Concurso Educação DF 2021: sai edital para professores temporários

Secretaria de Educação do Distrito Federal publica edital para formação de banco de reserva de professores substitutos. Confira!

23/09/2021 07:51 | Atualizado: 16/11/2021 10:06

23/09/2021 07:51 | Atualizado: 16/11/2021 10:06

A Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal publicou edital de novo concurso para temporários. A oferta é para formação de um banco de reserva de professores substitutos. Os salários chegam a R$3,8 mil. As inscrições são aceitas até esta quarta-feira, 10.

As oportunidades são para ingresso nas seguintes diretrizes curriculares:

  • Administração;
  • Arte;
  • Atividades Gerais;
  • Biologia;
  • Biomedicina;
  • Ciências Naturais;
  • Contabilidade;
  • Direito;
  • Educação Física;
  • Eletrônica;
  • Eletrotécnica
  • Enfermagem;
  • Farmácia;
  • Filosofia;
  • Física;
  • Fisioterapia;
  • Geografia;
  • História;
  • Informática;
  • Línguas (espanhol, francês, inglês, japonês, libras, português);
  • Matemática;
  • Música (diversas especialidades);
  • Nutrição;
  • Odontologia;
  • Psicologia;
  • Química;
  • Sociologia;
  • Telecomunicações.

Para se candidatar é preciso ter nível superior/licenciatura na área. Há vagas para jornadas de 20 e 40 horas por semana. As remunerações são de R$1.929,43 e R$3.858,87, respectivamente.

Esses valores ainda são acrescidos das seguintes gratificações:

  • Gratificação de Atividade Pedagógica – GAPED (R$ 578,83 – 20h / R$ 1.157,66 – 40h);
  • Gratificação de Atividade de Alfabetização – GAA;
  • Gratificação de Atividade de Ensino Especial – GAEE;
  • Gratificação de Atividade em Zona Rural – GAZR;
  • Gratificação de Atividade de Docência em Estabelecimento de Ensino Diferenciado – GADEED; 
  • Gratificação de Atividade de Docência em Estabelecimento de Restrição e Privação de Liberdade – GADERL.

O contratado terá garantido o direito ao pagamento de férias e décimo terceiro salário, proporcionais ao período efetivamente trabalhado durante a vigência do contrato.

Os locais para atuação do professor substituto serão agrupados por Bancos vinculados às seguintes Coordenações Regionais de Ensino (CREs): Brazlândia; Ceilândia; Gama; Guará; Núcleo Bandeirante; Paranoá; Planaltina; Plano Piloto/Cruzeiro; Recanto das Emas; Samambaia; Santa Maria; São Sebastião; Sobradinho; Taguatinga.

Sede da Secretaria de Educação do Distrito Federal
Secretaria de Educação do DF realiza novo concurso para 
professores substitutos (Foto: Divulgação)

No caso de esgotamento do banco de reserva de uma CRE, o candidato aprovado poderá ser convocado para atuar em outras Coordenações Regionais de Ensino.

Concurso Educação DF: inscrições até 10 de novembro

As inscrições serão abertas no dia 18 de outubro. Os interessados poderão se candidatar até 10 de novembro, pelo site do Instituto Quadrix , organizadora. 

O primeiro passo é preencher o formulário com todas as informações solicitadas. No ato da inscrição, o profissional poderá escolher um local de atuação, um componente curricular e um turno de trabalho (diurno ou noturno).

Em seguida, gerar o boleto e pagar a taxa de R$20,40 para professor 20h e R$49,50 para professor 40h. O pagamento poderá ser efetuado até 12 de novembro. 

Poderão solicitar a isenção da taxa: doadores de sangue; doadores de medula óssea; membros de famílias de baixa renda; comissário ou agente de proteção da infância e da juventude; eleitores convocados para servir à Justiça Eleitoral. 

Para pedir a isenção dos valores será preciso completar requerimento específico e enviar a documentação comprobatória das condições de 5 a 6 de outubro, pelo portal do Instituto Quadrix. 

O organizador do concurso analisará os documentos e divulgará, no dia 13 de outubro, o resultado preliminar dos pedidos de isenção. 

Provas do concurso estão marcadas para dezembro

O concurso Educação DF será composto por etapa única: prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, marcada para o dia 19 de dezembro. 

A aplicação será no turno da manhã para todos os componentes curriculares, exceto Atividades; e no turno da tarde, exclusivamente para o componente curricular Atividades. Em função da pandemia da Covid-19, será obrigatório o uso de máscara de proteção facial. 

Em até três horas, os candidatos deverão responder a 100 itens, no estilo certo e errado, distribuídos da seguinte forma:

  • Conhecimentos Básicos: 30 questões;
  • Conhecimentos Complementares: 30 questões;
  • Conhecimentos Específicos: 40 questões.

De acordo com o edital, será reprovado do concurso quem obtiver nota inferior a 12 pontos em Conhecimentos Básicos, 12 pontos em Conhecimentos Complementares, 16 pontos em Conhecimentos Específicos e 42 pontos na nota final da prova objetiva. 

O processo seletivo terá validade de um ano, com possibilidade de prorrogação por igual período. Enquanto o resultado final estiver válido, a Secretaria de Educação poderá convocar aprovados para suprir a necessidade de novos servidores. 

Além dos temporários, a pasta também prepara um novo concurso para efetivos. A secretária de Educação do DF, Hélvia Paranaguá, adiantou que o edital será divulgado em 2021.

O concurso teve autorização publicada em março. A oferta será para as carreiras do magistério e carreiras de assistência à Educação.

Estude para novos concursos com a Folha Cursos

Além da Secretaria de Educação do DF, outros órgãos preparam concursos pelo país. Por esse motivo, quem deseja ingressar no serviço público deve manter os estudos em dia.

Você sabia que a Folha Dirigida também tem cursos preparatórios? A Folha Cursos traz videoaulas exclusivas, material escrito e questões comentadas para te ajudar no caminho até a posse.

Conheça os cursos e comece já sua preparação!

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...