Concurso Polícia Penal MG: instituto Selecon tem proposta aceita

Pregão eletrônico para escolha da banca do concurso Polícia Penal MG tem o Instituto Selecon habilitado, mas definição ainda cabe recurso.

01/07/2021 17:42 | Atualizado: 05/07/2021 10:44

01/07/2021 17:42 | Atualizado: 05/07/2021 10:44

O Instituto Selecon foi habilitado para organizar o concurso Polícia Penal MG. O ato ocorreu durante o pregão eletrônico realizado neste dia 1° de julho. A proposta da banca foi aceita, sem mais ressalvas.

No entanto, foi aberto prazo para que outras organizadoras apresentassem recursos contra o resultado. A única banca que manifestou desejo de interpor recurso foi o Instituto AOCP.

A organizadora tem três dias úteis para formular os motivos da discordância. Outras bancas também poderão apresentar contrarrazões durante este período.

A previsão é que a sessão seja retomada no dia 6 de julho. O Instituto Selecon já garantiu parecer favorável da área técnica e, ao que tudo indica, deve ser oficializado em breve com o organizador das etapas principais do concurso Polícia Penal MG.

Caso isso ocorra, faltará apenas a assinatura do contrato para dar início aos preparativos finais. Em seguida, o edital ficará sem impedimentos para a sua publicação. A expectativa é que isso ocorra o quanto antes.

Segundo o secretário de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais, Rogério Greco, estimativa era de que o edital ficasse pronto entre junho e julho.
 

(Foto: Divulgação)
Concurso Polícia Penal MG deve anunciar o Instituto Selecon como banca
(Foto: Divulgação)


Concurso Polícia Penal MG tem dois processos para definir bancas


Vale destacar que são realizados dos processos distintos e simultâneos para o concurso Polícia Penal MG. O primeiro é este, no qual o Selecon leva vantagem e deve ser o escolhido para organizar as etapas principais.

Mas que etapas principais são estas? São as primeiras fases, do recebimento das inscrições até as provas escritas e práticas, os chamados eventos complementares.

Já ao segundo processo, é para organizar o curso de formação. Para este, o Instituto AOCP apresentou o menor preço.  Mas, no dia 14 de junho, informou que não conseguirá manter e prosseguir com sua proposta.

E o que foi feito?

A comissão de licitação convocou a banca que propôs o segundo menor valor para negociação. Entretanto, essa instituição também não aceitou o preço proposto no termo de referência.

Foi aberto então um prazo para recursos, mas nenhuma empresa manifestou interesse em abaixar os preços. Com isso, a licitação específica para organização do curso de formação dos aprovados no concurso foi fracassada. Ainda não há informações de quando esse processo será retomado.


Concurso Polícia Penal MG tem oferta de vagas confirmada


Já se sabe quantas vagas terá o concurso da Polícia Penal MG? Sim! E ela é bem atrativa. Serão mais de 2,4 mil vagas para o principal cargo de agente penitenciário.

No total, serão 2.420 vagas para policial penal (antigo agente penitenciário), sendo 1.944 para o sexo masculino e 476 para o sexo feminino.

A carreira tem como requisitos o ensino médio completo e idade mínima de 18 anos. Os ganhos são de R$4.631,25, em início de carreira, para jornada de trabalho de 40 horas por semana. O período poderá ser cumprido em escala de plantão, conforme a necessidade do trabalho.
 

Edital do concurso Seap MG está previsto para julho


De acordo com o secretário de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais, Rogério Greco, o edital do concurso Polícia Penal MG está previsto para ser divulgado no mês de julho

“Nossa previsão é em meados de julho”, disse o secretário.

Segundo o chefe da pasta, o edital será divulgado após a homologação e contratação da banca organizadora. Além disso, Greco confirmou a estrutura de provas do concurso.

Os candidatos serão avaliados por meio de cinco etapas de seleção, sendo elas: provas objetivas e de redação; prova de aptidão psicológica e psicotécnica; exames médicos; prova de condicionamento físico; comprovação de idoneidade e conduta ilibada (investigação social).

Ele também falou sobre o curso de formação, que será realizado pelos aprovados em todas as etapas do concurso. Segundo ele, serão quatro meses de aulas, com cerca de 672 horas, e não mais 40 dias, como ocorreu anteriormente.

“Acabou aquilo de entrar para um cargo importante, como o da Polícia Penal, sem o mínimo de preparação”, esclareceu.

Prepare-se para concursos com a Folha Cursos

Folha Cursos chegou para acelerar os seus estudos. Em nossa nova plataforma, você encontra materiais completos, otimizados e sem enrolação!

Confira a seguir os cursos preparatórios já disponíveis:

Por cargo

Por carreira

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...