Concurso TJ RS para oficial e assistente: banca definida? Entenda!

Concurso TJ RS para oficial de justiça e assistente social segue na fase de escolha da banca, mas processo está suspenso.

27/04/2020 12:25 | Atualizado: 27/04/2020 15:27

Por: Tamires Silva

27/04/2020 12:25 | Atualizado: 27/04/2020 15:27 - Por: Tamires Silva

Desde a última quinta-feira, 23, circula na internet a informação de que o Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade) apresentou a melhor proposta para organizar o concurso TJ RS. A seleção terá 28 vagas nos níveis médio e superior.

Desta forma, se nenhuma das outras empresas participantes do processo licitatório apresentassem recursos, essa seria a banca da seleção. Apesar da repercussão, o Tribunal não havia se manifestado sobre a veracidade ou não das informações.

Para esclarecer, FOLHA DIRIGIDA entrou em contato com o órgão. De acordo  com a Assessoria de Imprensa, o referido processo licitatório está suspenso desde o último dia 30 de março, quando foi instituído o Plano de Contingenciamento de Despesas do Poder Judiciário gaúcho

Saiba mais sobre o concurso TJ RS

 

Banca do concurso TJ RS só deve ser formalizada a partir de maio

A medida de contingenciamento do TJ RS consiste na adoção de medidas para a economia no âmbito interno do Tribunal, com o intuito de proporcionar repasses à saúde pública do Estado. Repasses esses que serão destinados a ações específicas de combate à Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus.

Conforme consta no Ato assinado pelo presidente do Tribunal, desembargador Voltaire de Lima Moraes, o prazo do contingenciamento será de 60 dias, podendo ser prorrogado. E segundo a Assessoria de Imprensa as ações adotadas incluem a suspensão do processo licitatório para a escolha da banca do concurso. 

O que o TJ RS não divulgou é se, antes desta pausa, o Ibade havia realmente apresentado a melhor proposta. O órgão também não confirma se chegou a ser aberto o prazo para recursos de outras empresas. 

Mas, ainda que o Ibade tenha apresentado a melhor proposta, a continuidade do processo licitatório ocorrerá somente após o fim do contingenciamento. E isso vai depender de como vai se desenvolver a situação da saúde no estado.

Além disso, a própria homologação do processo licitatório terá que esperar. Se o Ibade for a banca, a aprovação e formalização do contrato deverão ser divulgados após o fim do contingenciamento, a partir de maio. 

Os trâmites para a escolha da banca foram iniciados em dezembro. Confira a nota enviada pelo Tribunal:

“Tendo em vista o Plano de Contingenciamento de Despesas no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul, o processo de contratação da instituição especializada para realização do concurso para os cargos de Assistente Social Judiciário PJ-J e Oficial de Justiça PJ-H está suspenso pelo prazo previsto no art. 1º do Ato 14/2020-P, sujeito a eventual prorrogação, com posterior prosseguimento.”

Edital terá 28 vagas nos níveis médio e superior

O concurso para o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul vai oferecer 28 vagas, sendo sendo 24 de oficial de justiça PJ-H e quatro de assistente social. A seleção é aguardada desde março do ano passado, quando foi autorizada pelo Conselho da Magistratura.

Para ingressar na carreira de assistente social judiciário é preciso ter o nível superior completo na área. A remuneração inicial é de R$9.676,90, composta pelo vencimento básico e gratificações. 

Já a carreira de oficial de justiça PJ-H requer o nível médio. Neste caso, o ganho inicial é de R$7.304,45, também incluindo as gratificações. 

CargoVencimento brutoGratificaçãoAuxílio conduçãoRisco de vidaRemuneração total
Oficial PJ-H (24 vagas)R$4.712,55Não informadoR$942,51R$1.649,39R$7.304,45
Assistente Social (quatro vagas)R$6.912,07R$2.764,83Não informadoNão informadoR$9.676,90

Além das 28 vagas iniciais, o concurso também vai formar um cadastro de reserva. Deste modo, mais aprovados poderão ser convocados durante a validade da seleção, que será de dois anos prorrogáveis por mais dois. 

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Concurso TJ RS deverá ter preparativos retomados a partir de maio
(Foto: Acervo do Memorial do Judiciário/ TJ-RS)

Último concurso para oficial e assistente foi há seis anos

O último concurso para oficial 'PJ-H' e assistente foi aberto em 2014, com 116 vagas no nível médio e 17 no nível superior. A organizadora foi a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Faurgs).

Os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, valendo 80 pontos. 

Para oficial 'PJ-H' foram 80 questões, sendo:

  • 30 de Português
  • 40 de Conhecimentos Específicos e Legislação
  • 10 de Microinformática

Para assistente as 80 questões foram:

  • 30 de Português
  • 30 de Conhecimentos Específicos
  • 15 de Legislação
  • 5 de Microinformática

O término da validade do concurso ocorreu em 17 de dezembro de 2018, o que impossibilita a chamada de novos servidores até uma nova seleção ser homologada. 

Resumo do concurso TJ RS

Vagas: 28 + cadastro de reserva
Carreiras: oficial de justiça PJ-H e assistente social judiciário
Remuneração: até R$9 mil
Banca: indefinida

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...