Concurso Polícia Penal MG: edital tem primeira retificação publicada

Edital do concurso para Polícia Penal MG com 2.420 vagas tem sua primeira retificação publicada. Veja o que mudou!

23/08/2021 16:24

23/08/2021 16:24

O edital do concurso para Polícia Penal de Minas Gerais teve sua primeira retificação publicada. As alterações são sobre escolaridade, lotação, horário de provas e obrigatoriedade de máscara facial.

Inicialmente, o edital, publicado no dia 18 de agosto, trouxe como requisito para carreira de policial penal (antigo agente penitenciário): conclusão do ensino médio ou curso profissionalizante de ensino médio ou formação de nível superior.

Agora, o Governo de Minas Gerais retificou esse requisito e deixou apenas: conclusão do ensino médio. Isso significa que o ensino médio é o requisito básico. O que não impossibilita que pessoas que tenham nível superior ou profissionalizante também possam se inscrever.

As provas objetivas e de redação estão confirmadas para o dia 16 de janeiro. Os portões serão abertos às 13h e fechados às 13h45. O tempo mínimo para permanência do candidato em sala será de duas horas.

Policiais penais de Minas Gerais durante treinamento
Concurso Polícia Penal MG tem reserva de vagas para mulheres
(Foto: Divulgação)

Só será permitido levar o caderno de questões a partir de 30 minutos para o horário de término da prova. Os locais e horários da aplicação serão divulgados no dia 11 de janeiro, pelo site do Instituto Selecon, organizador do concurso.

A princípio, o edital trazia a obrigatoriedade de máscara de proteção facial para participação na primeira etapa do concurso Polícia Penal MG. O documento foi retificado e consta com o seguinte trecho:

“Caso esteja em vigência, a época da aplicação de provas, legislação Estadual e/ou Municipal(is), determinando protocolos sanitários relacionados à incidência da pandemia do COVID-19, os candidatos apenas poderão adentrar nos locais de realização de prova utilizando máscaras de proteção facial. Aqueles candidatos que se recusarem a utilizar ou a utilizarem de forma incorreta, serão eliminados do certame”.

A lotação do policial penal será definida somente após o término do curso de formação, observando as vagas disponíveis. Conforme a retificação do edital, também será observada a ordem de classificação do candidato.

Ou seja, aqueles que tiverem as melhores classificações depois do curso de formação terão prioridade para escolha das lotações.

Concurso Polícia Penal MG oferece mais de 2 mil vagas

O concurso oferece 2.420 vagas para policiais penais. O cargo tem como requisitos: o nível médio completo e idade mínima de 18 anos na data da posse. Não há limite de idade máxima, altura ou necessidade de Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Os salários iniciais são de R$4.631,25, para jornada de trabalho de 40 horas por semana. O período poderá ser cumprido em escala de plantão, conforme a necessidade do trabalho. Há reserva de vagas para pessoas com deficiência.

O concurso é estadual, ou seja, as vagas não são regionalizadas e distribuídas por localidades. Os aprovados poderão ser lotados em qualquer unidade penitenciária, a depender da necessidade e do orçamento disponível.

As inscrições terão início no dia 22 de outubro, pelo   site do Instituto Selecon   , organizador da seleção. Os interessados poderão concluir o processo até o dia 21 de novembro.  A taxa é de R$49,16. 

Com a divulgação do edital, quem seja ingressar na Polícia Penal MG deve intensificar os estudos para as provas.

Estude para o concurso Polícia Penal MG com a Folha Cursos!

Concurso Polícia Penal MG terá seis etapas diferentes

Os candidatos do concurso Polícia Penal MG serão submetidos a até seis fases: provas objetivas e de redação; avaliações de aptidão psicológica e psicotécnica; exames médicos; prova de condicionamento físico; comprovação de idoneidade e conduta ilibada (investigação social); curso de formação técnico-profissional.

As provas objetivas e de redação estão previstas para o dia 16 de janeiro de 2022. A aplicação ocorrerá nas cidades de Barbacena, Belo Horizonte, Curvelo, Divinópolis, Ipatinga, Governador Valadares, Juiz de Fora.

Além de Lavras, Montes Claros, Patos de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Uberaba, Uberlândia e Unaí. Durante cinco horas, os candidatos deverão responder a 60 questões, distribuídas da seguinte maneira:

  • Língua Portuguesa – 10 questões;
  • Informática Base – 5 questões;
  • Noções de Direito – 10 questões;
  • Direitos Humanos – 10 questões;
  • Legislação Especial – 20 questões;
  • Raciocínio Lógico – 5 questões.

Ainda será necessário elaborar uma redação de 20 a 30 linhas. Os classificados serão convocados para as próximas etapas.

Por sua vez, a prova de condicionamento físico será de 22 de junho a 8 de julho de 2022, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A etapa exigirá os exercícios a seguir:

  • Teste de flexão em barra fixa (para o sexo masculino) e teste estático de barra fixa (para o sexo feminino);
  • Teste de flexão abdominal;
  • Teste de impulsão horizontal;
  • Teste de flexão de braços no solo;
  • Teste de corrida de 12 minutos.

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...