Concurso Saúde RS: comissão organizadora já está sendo formada
A comissão organizadora do concurso Saúde RS já está sendo formada, de acordo com a Secretaria de Comunicação do Governo. Veja!
04/03/2021 15:30
04/03/2021 15:30

No Rio Grande do Sul a expectativa é de que o novo edital do concurso Saúde RS seja publicado ainda no primeiro semestre do ano. De acordo com a Secretaria de Comunicação do governo, a comissão organizadora da seleção já esta sendo definida.

Os nomes dos servidores que irão compor o grupo, que ficará responsável por acompanhar e fiscalizar todas as etapas referentes ao concurso, estão sendo escolhidos pelas secretarias envolvidas na elaboração do edital.

Ainda de acordo com a Secom, poderá ser feita a publicação de mais de um edital, caso a comissão do concurso identifique essa necessidade. Essa definição ocorrerá após o grupo alinhar e ajustar o perfil que será adotado no edital, critérios e exigências para cada um dos cargos.

Depois de formar a comissão organizadora, a próxima etapa do concurso Saúde RS será a elaboração do projeto básico e abertura do processo de escolha da banca. A expectativa é de que esses trâmites não demorem a ser realizados, considerando a previsão de publicação do edital até 30 de junho.

Além disso, a Secretaria de Comunicação do Governo do Rio Grande do Sul já havia confirmado anteriormente que as provas do concurso Saúde RS devem ser realizadas no segundo semestre do ano. A convocação dos aprovados deve ficar para o ano de 2022.

+ Concurso TJ RS: comissão organizadora tem novo presidente

Médico
Concurso poderá ter mais de um edital, de acordo com análise da
comissão organizadora (Foto: Divulgação)

Novo concurso Saúde RS ofertará mais de 900 vagas

O concurso Saúde RS terá uma oferta de 948 oportunidades. Desse total, 750 serão destinadas ao cargo de especialista em Saúde e as outras 198 serão para técnicos. 

A realização de um novo concurso Saúde RS tem como objetivo o preenchimento das vagas em aberto no órgão atualmente. De acordo com dados divulgados pelo próprio governo, nos últimos cinco anos a Secretaria de Saúde do Estado teve 774 cargos vagos, decorrentes de aposentadorias, falecimentos e exonerações.

A Secretaria de Saúde ainda conta com 295 pedidos de aposentadorias aguardando deferimento e publicação. Dessa forma, em breve, a secretaria contará com 1.069 cargos vagos. Cargos estes que deverão ser repostos por meio da realização de concurso público.

Segundo informou o próprio governo ao anunciar o concurso, se as vagas em aberto não forem preenchidas, poderá haver comprometimento do desenvolvimento regular das atribuições da secretaria. A SES também tem, atualmente, 143 cargos em contratação emergencial, cujo prazo de validade encerra ainda em 2021.

Resumo do concurso SES RS

  • Órgão: Secretaria de Saúde do Estado do Rio Grande do Sul
  • Nº de vagas: 948, sendo 750 serão para especialistas em Saúde e 198 para técnicos
  • Cargos: especialistas em Saúde e  técnicos
  • Requisito: níveis médio, técnico e superior

Botão com link para Folha Cursos

Expectativa é de que o novo edital traga oferta semelhante a do concurso anterior

Ainda não foram confirmadas as especialidades que serão contempladas em cada uma das carreiras oferecidas no novo concurso Saúde RS. Mas, a expectativa é de que o edital seja semelhante ao da seleção anterior, realizada em 2014.

Foram 1,5 mil vagas, distribuídas por cargos de níveis médio, técnico e superior. As vagas de nível médio eram para a carreira de assistente em saúde. No nível superior foram oferecidas chances para os cargos de técnico em Edificação, Enfermagem, Informática, Radiologia e Vigilância em Saúde.

Já no nível superior, foram contempladas as carreira de fisioterapeuta, médico (diversas especialidades), odontólogo, psicólogo, além de diversas outras funções da área da Saúde e administrativas.

A seleção foi organizada pela Fundação Fundatec. Todos os candidatos foram avaliados por meio de uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.

O conteúdo variou de acordo com o cargo. Para o nível médio, a prova foi composta pelas disciplinas de Língua Portuguesa (20), Informática (10), Raciocínio Lógico (10) e Legislação (30).

Para os níveis técnico e superior foram cobrados itens de Língua Portuguesa (10), Informática (cinco), Raciocínio Lógico (cinco), Legislação (30) e Conhecimentos Específicos (20). 

O concurso teve validade de dois anos, contados a partir da data de homologação. O prazo ainda foi prorrogado por mais dois anos. Mesmo prazo de validade que o próximo concurso terá.

Quer receber novidades sobre concursos?
Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!
Newsletter
Carregando...