Seplag e Cebraspe se reúnem para tratativas do concurso PM AL
Ainda suspenso, o concurso PM AL segue sem previsão de retomada. Mas, a Seplag e o Cebraspe já se reúnem para tratar da seleção.
24/09/2021 08:56 | Atualizado: 27/09/2021 07:47
24/09/2021 08:56 | Atualizado: 27/09/2021 07:47

Ainda suspenso judicialmente, o concurso da PM AL segue sem previsão de retomada. No entanto, os órgãos responsáveis, bem como a banca organizadora, já se reúnem para agilizar os trâmites.

Pelas redes sociais, a Secretaria de Planejamento e Gestão, a Seplag, publicou um registro sobre um encontro com membros do Cebraspe, na sede da banca de Brasília.

Veja o que disse a Seplag:

"Nosso dia começou em Brasília, junto ao Cebraspe, para acompanhar de perto o andamento de toda a questão sobre o concurso da  @pmal.oficial . Estamos monitorando e conversando diretamente com a banca para que possamos oferecer todo o suporte necessário para as investigações nesse momento. Somos os principais interessados na elucidação do caso e não mediremos esforços para que tão breve tenhamos uma resolução!"

Embora os órgãos já estejam se movimentando para adiantar possíveis processos, ainda não há previsão de quam a retomada acontecerá. Isso porque a suspensão aconteceu de forma judicial e dependerá de decisão da Justiça.

Foto de reunião entre Cebraspe e Seplag
Concurso da PM AL está suspenso judicialmente
(Foto: Reprodução/Instagram Seplag)

Governador diz que aguarda investigações

Sob suspeita de fraude, o concurso PM AL foi suspenso oficialmente no dia 15 de setembro. A decisão foi anunciada pelo secretário Fabrício Marques, após a seleção ser acionada judicialmente.

A paralisação deve durar até que terminem as investigações. A Seplag e a Polícia Militar informou que a suspensão foi uma medida cautelar para manter a lisura e transparência do concurso público.

Mas, a retomada dependerá de decisão da Justiça. Inclusive, o governador Renan Filho falou recentemente sobre a previsão de retomada. Ele disse que é preciso aguardar as investigações.

Ainda segundo Renan, qualquer decisão que for tomada não será dada somente pelo governo de Alagoas, já que o problema está judicializado.

Veja a fala do governador na íntegra:

"O concurso da polícia foi suspenso pela Justiça e pela comissão organizadora do governo. Nós estamos aguardando a finalização das investigações para tomar uma decisão. É óbvio que agora a decisão não será só do governador. O problema está judicializado. A decisão será da Justiça e do Governo do estado. Espero que a gente encontre um caminho para fazer justiça e não permita fraude no concurso, e que garanta que as pessoas tenham condições de fazer as provas e serem aprovadas se tiverem conhecimento. Se a fraude não tiver amplitude, que a gente siga em diante. Mas isso não será decidido pelo governador, está judicializado. Espero que nos próximos dias a gente conclua as investigações para tomar uma decisão."

Resultados das provas já foram publicados

Na última sexta-feira, 10, o resultado final das provas objetivas foi divulgado oficialmente banca Cebraspe. Também foi publicado o resultado provisório da discursiva para o oficial.

Para esse resultado provisório, o prazo para recursos foi aberto nesta segunda, 13, e segue até a sexta, 17 de setembro. O documento está disponível para    acesso no site do Cebraspe    .

O concurso da Polícia Militar de Alagoas conta com vagas para os cargos de soldado e oficial. As provas foram realizadas no dia 15 de agosto, no turno da manhã para os candidatos a oficial e no turno da tarde para os soldados.

Neste dia, foram cobradas questões de Conhecimentos Básicos e Específicos.

Quais serão as próximas fases do concurso PM AL?

O concurso da Polícia Militar do Alagoas, assim como já de costume em concursos policiais, ainda terá outras diferentes fases de avaliação. As etapas são as seguintes: 

► teste de aptidão física;
► avaliação médica das condições de saúde física e mental;
► avaliação psicológica;
► comprovação documental;
► investigação social; e
► exame toxicológico.

Quanto ganharão os policiais da PM AL?

Os novos policiais, aprovados em todas as etapas e contratados, deverão receber remuneração de R$4.250,06 (soldado) e R$ 8.099,94 (oficial). O regime de contratação é o estatutário, com estabilidade.

Ao longo do curso de formação, os aprovados já contarão com ganhos. No caso dos soldados será de R$1.682,33, passando, após o curso, para R$4.250,06. No caso dos oficiais será o seguinte:

  • Cadete 1º Ano - R$ 2.768,17
  • Cadete 2º Ano - R$ 2.971,91
  • Cadete 3º Ano - R$ 3.359,09
  • Aspirante após a conclusão do Curso de Formação de Oficiais (CFO) -  R$ 8.099,94

Edital PM AL tem mais de mil vagas

Ao todo, são oferecidas 1.060 vagas de nível médio. Para soldado são mil oportunidades e as demais 60 para oficial.

Além da escolaridade, as carreiras têm como requisitos idade de 18 anos a 30 anos completos até a data limite para inscrição no concurso público, altura mínima de 1,65 (homens) e 1,60 (mulheres) e Carteira Nacional de Habilitação na categoria B. 

O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado por mais um ano. Durante este tempo, a Polícia Militar deverá convocar os aprovados nas vagas imediatas e também poderá chamar os aprovados em cadastro, conforme a necessidade e orçamento.

Folha Cursos

Quer receber novidades sobre concursos?
Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!
Newsletter
Receba notícias recomendadas para você!
É só se cadastrar e seguir concursos de seu interesse para receber notícias exclusivas direto na sua página inicial.
icon