Concurso Polícia Penal MG: secretaria fala sobre prazo do edital

Em resposta à Folha Dirigida, Secretaria de Justiça e Segurança Pública se pronuncia sobre prazo para o edital do concurso Polícia Penal MG.

11/08/2021 12:22 | Atualizado: 12/08/2021 10:45

11/08/2021 12:22 | Atualizado: 12/08/2021 10:45

A Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp MG) se pronunciou sobre a abertura do novo concurso para Polícia Penal. Em resposta à Folha Dirigida nesta quarta-feira, 11, a pasta confirmou que o edital está previsto para agosto.

Em transmissão ao vivo realizada no último dia 1º, o secretário Rogério Greco afirmou que “estourando a gente tem esse edital até o dia 15 de agosto”. Porém, a Assessoria de Imprensa da Sejusp MG revelou que ainda não há uma data fechada para publicação.

“A previsão é que saia ainda em agosto, mas não conseguimos precisar o dia. A informação repassada pelo secretário, mais precisamente, é ainda em agosto”, consta em nota enviada à reportagem.

O concurso terá oferta de 2.420 vagas para policiais penais (antigos agentes penitenciários). Desse total, 1.944 serão para o sexo masculino e 476 para o sexo feminino

O cargo tem como pré-requisitos o ensino médio completo e idade mínima de 18 anos. Não há limite de idade, altura ou necessidade de Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Policiais penais de Minas Gerais realizam treinamento
Concurso Polícia Penal MG terá reserva de vagas para 
mulheres (Foto: Divulgação)

As remunerações iniciais são de R$4.631,25, para jornada de trabalho de 40 horas por semana. O período poderá ser cumprido em escala de plantão, conforme a necessidade do trabalho. Haverá reserva de vagas para pessoas com deficiência.

Segundo o subsecretário de Inteligência e Integração do Estado, Christian Vianna, o concurso será estadual. As chances não serão regionalizadas, ou seja, o edital não trará a distribuição da oferta por localidades.

Os aprovados poderão ser lotados em qualquer unidade penitenciária, a depender da necessidade.

Concurso Polícia Penal MG terá Selecon como organizador

O Instituto Selecon foi contratado como organizador do concurso. Ele será responsável por receber as inscrições e aplicar as primeiras etapas da seleção, como provas objetivas e discursivas.

O concurso será composto por cinco fases: provas objetivas e de redação; prova de aptidão psicológica e psicotécnica; exames médicos; prova de condicionamento físico; comprovação de idoneidade e conduta ilibada (investigação social).

Não será aplicada prova de títulos. Os aprovados em todas as etapas ainda serão submetidos ao curso de formação, a ser realizado em Belo Horizonte. No decorrer do período de aula, haverá concessão de uma bolsa de 50% do salário inicial da carreira.

Em transmissão ao vivo no dia 4 de julho, o subsecretário Christian Vianna informou que, a primeira fase do concurso (prova objetiva e redação) deverá ser realizada entre o fim de setembro e início de outubro. A estimativa é que o concurso seja concluído apenas em 2022.

“O processo será iniciado este ano e terminará apenas no fim do ano que vem. As provas objetivas e de redação serão entre fim de setembro e início de outubro”, afirmou.

Intensifique seus estudos para o concurso Polícia Penal MG

Com a proximidade da publicação do edital, os interessados no concurso Polícia Penal MG devem turbinar os estudos para as provas.

Você sabia que a Folha Dirigida também tem cursos preparatórios? A Folha Cursos traz videoaulas exclusivas, apostilas e questões comentadas para te ajudar no caminho até a aprovação.

Estude para o concurso Polícia Penal MG com a Folha Cursos!

Folha Dirigida teve acesso ao projeto básico do concurso Polícia Penal MG. O documento funciona como um espelho para o edital e confirma as etapas da seleção e as disciplinas que serão cobradas.

De acordo com o projeto básico, as provas objetivas terão 60 questões, distribuídas da seguinte forma:

  • Língua Portuguesa – 10 questões;
  • Informática Base – 5 questões;
  • Noções de Direito – 10 questões;
  • Direitos Humanos – 10 questões;
  • Legislação Especial – 20 questões;
  • Raciocínio Lógico – 5 questões.

As avaliações serão aplicadas em 16 cidades mineiras, incluindo a capital Belo Horizonte. Já a prova de aptidão física exigirá os exercícios a seguir:

  • Teste de flexão em barra fixa;
  • Teste de flexão abdominal;
  • Teste de impulsão horizontal;
  • Teste de flexão de braços no solo;
  • Teste de corrida de 12 minutos.

Vale destacar que essa estrutura pode sofrer alterações no edital, a depender da negociação com a banca organizadora. No entanto, já é possível ter uma base para os estudos.

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...