Concurso TJ-PI: prazo de validade é prorrogado até 2020

O concurso do Tribunal de Justiça do Piauí de 2015 será prorrogado por mais dois anos e possibilitará a convocação de candidatos aprovados.

17/07/2018 12:00 | Atualizado: 17/07/2018 17:04

17/07/2018 12:00 | Atualizado: 17/07/2018 17:04

Homologado 18 em julho de 2016, o concurso do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) será prorrogado a partir do dia 18 de julho. A decisão foi aplicada após a Associação dos Magistrados Piauienses (Amapi) solicitar a ampliação do prazo de validado do concurso ao TJ-PI.

Em concordância, o TJ-PI decidiu tornar válido, por mais dois anos, o concurso público de 2015 para provimento de cargos do quadro de servidores efetivos do Poder Judiciário. 

TJ-PI prorroga prazo de concurso realizado em 2015. (Foto: Divulgação/CNJ)
TJ-PI prorroga prazo de concurso realizado em 2015
(Foto: Divulgação/CNJ)

A decisão foi do desembargador José James Gomes Pereira, presidente em exercício do Tribunal de Justiça. No ofício encaminhado pela Amapi ao TJ, além da solicitação de prorrogação, a Associação lembra que o Tribunal, por meio da Resolução 109/2018, se comprometeu a tomar providências internas para aplicação da distribuição e movimentação de servidores nos órgãos do Poder Judiciário de primeiro e de segundo graus, de acordo com a quantidade de processos. 

O presidente da Amapi, Thiago Brandão, comemorou a decisão da Corte.

"É uma posição necessária e oportuna, uma vez que, assim, ao Tribunal de Justiça do Piauí será possibilitada a disponibilização de cadastro de aprovados para reposição de servidores em seus quadros", assinalou Thiago Brandão.

Saiba mais sobre o concurso TJ-PI 2015

concurso TJ-PI 2015 ofereceu 180 vagas de nível superior, além da formação de cadastro reserva. As oportunidades foram distribuídas pelas seguintes áreas/cargos:

  • Judiciária (escrivão judicial e oficial de justiça e avaliador);
  • Apoio Especializado (análise de sistemas/banco de dados, análise de sistemas/desenvolvimento, análise de sistemas/telecomunicações, auditor, contador, enfermeiro, engenheiro eletricista, médico, nutricionista, odontólogo, psicólogo e psiquiatra);
  • Administrativa (analista administrativo e analista judicial)

Prepare-se para concursos públicosO concurso foi realizado com a organização da Fundação Getúlio Vargas (FGV). A seleção chegou a ser paralisada para investigação de fraude. A decisão foi tomada após análise minuciosa das provas produzidas pela Polícia Civil, e apresentadas em relatório entregue ao TJ. 

Em março de 2016, no entanto, a seleção foi retomada, tendo 21 pessoas indiciadas e 12  presas. Na época, o presidente do TJ, desembargador Raimundo Eufrásio, também autorizou a Fundação Getúlio Vargas a eliminar 50 candidatos beneficiados, direta ou indiretamente, pelo esquema fraudulento.

As provas objetivas reuniram 100 questões, sendo 30 serão de Língua Portuguesa e 70 de Conhecimentos Específicos. Já as disciplinas de Raciocínio Lógico e Legislação Específica ficaram incluídas nos Conhecimentos Específicos. 

O vencimento inicial oferecido foi de R$5.218,71, chegando a R$6.518,71 quando incluídos o auxílio-alimentação (R$1 mil) e o auxílio-saúde (R$300). Os aprovados e convocados atuam com jornada de 30 horas e contrato sob o regime estatutário, que garante a estabilidade. 

Saiba mais sobre o prazo de validade em concursos

Prazo de validado do concurso é um item importante do edital. É ele que vai determinar a vigência do resultado. Mas você sabe como a validade funciona? A partir de quando ela começa a valer? Veja as respostas para essas e outras perguntas em relação à validade de concursos. 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...