Concurso TJ RO: tribunal estima editais no primeiro semestre de 2021
Tribunal de Justiça de Rondônia prevê abertura do concurso TJ RO para efetivos e temporários no primeiro semestre de 2021. Entenda!
15/12/2020 13:05 | Atualizado: 16/12/2020 16:07Por: Bruna Somma
15/12/2020 13:05 | Atualizado: 16/12/2020 16:07 - Por: Bruna Somma

O Tribunal de Justiça de Rondônia confirmou à Folha Dirigida que publicará dois novos editais para ingresso de servidores. Um será para contratação de efetivos e outro para temporários.

Por meio de sua Assessoria de Imprensa, o órgão informou que os dois novos editais do concurso TJ RO estão previstos para o primeiro semestre de 2021. Questionado sobre quantas vagas serão abertas, o tribunal disse que ainda não há um quantitativo definido.

“As vagas a serem preenchidas serão definidas com base no levantamento feito pela comissão organizadora, que irá apontar a necessidade de cargos a serem providos”, disse o TJ RO, em nota enviada à reportagem.

A comissão organizadora foi constituída na segunda-feira, 14, conforme publicação no Diário da Justiça do Estado. O grupo será responsável por realizar os preparativos do concurso para efetivos e do processo seletivo para contratação temporária de pessoal.

O grupo também deverá realizar os estudos para contratação da banca, supervisionar o contrato e fornecer todas as informações necessárias para publicação dos editais e realização das etapas.

 A admissão por tempo determinado está estabelecida na  Lei nº 4.910, de 8 de dezembro de 2020  . De acordo com o texto da legislação, as contratações poderão ser feitas por dois anos, prorrogáveis por igual período

TJ RO prevê abertura de novo concurso no primeiro semestre de 2021
TJ RO prevê abertura de novo concurso no primeiro semestre de
2021 (Foto: Divulgação)

O tribunal pode realizar seleções para temporários desde que seja para atenuar, por exemplo, o volume de trabalho acumulado, decorrente de evento sazonal. Desde que as atividades não possam ser atendidas adequadamente pelo quadro de servidores existentes.

Sem novo concurso, TJ RO acumula 705 cargos vagos

A comissão organizadora do concurso TJ RO deve realizar um levantamento sobre o número de vagas que será aberto. Esse estudo deve levar em consideração a carência de pessoal do órgão e o orçamento necessário para realizar as nomeações.

Conforme dados de novembro, presentes no Portal da Transparência, existem 705 cargos vagos efetivos na estrutura do Tribunal de Justiça de Rondônia.

Desse quantitativo, 474 são de técnico judiciário e 63 de técnico judiciário - informática, carreiras de nível médio. As remunerações, depois da aprovação em concurso, são de R$3.539,04.

Os aprovados para técnico judiciário também podem ganhar gratificação pela conclusão de tecnólogo, graduação, pós-graduação, mestrado ou doutorado. 

O TJ RO apresenta ainda 168 postos sem preenchimento para analista judiciário, carreira de nível superior. Nesse caso, a maior carência é para oficial de justiça, com 108 cargos em aberto.

O salário inicial dos analistas é de R$6.365,21. O tribunal concede também adicionais de qualificação para quem tem pós-graduação, mestrado ou doutorado. 

Resumo concurso TJ RO

  • Órgão: Tribunal de Justiça de Rondônia
  • Cargos: a definir 
  • Vagas: efetivas e temporárias 
  • Remunerações: R$3.539,04 a R$6.365,21
  • Status: comissão formada
  • Editais: primeiro semestre de 2021

Último concurso TJ RO teve oferta de 153 vagas

O Tribunal de Justiça de Rondônia realizou seu último concurso em 2015. A oferta de 153 vagas para efetivos. Tais oportunidades foram distribuídas entre os níveis médio e superior.

Ao todo, foram 110 chances para técnico judiciário, que exigiu ensino médio completo para inscrição. As demais 43 vagas foram para analista judiciário, carreira de nível superior.

Na época, as remunerações foram de R$2.913,68 e R$5.240,46, respectivamente. A jornada de trabalho foi de 40 horas semanais.

Além desses valores, os servidores puderam usufruir de benefícios como auxílio-alimentação no valor de R$1 mil e auxílio-saúde no valor de R$300, além de auxílio transporte.

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi a banca organizadora. Os concorrentes foram avaliados por provas objetivas e escritas, aplicadas em diversas cidades do estado de Rondônia.

O exame objetivo, por exemplo, foi composto por 70 questões acerca do conteúdo de Língua Portuguesa (20) e Conhecimentos específicos (50).

Quer receber novidades sobre concursos?
Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!
Newsletter
Receba notícias recomendadas para você!
É só se cadastrar e seguir concursos de seu interesse para receber notícias exclusivas direto na sua página inicial.
icon