não há um quantitativo definido de vagas. Por isso, não se sabe se as chances serão imediatas ou para formar cadastro de reserva. Essas informações devem ser confirmadas, em breve, pelo próprio tribunal.

Para concorrer ao concurso de juiz do TRF3 é preciso ter bacharel em Direito com experiência de três anos de atividade jurídica.

A carreira proporciona uma remuneração de R$32.004,65, que com as progressões na carreira pode chegar a R$35.462,22, mais benefícios, não confirmados pelo órgão.

Resumo do concurso TRF3

  • Órgão: Tribunal Regional Federal da 3ª região
  • Banca: a definir
  • Cargo: juiz federal substituto
  • Vagas: a definir
  • Lotação: São Paulo e Mato Grosso do Sul
  • Último edital: baixe agora!

prepare-se

Confira as etapas do concurso TRF3 de juiz

Certamente o próximo edital de juízes do Tribunal Regional Federal da 3ª Região será publicado com as mesma estrutura do anterior, mudando apenas atualizações no programa e datas dos eventos do cronograma.

Por isso, o último edital é sempre a melhor referência. Nesse caso, o TRF3 realizou concurso em 2018 para a magistratura, ofertando107 vagas para provimento imediato.

Do total, foram cinco chances reservadas para deficientes e 21 para negros. As inscrições e a organização foi do próprio órgão. A taxa cobrada foi de R$200 para pagamento somente no Banco do Brasil.

Confira todas as etapas de seleção

► Primeira etapa: prova objetiva seletiva, de caráter eliminatório e classificatório;

► Segunda etapa: duas provas escritas, de caráter eliminatório e classificatório;

► Terceira etapa: de caráter eliminatório, com as seguintes fases:
a) sindicância da vida pregressa e investigação social;
b)exame de sanidade física e mental;
c)exame psicotécnico;

► Quarta etapa: uma prova oral, de caráter eliminatório e classificatório;

► Quinta etapa: avaliação de títulos, de caráter classificatório.

A prova objetiva teve cinco horas de duração e tendo caráter eliminatório/classificatório, composta por 100 questões, divididas em três blocos, com as seguintes disciplinas:

BLOCO I (35 questões):
Direito Constitucional;
Direito Previdenciário;
Direito Penal;
Direito Processual Penal;
Direito Econômico e de Proteção ao Consumidor.

BLOCO II (35 questões):
Direito Civil;
Direito Processual Civil;
Direito Empresarial;
Direito Financeiro e Tributário.

BLOCO III (30 questões):
Direito Administrativo;
Direito Ambiental;
Direito Internacional Público e Privado.

Confira o material de preparação da Folha Dirigida e comece já os estudos para o concurso!

✔ Smart Planner
E-books 
✔ Provas para download
✔ Artigos sobre concursos
✔ Editais verticalizados
✔ Vídeos com dicas

Newsletter

Newsletter

Quer receber novidades sobre concursos?

Quer receber diretamente no seu e-mail as principais notícias dos concursos da sua região?

E de quebra dicas para seus estudo? Cadastre-se gratuitamente na newsletter FD para ter tudo isso!

Sobre o concurso

Previsto

TRF3 - 2020 - Juiz substituto

MS...
Não informado
Fund...
Não informado

Preparação