Concurso Sejusp MG de agente socioeducativo deve ter edital em 2021

Em entrevista, superintendente Educacional de Segurança Pública revela intenção de abrir novo concurso Sejusp MG ainda em 2021. Confira!

26/08/2021 11:10 | Atualizado: 31/08/2021 09:35

Por: Bruna Somma

26/08/2021 11:10 | Atualizado: 31/08/2021 09:35 - Por: Bruna Somma

A Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp MG) trabalha para abrir o novo concurso para agente socioeducativo ainda em 2021. No momento, a pasta realiza um estudo da necessidade de pessoal para fechar o número de vagas.

As informações foram passadas com exclusividade pela superintendente Educacional de Segurança Pública de Minas Gerais, Roberta Corrêa, em entrevista à Folha Dirigida na quarta-feira, 25.

“A expectativa é que a gente consiga publicar esse edital até o final do ano. Se não for possível, sairá no primeiro semestre de 2022 com certeza”, afirmou.

Em paralelo, o termo de referência para contratação da banca organizadora está em finalização. Dessa forma, o pregão para escolha da instituição responsável por organizar o concurso deve ser aberto em breve.

“Estamos com o termo de referência para contratação da banca praticamente pronto, só dependendo do número de vagas. O secretário pediu que fosse refeito um estudo para ver a real necessidade. Esse estudo está praticamente concluído, acredito que nas próximas semanas seja encaminhado para Seplag (Secretaria de Planejamento)”, disse.

Agentes socioeducativos de Minas Gerais
Concurso Sejusp MG já tem aval do governo do Estado
(Foto: Divulgação)

Roberta confirmou que o concurso Sejusp MG para agente socioeducativo já está autorizado pelo governo do Estado. O aval, a principio, era de 270 vagas para o cargo, porém, após o estudo da secretaria, pode ser alterado.

De acordo com a superintendente, a carreira de agente socioeducativo tem como requisito o ensino médio completo. As remunerações iniciais são de R$4.098,45. 

“É um concurso bem similar ao da Polícia Penal, com as mesmas etapas e o requisito: nível médio”, destacou.

O concurso Polícia Penal MG, por sua vez, é composto por seis fases: provas objetivas e de redação; avaliações de aptidão psicológica e psicotécnica; exames médicos; prova de condicionamento físico; comprovação de idoneidade e conduta ilibada (investigação social); curso de formação técnico-profissional.

Assista o que a superintendente falou sobre o concurso Sejusp MG:

Último concurso Sejusp MG para agentes foi em 2013

O último concurso para ingresso como agente socioeducativo de Minas Gerais foi realizado em 2013. A oferta foi de 820 vagas, com reserva para pessoas com deficiência. Na época, os vencimentos iniciais eram de R$2.655 para jornada de 40 horas por semana.

A carga horária poderia ser desempenhada em regime de plantão, incluindo o período noturno, sábados, domingos e feriados.

O Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) foi o organizador. Os concorrentes foram avaliados por prova objetiva e redação; prova de condicionamento físico por testes específicos.

Além de exame psicológico; comprovação de idoneidade e conduta ilibada; exames médicos; curso de formação técnico-profissional. Na prova objetiva, por exemplo, foram cobradas as disciplinas de: Português, Raciocínio Lógico, Noções de Direito e Conhecimentos Específicos.

Conforme o último edital para carreira, os agentes socioeducativos têm as seguintes atribuições: exercer atividades de vigilância e escolta nos estabelecimentos da Subsecretaria de Atendimento às Medidas Socioeducativas - SUASE -, zelando pela integridade física, mental e emocional dos adolescentes em regime de internação e semi-liberdade.

Assim como garantir a integridade do patrimônio e a segurança dos servidores em exercício nas unidades de atendimento; assegurar o cumprimento das medidas socioeducativas; atuar como orientador no processo de reinserção social do adolescente em conflito com a lei.

Concurso Polícia Penal MG tem oferta de 2.420 vagas

A Sejusp MG tem três concursos previstos para 2021, dos quais dois já tiveram editais publicados. O primeiro foi para auxiliar educacional e o segundo para Polícia Penal do Estado.

A oferta é de 2.420 vagas para policiais penais (antigo agente penitenciário). O cargo tem como requisitos: o nível médio completo e idade mínima de 18 anos na data da posse. Não há limite de idade máxima, altura ou necessidade de Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Os salários iniciais são de R$4.631,25, para jornada de trabalho de 40 horas por semana. O período poderá ser cumprido em escala de plantão, conforme a necessidade do trabalho. Há reserva de vagas para pessoas com deficiência.

As inscrições terão início no dia 22 de outubro, pelo  site do Instituto Selecon , organizador da seleção. Os interessados poderão concluir o processo até o dia 21 de novembro.  A taxa é de R$49,16. 

As provas objetivas e de redação estão previstas para o dia 16 de janeiro de 2022. Com a proximidade das primeiras etapas, quem seja ingressar na Polícia Penal MG deve intensificar os estudos.

Estude para o concurso Polícia Penal MG com a Folha Cursos!

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...