Concurso PRF: envio de novo pedido tem agora 2.772 vagas

A Polícia Rodoviária Federal confirmou o envio de um novo pedido de concurso PRF à Economia com 2.772 vagas de níveis médio superior.

02/06/2020 14:08 | Atualizado: 22/06/2020 15:31

Por: Mateus Carvalho

02/06/2020 14:08 | Atualizado: 22/06/2020 15:31 - Por: Mateus Carvalho

A Polícia Rodoviária Federal confirmou à FOLHA DIRIGIDA, na tarde desta terça-feira, 2, que o novo pedido de concurso PRF foi enviado ao Ministério da Economia. A oferta agora é de 2.772 vagas.

Isso porque, além das 2.634 vagas pedidas para policial, de nível superior, a corporação solicitou 138 vagas de agente administrativo, de nível médio.

De acordo com a Comunicação da PRF, o pedido foi encaminhado em conjunto com o Ministério da Justiça e Segurança Pública.

No último dia 29, a reportagem já havia confirmado com a corporação que seria enviada uma nova solicitação à pasta. A demanda estava com a pasta da Segurança Pública e foi confirmado o envio.

De acordo com a PRF, a proposta enviada prevê a formação de três turmas, todas de policial rodoviário federal. A formação desses alunos está prevista para acontecer em 2021 e 2022, com o provimento dos cargos a partir de janeiro de 2022.

O que precisa ter para concorrer?

A carreira de policial rodoviário federal exige graduação em qualquer área e carteira nacional de habilitação a partir da categoria B.

Os PRF's recebem uma remuneração inicial de R$10,3 mil, já somada com o auxílio-alimentação de R$458.

A carreira de agente administrativo exige o nível médio e tem ganhos de R$4.022,77.

PEDIDO DO CONCURSO PRF 2020/2021

CARGOVAGAS REMUNERAÇÃO REQUISITOS
Policial rodoviário federal2.634R$10.357,88Nível superior em qualquer área, de 18 a 65 anos e CNH 
Agente administrativo138R$4.022,77Nível médio completo


Qual a próxima etapa após o pedido?

Todos os órgãos federais tiveram até o último domingo, 31 de maio, para enviaram ao Ministério da Economia um novo pedido de concurso. Os órgãos e autarquias também podem escolher renovar um pedido já realizado, caso este não tenha sido negado.

Assim que a demanda é enviada à pasta, passa por análise e pode ser analisada a qualquer momento. O governo leva em consideração diversos fatores, entre eles a previsão orçamentária.

Se o aval for concedido, será divulgado no Diário Oficial da União, com assinatura do ministro Paulo Guedes.

O edital do concurso PRF sairá este ano?

A resposta é sim, porém depende de diversos fatores. Primeiro, a Polícia Rodoviária Federal precisa receber o aval do Ministério da Economia. O documento trará uma previsão de até seis meses para o edital ser divulgado.

Assim que o aval for publicado, o órgão formará uma comissão organizadora para que o grupo contrate a banca. A empresa costuma ser definida por meio de dispensa de licitação.

Nos últimos anos, a banca escolhida foi o Cebraspe. Assim que a empresa for definida, o próximo passo é assinar o contrato - o que libera o edital para sair a qualquer momento.

A partir da liberação do edital, a aplicação das provas costuma acontecer em três meses. Dessa forma, se o aval for publicado nos próximos meses, há a possibilidade das provas acontecerem este ano. Esse, no entanto, é um prazo improvável tendo em vista o processo que antece a publicação das regras e um possível atraso nos trâmites.

(Foto: Divulgação)
PRF confirma novo pedido de concurso com mais de 2,6 mil vagas
(Foto: Divulgação)

O órgão conta com as seguintes lotações:

⇒  Sede, em Brasília
⇒  27 superintendências regionais
⇒  150 delegacias
⇒  413 unidades operacionais
⇒  Total de mais de 550 unidades em todo o país  

Mais de 1,1 mil aprovados já estão em atividade pela PRF

A Polícia Rodoviária Federal realizou concurso em novembro de 2018, quando o edital foi publicado pelo Cebraspe (antigo Cespe/UnB). A oferta foi de 500 vagas imediatas, todas para policial rodoviário federal.

De acordo com a corporação, dos 1.779 aprovados nesta seleção, 1.165 concluíram o curso em dezembro de 2019 e já estão em atividade pela PRF.

Além disso, presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que autoriza a convocação dos 609 excedentes. O documento foi antecipado por FOLHA DIRIGIDA, e foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União, na noite da quinta-feira, 28.

O novo diretor-geral da corporação, Eduardo Aggio, gravou um vídeo acompanhado de aprovados, comemorando o aval do presidente.

"É com muito prazer e entusiasmo que eu informo que, hoje, o presidente da República assinou o decreto da vinda dos 600 novos policiais rodoviários federais; 609, senhores! Venham para a corporação. Sejam bem-vindos! O país precisa de vocês e a PRF anseia por vocês aqui dentro", disse Aggio.

Esses aprovados realizarão o curso de formação, última etapa, na Academia da PRF, localizada em Florianópolis SC. Eles serão admitidos já no segundo semestre, de acordo com a PRF.

Último concurso contou com oito etapas de seleção

O último concurso contou com provas objetivas e redação nas diversas Unidades Federativas com oferta de vagas. Os participantes responderam a 120 questões, distribuídas por meio de três blocos. As demais etapas foram:

  • Prova objetiva
  • Prova discursiva
  • Exame de capacidade física;
  • Avaliação de saúde;
  • Avaliação psicológica;
  • Avaliação de títulos;
  • Investigação social;
  • Curso de formação.

Último concurso PRF nível médio foi em 2015

O último edital de agente administrativo da PRF foi publicado em 2015 e teve a Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab) como banca organizadora. Quem deseja já iniciar os estudos pode tirar o concurso anterior como referência.

Na última seleção, os candidatos foram submetidos a duas etapas de avaliação: 

  1. Prova Objetiva;
  2. Investigação Social.

A prova objetiva teve caráter eliminatório e classificatório, com até três horas e meia para responder a 60 questões de múltipla escolha divididas em duas partes:

  • 24 de Conhecimentos Básicos:

Língua Portuguesa (12)
Ética e Conduta Pública (6)
Raciocínio Lógico (6)

  • 36 de Conhecimentos Específicos:

Noções de Direito Constitucional (6)
Noções de Direito Administrativo (6)
Noções de Administração (6)
Noções de Arquivologia (6)
Noções de Informática (6)
Legislação Relativa à PRF (6)

A expectativa é de que o próximo edital siga a mesma estrutura do anterior. Em 2014, cada questão da parte Específica valia 1,5 ponto, enquanto que na parte de Básica, os itens de Língua Portuguesa contabilizavam 2 pontos e os das demais disciplinas, 1 ponto.

Por Mateus Carvalho
[email protected]

Confira o material de preparação da FOLHA DIRIGIDA e comece já os estudos para o concurso!

✔ E-books 
✔ Provas para download
✔ Artigos sobre concursos
✔ Editais verticalizados
✔ Vídeos com dicas

Newsletter

Newsletter

Quer receber novidades sobre concursos?

Quer receber diretamente no seu e-mail as principais notícias dos concursos da sua região?

E de quebra dicas para seus estudo? Cadastre-se gratuitamente na newsletter FD para ter tudo isso!

Sobre o concurso

Previsto

PRF - 2020 - Policial Rodoviário

Nacional
Não informado
Fund...
Não informado