Ministério da Saúde: inscrições para 4.117 vagas até esta segunda, 7

O Ministério da Saúde divulgou novo edital para a contratação temporária de mais de 4 mil profissionais para atuarem em hospitais federais.

31/08/2020 07:34 | Atualizado: 07/09/2020 12:12

31/08/2020 07:34 | Atualizado: 07/09/2020 12:12

Foi publicado o novo edital do Ministério da Saúde. Conforme antecipado por Folha Dirigida, a seleção tem o objetivo de preencher 4.117 vagas temporárias em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior.

Os selecionados atuarão em Hospitais Federais do Rio de Janeiro e as remunerações podem chegar a R$11 mil. As inscrições são aceitas até esta segunda, 7.

O documento era previsto para sair ainda este mês e saiu no último dia, conforme previsão na autorização das vagas. A publicação foi feita no Diário Oficial da União, com todas as informações do processo seletivo simplificado.

Edital

O Ministério da Saúde contratará profissionais para atender à necessidade temporária de excepcional interesse público do órgão. As chances disponíveis são para as seguintes unidades hospitalares federais do Rio de Janeiro:

  • Hospital Federal do Andaraí (HFA);
  • Hospital Federal de Bonsucesso (HFB);
  • Hospital Federal da Lagoa (HFL);
  • Hospital Federal dos Servidores do Estado (HFSE);
  • Hospital Federal de Ipanema (HFI);
  • Hospital Federal Cardoso Fontes (HFCF);
  • Instituto Nacional de Cardiologia (INC);
  • Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO); e
  • Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA).


Para os concorrentes com nível médio completo de escolaridade, a oferta será para atividades de suporte em gestão e manutenção hospitalar (nível intermediário). Estes terão vencimentos de R$1.700 para 40 horas de trabalho por semana. 

Já os que possuem nível médio/técnico comprovado poderão concorrer ao cargo de técnico de enfermagem.  Os salários são de R$2 mil para carga de 40 horas semanais. 

Para graduados, as vagas de nível superior são para médicos 24 horas, com remuneração de R$11 mil, além do enfermeiro e atividades de gestão e manutenção hospitalar (para graduados). Para estes, os ganhos são de R$3.500 e R$3 mil, respectivamente para carga de 40 horas de trabalho na semana. 
 

Tabela de vagas - Edital Ministério da Saúde
Médico (nível superior)1.137 vagas
Enfermeiro (nível superior)996 vagas
Atividades de gestão e manutenção hospitalar (nível superior)604 vagas
Técnico de enfermagem (nível médio/técnico)865 vagas
Atividades de gestão e manutenção hospitalar (nível médio)515 vagas


É importante destacar que o contrato de trabalho será de seis meses, sendo este prazo improrrogável. O Ministério da Saúde ainda poderá, em caso de desistência ou de rescisão contratual, realizar novas contratações para completar o prazo total de seis meses do contrato antecedente, respeitando os critérios de classificação.

Vale lembrar que o órgão havia divulgado, em maio, um edital bem parecido e com o mesmo quantitativo de vagas. Mas, este processo foi cancelado devido à edição da  Medida Provisória nº 974, de 28/05/2020  , que autoriza a prorrogação de contratos por tempo determinado no Ministério da Saúde.

Com esta nova seleção, os profissionais, cujos contratos foram renovados ou cancelados, poderão participar, em mesmas condições, com os demais candidatos.

Resumo Ministério da Saúde

  • Órgão: Ministério da Saúde
  • Vagas: 4.117
  • Cargos: atividades de suporte em gestão e manutenção hospitalar (níveis médio e superior); técnico de enfermagem, médico 24h e enfermeiro
  • Requisitos: níveis médio, técnico e superior
  • Salários: R$1.700 a R$11 mil
(Foto: Divulgação)
Ministério da Saúde abre inscrições para 4.117 vagas
(Foto: Divulgação)

Ministério da Saúde recebe inscrições até esta segunda, 7

O Ministério da Saúde já inscreve na seleção. Os cadastros são aceitos até esta segunda, 7 de setembro. Para participar, os candidatos devem acessar o próprio  site do Ministério da Saúde . Os cadastros são feitos de maneira gratuita e não há cobrança de taxa. 

O primeiro passo será preencher a ficha com todos os dados solicitados. Feito isso, precisarão anexar o currículo para avaliação. 

 

curso para PF


Como os candidatos serão avaliados?

O novo processo seletivo do Ministério da Saúde será realizado por meio de análise curricular. Os aprovados serão convocados via e-mail cadastrado no ato da inscrição. Por isso, é necessário ter todas as informações preenchidas corretamente e de maneira atualizada.

É importante destacar que não serão contratados:

  • candidatos que ocupem cargo efetivo ou emprego permanente em órgão da Administração Pública Federal Direta e Indireta;
  • participem de gerência ou administração de sociedade privada, personificada ou não personificada, exerça o comércio, exceto na qualidade de acionista, cotista ou comanditário.
  • profissionais que não possuam compatibilidade de horários, a ser analisada, comprovada e atestada por setor responsável da Unidade solicitante da contratação.

O contrato temporário de trabalho poderá ser rescindido pelo término do prazo; por iniciativa da Administração Pública; ou por iniciativa do contratado por escrito, com 30 dias de antecedência.

A etapa de seleção do processo seletivo do Ministério da Saúde será eliminatória. A homologação do resultado final está prevista para 30 de outubro.

Confira o material de preparação da FOLHA DIRIGIDA e comece já os estudos para o concurso!

✔ E-books 
✔ Provas para download
✔ Artigos sobre concursos
✔ Editais verticalizados
✔ Vídeos com dicas

Newsletter

Newsletter

Quer receber novidades sobre concursos?

Quer receber diretamente no seu e-mail as principais notícias dos concursos da sua região?

E de quebra dicas para seus estudo? Cadastre-se gratuitamente na newsletter FD para ter tudo isso!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

Ministério da Saúde - 4.117 vagas - 2020

RJ
Até R$11000,00
Fund...
4117 vagas